Bom dia! Os destaques da imprensa brasileira e mundial nesta quinta-feira

Prezado leitor, divulgamos as manchetes dos principais jornais e a sinopse dos mesmos para que você não perca seu tempo procurando.

Um oferecimento:



Comente e de sua opinião!

O Globo


Manchete: Na primeira crise do governo Dilma... Lula toma rédeas, comanda líderes e dá pito em ministros
Dilma e Palocci seguem orientação do ex-presidente imediatamente

Menos de seis meses após deixar o Palácio do Planalto, o ex-presidente Lula atua em Brasília, há dois dias, como se ainda ocupasse o cargo. Ontem, comandou reunião com líderes e presidentes dos partidos aliados, na casa do presidente do Senado, José Sarney, numa espécie de intervenção branca no governo Dilma. Na presença do vice-presidente, Michel Temer, Lula pediu que todos apresentassem as queixas contra o governo, prometendo encaminhá-las e convencer Planalto e ministros a receber parlamentares. Até já repreendeu o chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, de quem cobrou mais atenção à base, justamente num momento em que o governo Dilma enfrenta sua pior crise, com as suspeitas que pesam sobre o aumento do patrimônio do ministro. Lula exigiu dos aliados ajuda a Palocci, mas ouviu muitas reclamações contra o governo. A intervenção de Lula surtiu efeito imediato: hoje, Dilma almoça com a bancada do PT no Senado e, semana que vem, com líderes dos demais partidos aliados. Palocci também procurou parlamentares para marcar jantares. (Págs. 1, 3 e Dos Leitores)


 

Denúncia liga caso Palocci a campanha
O PSDB apresentou documentos para levantar suspeitas de que Palocci atuou junto à Receita na liberação de restituição de impostos para a incorporadora WTorre. A empresa foi uma das clientes de Palocci na consultoria Projeto. A empresa recebeu R$ 9,2 milhões em 2010. No mesmo ano, ela doou R$ 2 milhões para a campanha de Dilma, que Palocci coordenava. A Receita divulgou notas para contestar, e numa delas forneceu dados sob sigilo. A WTorre disse que a liberação foi feita pela Justiça. (Págs. 1 e 4)

 
O recuo do dia
Pressionada pela bancada evangélica, que ameaçava apoiar a convocação de Antonio Palocci a dar explicações no Congresso, a presidente Dilma Rousseff mandou os ministérios da Educação e da Saúde suspenderem a distribuição em escolas públicas de cartilhas e vídeos contra a homofobia. (Págs. 1 e 9 a 11)

Pimenta Neves: nem dois anos na prisão
Preso anteontem, o jornalista Pimenta Neves pode pedir progressão de regime e ficar na cadeia menos de dois anos, embora condenado a 15, por matar Sandra Gomide. O pai dela se disse animado por ver Pimenta na cadeia. (Págs. 1, 15, 16 e editorial "O pior da Justiça")
Combustível já está 18,9% mais barato
Os preços da gasolina e do álcool voltaram a cair nos postos. No Rio, as quedas acumulam 18,91% em maio, segundo pesquisa do GLOBO. No entanto, ainda não é vantagem abastecer o carro com álcool, pois ele custa mais que 70% do valor da gasolina. (Págs. 1 e 25)

 

Obama: Brasil e emergentes não ameaçam
Num recado direto ao Brasil e a países como Índia e China - citados explicitamente -, o presidente Barack Obama disse no Parlamento britânico que os emergentes não ameaçam a liderança dos EUA e da Europa no cenário mundial. (Págs. 1 e 34)

 
Polícia retomará casas vendidas por milicianos
A PM pretende retomar hoje 143 imóveis do programa Minha Casa Minha Vida, invadidos por milicianos que expulsaram moradores e passaram a vendê-los por até R$ 40 mil. Enquanto isso, 74 famílias com direito às casas estão morando numa favela em Realengo. (Págs. 1 e 17)

 

Itamar Franco está em tratamento contra leucemia em São Paulo (Págs. 1 e 16)

------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo


Manchete: Após derrota, Dilma cede a aliados no Congresso
Presidente veta kit anti-homofobia, se aproxima de políticos e recorre a Lula

Derrotada pela primeira vez em uma votação no Congresso, com seu principal ministro enfraquecido e em meio a um ambiente de crescente rebelião entre aliados, a presidente Dilma Rousseff foi obrigada a fazer concessões ao Legislativo.

