Bom dia! Jornais e revistas deste domingo

Querido leitor, divulgamos as manchetes dos principais jornais e a sinopse dos mesmos para que você não perca seu tempo procurando. Comente e dê sua opinião!

O Globo

Manchete: Programa de segurança de Dilma não sai do papel
Principal projeto de combate à violência tem corte de R$ 1 bilhão

Apesar de ter passado a campanha eleitoral prometendo priorizar a segurança, a presidente Dilma Rousseff não apenas não tirou do papel as promessas como cortou fortemente o orçamento da área. Só o Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) perderá R$ 1,028 bilhão este ano, ou 47% do previsto. O investimento feito nestes quatro primeiros meses de gestão Dilma é inferior ao executado no mesmo período do ano passado. A criação dos postos de polícia comunitária e a modernização de cadeias, por exemplo, são projetos que ainda não receberam qualquer investimento. Apontado como solução para o patrulhamento de fronteiras, o projeto Vant (veículo aéreo não tripulado) também não decolou. O governo alega que a política para o setor foi replanejada. (Págs. 1, 3 e 4)
Aldo recua e muda projeto do Código Florestal
Após receber críticas da comunidade científica, o relator do projeto de reforma do Código Florestal, deputado Aldo Rebelo, decidiu voltar atrás num dos temas mais polêmicos: a redução das matas das margens dos rios. (Págs. 1, 10 e 11)
País atrai 30% mais executivos estrangeiros
Com a crise nos países desenvolvidos e o aquecimento da economia brasileira, o número de executivos estrangeiros que vieram trabalhar no Brasil aumentou de 30% e 40%, no primeiro trimestre do ano. (Págs. 1 e 39)
Antonio Palocci
Discreto, o ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, virou o eco da voz de Dilma no governo. Já é chamado de primeiro-ministro. (Págs. 1 e 14)

Tony Blair
Em visita ao Rio, o ex-premier britânico Tony Blair disse que a invasão do Iraque prenunciou atuais revoltas no mundo árabe. (Págs. 1 e 46)
Após 40 anos, surge pista de desaparecido
Documento guardado por militar, sem autenticidade provada, indica que Carlos Alberto Soares de Freitas, o Beto, comandante da VAR-Palmares, estava em poder do Exército 13 dias após desaparecer. (Págs. 1 e 12)
------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo

Manchete: Pico da inflação vai coincidir com disputas salariais
Neste ano, ganhos obtidos de 2004 a 2010 entrarão em choque com política anti-inflação do governo Dilma

Projeções do governo e do setor privado mostram que a inflação atingirá seu pico em setembro, data-base da campanha salarial de metalúrgicos, bancários e petroleiros. Índices como INPC e IPCA, que balizam negociações e metas oficiais, devem bater os 7,4% em agosto.
Neste ano, a série de ganhos salariais obtidos de 2004 a 2010 entrará em choque com a política anti-inflação do governo Dilma.Para repetir o aumento do poder de compra obtido no ano passado, os metalúrgicos do ABC terão de pleitear um reajuste acima de 14%.
A evolução dos salários é uma das preocupações centrais do governo, cujo objetivo é levar o IPCA à meta de 4,5% no próximo ano – 2011 já é dado como perdido.
Em ata, o Copom alertou para efeitos negativos de aumentos acima da produtividade. (Págs. 1 e Poder A10)
Indústria quer reciclar 100% das embalagens de vidro (Págs. 1 e B9)

Farmacêuticas travam guerra contra ‘genérico’ de remédios biológicos (Págs. 1 e C11)

Dobra o crédito do BNDES para micro e pequenas empresas (Pág. 1)

Foxconn quer que país dê prazo para atender exigências
Para efetivar o investimento de U$S12 bi no país, a taiwanesa Foxconn exige incentivos fiscais, regime alfandegário diferente e terminais em portos, informa Vera Magalhães.
O governo negocia contrapartidas: contratação de brasileiros e transferência de tecnologia (Págs. 1 e Mercado B1)
Editoriais:
Leia “Aeroportos abertos”, que critica timidez do governo na aviação, e “Ajuste fino no crédito” sobre juros e outras medidas anti-inflação (Págs. 1 Opinião A2)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo

Manchete: Companhias aéreas querem ampliar jornada da tripulação
Empresas consideram pouco produtiva a atual carga, de 85 horas/mês, e estudos sugerem 100/mês

