Protesto nos quatro cantos do Brasil




O Dia Mundial da Saúde, comemorado nesta quinta-feira (07), está sendo de muitos protestos no Brasil.
Os médicos de todo o país supenderam o atendimento aos planos de saúde. A mobilização foi definida pelas entidades nacionais (Associação Médica Brasileira, Conselho Federal de Medicina e Federação Mineira de Médicos). 
Cerca de 160 mil médicos brasileiros protestam contra os reajustes irrisórios dos honorários.

A mobilização tem como objetivo denunciar a interferência dos planos de saúde na autonomia do médico e exigir das operadoras e da Agência Nacional de Saúde (ANS) a regularização dos contratos, que não tem cláusulas de periodicidade e critérios de reajustes, contrariando o regulamento existente. 

Só serão atendidos os casos de urgência e emergência. 

Comentários