Aconteceu ...

na região dos Lagos

Destino turístico Cabo Frio é apresentado aos argentinos, em Buenos Aires


Luane Ferreira, Vladimir Oliveira e Eliane Ribeiro (equipe da Secretaria de Turismo de Cabo Frio)
   
Representantes da Secretaria Municipal de Turismo apresentaram, ontem (18), no Hotel Pestana, em Buenos Aires, o potencial turístico da cidade de Cabo Frio para 130  agentes de viagens e operadores de turismo argentinos.


O evento, realizado durante toda a manhã, também contou com a presença de Arraial do Cabo iniciando um projeto pioneiro de parceria com Cabo Frio, buscando mostrar as potencialidades das duas cidades para um público específico do trade turístico.Cabo Frio preparou um material específico para este evento,  traduzido para o espanhol, com ênfase na beleza das praias e na cultura e história do município. Durante a apresentação, feita pela assessora de comunicação Eliane Ribeiro, o destaque foi a facilidade de acesso à cidade que fica a menos de 200km da capital do estado e a importância do aeroporto internacional.
Durante o encontro foi ressaltado o porquê do nome Cabo Frio, lembrando que na cidade faz calor quase o ano todo, com temperaturas médias em torno de 26 graus. A diversidade do comércio, a divulgação da Rua dos Biquinis, a rede hoteleira, a gastronomia e o calendário de eventos também foram destacados e despertaram interesse dos participantes.
Além da participação de Eliane Ribeiro, Luane Ferreira e Vladimir Oliveira, representantes da Secretaria de Turismo de Cabo Frio, o "Seminario de Presentación y Capacitación Cabo Frio y Arraial do Cabo", contou com a presença do vereador Fernando Comilão, dos presidentes do Convention Bureau e da Associação de Hotéis, respectivamente, Radamés Muniz e João Vissirini, e dos hoteleiros Beto Saci e Augusto Côrtes.
Com ações deste gênero, unindo o poder público e a iniciativa privada, o governo municipal pretende desenvolver um intenso trabalho de apresentação do destino turístico Cabo Frio no circuito sul americano, inicialmente na Argentina e logo depois em outros países da América Latina.


Comentários