Prestar esclarecimentos

Senado convoca envolvidos nas negociações do Brasileirão

A epopeia das transmissões do Campeonato Brasileiro de futebol ganhou uma nova personagem: o Senado Federal, que por meio de sua Comissão de Educação, Cultura e Esporte aprovou a convocação dos envolvidos nas negociações para os próximos três anos para prestar esclarecimentos. 

Serão convocados para discutir, em audiência pública, o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, o respectivo do Clube dos 13, Fábio Koff, e representantes das redes de televisão interessadas em levar o Brasileirão.

Segundo informa o portal UOL, os dirigentes de clubes e representantes de TVs que irão participar devem ser definidos até a próxima terça-feira (29) pela Comissão. A requisição foi feita pela senadora Lídice da Mata (PSB-BA). 

"Esse é um assunto importante e que merece uma discussão com todos esses dirigentes esportivos e de mídia. Essa negociação em separado pode enfraquecer clubes regionais para beneficiar os clubes do Rio de Janeiro e de São Paulo", disse Lídice ao apresentar seu pedido de audiência. 

Um dos principais adversários políticos do presidente da CBF, o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias (PR), afirmou que o assunto merece atenção da Casa, uma vez que os direitos de transmissão da Série A rendem pouco aos clubes, cerca de R$ 600 milhões para serem divididos entre todos, enquanto, na liga inglesa, por exemplo, a arrecadação chega a US$ 5 bilhões. "Só pode haver algo errado aí", observou.           

Comentários