Um menor foi apreendido em Cabo Frio

Bandidos rivais tentam controlar a favela do Jacaré
Marcelo Bastos
Uma guerra entre grupos de traficantes rivais que já dura uma semana vem aterrorizando moradores da favela do Jacaré, em Cabo Frio, na Região dos Lagos. Neste sábado (26), um menor de 14 anos foi apreendido com uma pistola.
Traficantes das favelas do Lixo, Boca do Mato e Rainha da Sucata, ligados à facção criminosa que dominava o Complexo do Alemão, no Rio, intensificaram os ataques após sete traficantes do Jacaré terem sido presos  por PMs no início da semana. Na ocasião, quatro armas foram apreendidas.
Durante uma incursão na manhã deste sábado, agentes da Delegacia de Cabo Frio (126ª DP) foram recebidos a tiros de metralhadora. Ninguém ficou ferido. O menor apreendido foi localizado numa área de mata para onde os criminosos fugiram.
De acordo com a polícia pelo menos dez criminosos foragidos do Alemão após a ocupação de novembro participaram da ofensiva contra o grupo que também conta com reforço de criminosos do Rio, principalmente do morro do Dendê, na Ilha do Governador, zona norte do Rio, e do Complexo de Senador Camará, na zona oeste.
A situação havia se acalmado na favela do Jacaré com a instalação de um trailer da PM no local. Durante os ataques, no entanto, até a unidade militar foi atingida pelos tiros.

Comentários