As companhias aéreas querem aumentar a carga horária das tripulações – pilotos e comissários – por considera-la uma das mais baixas do mundo e pouco produtiva nos vôos domésticos. A ideia é tratada entre os diretores das empresas como “flexibilização”. Estudos das companhias avaliam que o limite das atuais 85 horas/mês deveria subir para cerca de 100 horas/mês, relata a repórter Tânia Monteiro. A carga horária das tripulações brasileiras é regulamentada por lei de 1984, segundo a qual, nas rotas domésticas, o limite é permitido para “uma jornada (diária) é de 9 horas e 30 minutos de vôo e cinco pousos”. As empresas temem a reação do Sindicato dos aeronautas. (Págs. 1 e Economia B1)

Aeronautas contestam

O Sindicato de Aeronautas afirma que as tripulações já estão trabalhando "no limite". (Págs. 1 e Economia B3)
‘Empreiteira’ do Exército está no limite
A Engenharia do Exército está com a capacidade de emprego no limite, e a Força não tem mais condições de atender nenhum novo pedido de ajuda do Planalto. A "empreiteira" militar atende preferencialmente a projetos do PAC e trabalha hoje nas obras de sete aeroportos, de três rodovias e na transposição do Rio São Francisco, não tendo como ajudar na infraestrutura dos estádios da Copa. (Págs. 1 e Nacional A4)
TV digital interativa pode se tornar obrigatória (Págs. 1 e Economia B13)

Fernando Henrique
As oposições devem ser capazes de representar este novo Brasil, tão distante do às vezes mesquinho dia a dia da política congressual. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)
Notas & Informações
O Acordo do Pacífico

Avança a integração econômica das Américas numa direção rejeitada pelo Brasil (Págs. 1 e A3)
------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense

Manchete: Um santo pra chamar de seu
Católicos de todo o mundo estarão hoje com os olhos voltados para o Vaticano. Às 10h, pelo horário de Roma (5h em Brasília), começa a cerimônia de beatificação de João Paulo II, em meio a polêmicas sobre a aceleração do processo de canonização.O carismático religioso teve importante papel na mudança geopolítica do planeta e capacitou a Igreja para a globalização durante os seus 27 anos de papado. Com a iminente santificação do seu líder mais popular, a Santa Sé vê uma forma de reaproximar os fiéis e conquistar seguidores. (Págs. 1 e 18 a 20)
Quando os policiais se tornam vilões
A Polícia Federal retoma investigação de 300 assassinatos e o sumiço de 36 moradores do Entorno e de outras regiões de Goiás. Os crimes são atribuídos a PMs. Dezenove deles chegaram a ser presos e 16 continuam detidos, mas a maioria dos citados em processos por homicídio continua livre. Os repórteres Renato Alves e Saulo de Araújo contam o drama dessas vítimas e o terror provocado pelo esquadrão da morte. (Págs. 1, 27 a 29)
Negócios do casal Guerner sob suspeita
Além da denúncia de que Deborah usou a influência como promotora para favorecer interesses de empreendimentos no ramo do lixo, Ministério Público ajuizou três ações penais para investigar transações suspeitas nas empresas do marido, Jorge. (Págs. 1 e 25)
Por dentro do Código Florestal
Muito além de um embate político entre ambientalistas e ruralistas, as novas regras atingem diretamente os moradores das áreas urbanas. Saiba como. (Págs. 1 e 2)
------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas


Manchete: De olho no Oriente
Principal destino das exportações mineiras, a China é a nova aposta dos fabricantes da iguaria

Tradicionais fabricantes mineiros de pão de queijo estão certos de que o sabor do famoso quitute, que já é marca da culinária do estado, vai conquistar o gosto do enorme mercado consumidor chinês. A Forno de Minas, a Pif Paf e a Clap já colocaram seus produtos em feiras de alimentação e em gôndolas de redes de lojas e supermercados da China e, animadas com a potencialidade para produtos que não são commodities, procuram parceiros asiáticos para a venda do petisco. (Págs. 1 e 16)
Sonho de ser mãe supera o emprego
É cada vez maior o número de mulheres que optam por deixar o emprego e dar um tempo na carreira para se dedicar só à família. Na contramão do aumento da participação da mão de obra feminina no mercado de trabalho, em Belo Horizonte, foram 35 mil as mulheres que abriram mão da atividade profissional, segundo levantamento da Fundação João Pinheiro, reduzindo em 6,1% a disputa por vagas. (Págs. 1 e 17)

Escritor Sabato morre aos 99 anos
Último dos quatro grandes nomes da literatura argentina do século 20 (junto com Borges, Cortázar e Casares), Ernesto Sabato, que era doutor em física e teve marcante militância política, morreu de bronquite, em Buenos Aires. (Págs. 1 e 22)