O Planalto cedeu a bancada religiosa e suspendeu o kit anti-homofobia. Na votação do Código Florestal, em que o governo perdeu, católicos e evangélicos ameaçaram convocar Antonio Palocci (Casa Civil) para explicar seu patrimônio. (Págs. 1 e Pode' A4)

Planalto decide que vai avaliar toda divulgação sobre 'costumes' (Págs. 1 e Poder A8)

PSDB diz que Palocci pode ter ajudado WTorre junto à Receita
A liderança do PSDB na Câmara suspeita que pagamentos da Receita à WTorre estejam relacionados ao trabalho prestado a empresa por Antonio Palocci. No dia em que doou R$ 1 milhão à campanha de Dilma, a WTorre solicitou restituição de IR - paga em 44 dias.

A empresa disse que obteve logo a restituição graças a mandado de segurança. A Receita confirma. (Págs. 1 e Poder A10)


Foto legenda: Sem tributos
Fila em posto paulistano que vendeu o litro de gasolina a R$ 1,31 em protesto contra a carga tributária sobre combustíveis; preço normal é R$ 2,80. (Págs. 1 e Mercado B6)

Jânio de Freitas - O Lula que faz calúnia fácil volta agora para ajudar chefe da Casa Civil
O Lula que reaparece para "assumir a defesa" de Antonio Palocci, o qual já precisou afastar do governo por atitude delinquente e imoralidade administrativa, é um dos piores Lulas: o que faz calúnia fácil e desumana.

Atribuir segundas e outras intenções a jornalistas sérios atinge os profissionais que se esforçam por um jornalismo honesto. (Págs. 1 e Poder A8)


Força dos Brics não ameaça influência dos EUA, diz Obama
No parlamento britânico, barack Obama disse que o crescimento de países como China, Índia e Brasil não significa queda da influência dos EUA e da Europa. "O tempo para a nossa liderança é agora." (Págs. 1 e Mundo A20)

Análise

Discurso está longe de ser estertor de gigante ferido de morte, escreve Clóvis Rossi. (Págs. 1 e Mundo A20)

Anvisa dá aval para vacina contra HPV para homens
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária aprovou vacina contra HPV (papilomavírus humano) para homens de 9 a 26 anos. A imunização previne verrugas genitais geradas, em especial, por dois tipos do vírus.

A Folha revelou ontem que cresceu no país o índice de casos de câncer de boca ligados a infecção por HPV via sexo oral. (Págs. 1 e Saúde C10)


Para Peluso, caso Pimenta indica que lei tem de mudar
O presidente do STF, Cezar Peluso, avalia que a demora em cumprir a condenação de Antônio Pimenta Neves confirma que é preciso mudar as leis para agilizar a aplicação de penas.

O jornalista disse que preferiria ter começado a cumprir pena logo.
"Assim teria voltado a ser um homem normal." (Págs. 1 e Cotidiano C1 e C4)
Matéria-prima de genérico aumenta déficit comercial do setor de saúde (Págs. 1 e Mercado B1)
Contardo Calligaris
Fantasia no caso Strauss-Kahn não é 'simples' estupro. (Págs. 1 e Ilustrada E14)
Editoriais
"Pelo interesse público", que questiona o silêncio do governo acerca do caso Palocci, e "O código do PMDB", sobre a votação nova lei florestal. (Págs. 1 e Opinião A2)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo

Manchete: Lula adverte Palocci que aliados estão insatisfeitos
Ex-presidente cobra mudança na articulação política para satisfazer governistas e impedir que apoiem CPI

