Tiririca

Freio na farra do palhaço

O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), disse ontem (4) que o deputado Tiririca (PR-SP) e outros parlamentares precisam ser informados sobre o direito de reembolso por gastos feitos no exercício do mandato. O jornal O Estado de S. Paulo revelou no sábado que Tiririca pediu ressarcimento de R$ 660 referentes a hospedagem no Porto d’Aldeia Resort, em Fortaleza. O deputado também pediu mais R$ 311 gastos em alimentação, no mesmo hotel. 
“Precisamos orientar melhor o deputado Tiririca sobre os gastos possíveis de serem realizados pelo parlamentar e em que atividades ele pode pedir restituição das despesas. Este é um caso exemplar. Não sei que informações ele prestou. Se houver alguma irregularidade, vamos pedir ao deputado que devolva os recursos à Câmara”, afirmou Maia.

Comentários