Tucano pode disputar PBH ano que vem
PSDB ensaia movimentação para o lançamento de candidato próprio à sucessão do prefeito Marcio Lacerda (PSB), de quem os tucanos reclamam espaço na administração. Os deputados João Leite (estadual) e Rodrigo Castro (federal) estão cotados. (Págs. 1, 3 e 4)

------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio


Manchete: No campo e em paz
Após uma semana conturbada, Náutico e Sport duelam nos Aflitos. Agora é hora de jogadores mostrarem que futebol se ganha com a bola e torcidas darem show de civilidade. (Págs. 1 e 4 a 7)
Quase nada mudou às margens do Una
Dez meses após a enchente que devastou a Mata Sul, poucos serviços foram executados. Temporada de chuva já chegou, nenhuma barragem foi construída e há moradias à beira do Rio Una, que segue assoreado. (Págs. 1, 4 e 5)
Grandes redes investem alto no interior
Maior disponibilidade de terreno, custo menor de instalação, chegada de indústrias, renda maior e concorrência menor têm atraído o varejo. (Págs. 1, 4 e 5)
------------------------------------------------------------------------------------
Veja


A nova medicina do coração da mulher
Sim, ele é muito diferente do masculino e a cardiologia está tendo de se reinventar para diagnosticá-lo e tratá-lo com sucesso
------------------------------------------------------------------------------------


Época


Açúcar mata?
Novas pesquisas levantam uma forte suspeita: além de engordar, ele pode ser um tóxico cancerígeno, tão nocivo como o cigarro ou o álcool
A volta de Delúbio
Os negócios da família do tesoureiro do mensalão
Donald Trump
Agora, o bilionário quer demitir Obama
------------------------------------------------------------------------------------

ISTOÉ


O projeto de poder Delúbio
De volta ao partido que o expulsou em meio ao escândalo do Mensalão, o ex-tesoureiro do PT, após um exílio de cinco anos, traça um plano de projeção que passa pelas urnas, pelo controle da máquina petista e por sua absolvição na Justiça
Exclusivo: Como o primeiro brasileiro a decifrar sua DNA pode mudar o próprio destino

------------------------------------------------------------------------------------

ISTOÉ Dinheiro

Múltis vestem a camisa do Brasil
Com o País entre seus maiores mercados, empresas como Whirlpool, Telefônica, SAP, Nestlé, Nívea e Monsanto aceleram suas apostas nas subsidiárias brasileiras e impulsionam o investimento direto a atingir um recorde histórico: US$ 65 bilhões
Gestão: A CEO Dilma na visão dos empresários

Toyota e Honda: Pé no freio da produção

------------------------------------------------------------------------------------

CartaCapital

A disputa política pela classe C
Otimistas, pragmáticos e influenciados pelos jovens, os “emergentes” rejeitam o discurso do medo
Araguaia
A busca por filhos de guerrilheiros raptados pela ditadura
------------------------------------------------------------------------------------



EXAME


Em guerra com o consumidor
Uma pesquisa exclusiva mostra que, em 2010, nenhuma empresa piorou tanto seu atendimento ao cliente quanto a B2W, dona das marcas Americanas.com e Submarino. O que aprender com seus erros

E mais:

A lista das empresas com os melhores (e os piores) padrões de atendimento ao cliente

Redes sociais: a nova voz do consumidor

O exemplo das companhias que resgatam a imagem de suas marcas
Gestão
As empresas brasileiras emergentes se preparam para a chegada dos investidores
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora


Manchete: Por que o clima está mais severo no RS
Temperatura sobe 0,5ºC em 50 anos

Média anual de chuva cresce 16%

Estudos comprovam que o Estado está mais sujeito a devastações, em especial nas cidades maiores. (Págs 1 e 22 a 24)
O que o voo Capital-Lisboa vai representar
Em entrevista a ZH, o presidente da TAP, Fernando Pinto, avalia a pioneira ligação. (Pág. 1 e Dinheiro)
Debate da maconha
Em artigo, Tarso explica posição

Governador rebate críticas despertadas por declarações em aula magna. (Págs. 1 e 12)

Jornais internacionais


The New York Times (EUA)
Gaddafi teria sobrevivido a ataque da Otan que matou seu filho

The Times (Reino Unido)
Filho de Gaddafi é morto em sua residência após ataque da Otan

China Daily (China)
Gaddafi sobrevive a ataque aéreo; seu filho morre

Le Monde (França)
João Paulo 2º é beatificado por Bento 16

El País (Espanha)
83% rejeitam a presença de políticos condenados nas listas eleitorais

Clarín (Argentina)
Dor e emoção no velório de Ernesto Sábato



Um oferecimento:







Comentários