Preocupado com as ameaças da base governista, o ex-presidente Lula avisou ao ministro Antonio Palocci (Casa Civil) que ele tem de atender os parlamentares, do contrário até aliados poderiam endossar uma CPI no Senado para investigar a evolução de seu patrimônio. Lula relatou o diálogo que teve com Palocci durante café da manhã com líderes de partidos aliados do governo, ontem, na casa do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). O ex-presidente ouviu queixas e pediu um voto de confiança em Palocci, que telefonou para senadores pedindo apoio. Por outro lado, Lula cobrou da presidente Dilma Rousseff e do ministro mudanças urgentes na articulação política, dizendo que é preciso satisfazer os aliados na montagem do segundo escalão. (Págs. 1 e Nacional A7)


Santander contratou consultoria

Antonio Palocci prestou serviços para o Santander quando era deputado e consultor. O banco diz que o contratou para palestras. (Págs. 1 e Nacional A4)

Kit anti-homofobia é suspenso para evitar CPI
Preocupada com a pressão dos parlamentares evangélicos, que ameaçaram endossar o pedido de CPI para investigar o ministro Palocci, a presidente Dilma Rousseff mandou suspender o kit anti-homofobia que estava sendo preparado pelo Ministério da Educação para distribuição em escolas. Dilma pretende se reunir com líderes evangélicos na próxima semana. (Págs. 1 e Nacional A8)

 
Punição a produtor rural deve ser adiada
O governo deve prorrogar por 120 dias o início da vigência das punições para os produtores rurais que não registraram a reserva legal em seus imóveis. O decreto com a moratória para os produtores que cometeram crimes ambientais termina em 11 de junho. O adiamento das punições está sendo pleiteado pelos senadores, que querem prazo maior para analisar o projeto do Código Florestal, aprovado na Câmara. (Págs. 1 e Vida A18)

 

Emergentes não ameaçam EUA, diz Obama
O presidente dos EUA, Barack Obama, afirmou em Londres que EUA e Grã-bretanha continuam sendo países "indispensáveis” para a paz e a estabilidade mundiais, pois atuam como os "principais catalisadores para a ação global" em tempos de guerra, terror e insegurança econômica. Ele disse que o crescimento de países como China, Índia e Brasil não significa fim da liderança americana e europeia. (Págs. 1 e Internacional A13)
SP adota padrão mais rígido de controle do ar (págs. 1 e Cidades C1)
Pimenta é transferido para Tremembé (Págs. 1 e Cidades C5)
José Serra
A indústria faz a diferença

Dobrar a renda no País depende de uma indústria dinâmica. Do contrário, não haverá aumento suficiente de bons empregos e de produtividade. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

Dora Kramer
Fratura exposta

A presidente encolheu e o papel do ex-presidente cresceu, numa informalidade institucional jamais vista no mundo civilizado. (Págs. 1 e Nacional A6)
Notas & Informações
Lula assume o comando

O fato central na reaparição de Lula é o atestado da omissão política da presidente Dilma. (Págs. 1 e A3)

------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense


Manchete: Dilma dá zero para kit gay nas escolas
Para evitar desgaste político com as bancadas religiosas no Congresso,a presidente suspendeu a produção e o envio às escolas públicas do material anti-homofobia encomendado pelo Ministério da Educação (MEC).Na terça-feira, parlamentares evangélicos e católicos decidiram obstruir a tramitação de projetos e apoiar a criação de uma CPI para investigar o MEC caso a cartilha não fosse vetada pelo Palácio do Planalto. O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, no entanto, afirmou que Dilma Rousseff optou por proibir a distribuição do material após assistir a um dos vídeos e
considerá-lo inadequado. Entidades e lideranças homossexuais protestaram. Composto por um caderno, seis boletins, três vídeos, um cartaz e cartas de apresentação, o kit teria como objetivo desconstruir estereótipos sobre o homossexualismo entre os adolescentes. (Págs. 1 e 10)

 
Leucemia: Itamar é internado
O ex-presidente e atual senador pelo PPS-MG teve o diagnóstico da doença confirmado. Ele já começou o tratamento. (Págs. 1 e 8)
Código Florestal: Esperança no Senado
Estratégia é mudar o texto na próxima votação. Em caso de novo fracasso, Planalto vetará pontos polêmicos. (Págs. 1, 2 a 4 e Visão do Correio, 20)

 
Justiça: Pensão terceirizada
CNJ manda investigar o caso de desembargador mineiro que ofereceu cargo à ex-esposa para não mais pagar o benefício. (Págs. 1 e 5)
Obama: Os velhos donos
Antes de fazer churrasco com o inglês Cameron, o presidente americano afirma que EUA e Europa ainda lideram o mundo. (Págs. 1 e 22)

 
Imposto menor para os games
Os jogos eletrônicos terão os mesmos incentivos fiscais anunciados para os tablets. O iPad 2 será vendido no Brasil a partir da meia-noite de hoje. (Págs. 1 e 12)

 

Classe C freia compras
Os preços e os juros em alta fazem as famílias com renda de até R$ 2,1 mil reduzirem em 2% o consumo nos supermercados. (Págs. 1 e 16)
------------------------------------------------------------------------------------
Valor Econômico
Manchete: Bancos já preveem falta de recursos para imóveis
Podem faltar recursos para o financiamento de imóveis já no ano que vem, preveem os bancos que atuam no setor. Com o recente ciclo de alta do juro, o dinheiro da poupança, principal fonte de financiamento do setor, encolhe desde o início do ano. Até o dia 19, a captação foi negativa em quase R$ 2 bilhões, em comparação aos R$ 4,2 bilhões positivos do mesmo período de 2010. Já os desembolsos somavam R$ 22,2 bilhões no primeiro quadrimestre, 54,7% maiores que no mesmo período do ano passado e acima dos 40% estimados pela Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip).

A Caixa Econômica Federal, que detém 40,6% do financiamento à habitação, considerando-se apenas a fonte poupança, prevê uma situação crítica a partir do segundo trimestre de 2012. Santander e HSBC estão monitorando de perto o ritmo de captação, enquanto Bradesco e Itaú, com saldos mais robustos da aplicação, ainda trabalham com um cenário de disponibilidade até 2013.(Págs. 1 e C1)


 

Capital rende mais nas S.A. abertas
As grandes companhias abertas do país remuneraram mais o capital em 2010 do que a média do setor empresarial. Levantamento feito pelo economista Marcelo D'Agosto com 106 empresas com ações em bolsa mostra que, na média, 36% do valor adicionado por essas companhias tiveram como destino a remuneração do capital - seja de credores ou acionistas. Segundo os dados do Produto Interno Bruto (PIB), na média do Brasil apenas 25% do valor adicionado remunerou o capital. Dos 36% do valor adicionado pelas grandes empresas abertas, 21 pontos percentuais foram para os acionistas - via retenção de lucros, distribuição de juros sobre capital ou dividendos. (Págs. 1 e D1)

OCDE alerta para risco de a China desaquecer
A China, principal parceira comercial do Brasil, pode ter desaceleração econômica mais forte do que se esperava. Foi o que disse ao Valor o economista-chefe da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Pier Carlo Padoan, com o alerta de que essa possibilidade é um dos principais riscos para a economia mundial. Por sua alta dependência da China, o Brasil corre maior risco.

A OCDE observa que, no primeiro trimestre, o PIB chinês voltou à taxa de crescimento de 8,7%, seu nível mais baixo desde 2008. A demanda interna diminuiu, mas a inflação continuou alta - mais de 5% ao ano nos últimos meses. Padoan exclui, porém, o risco de aterrissagem forçada da economia chinesa, que tem sido fator de especulação nos mercados. Ele disse que a crise global não foi superada, elogiou as medidas macroprudenciais do Brasil, mas sugeriu que o Banco Central continue a elevar os juros. (Págs. 1 e A14)


Brasil depende mais da China
Aumentou a dependência brasileira da China na exportação de produtos básicos. Entre janeiro e abril, o país asiático comprou 29,14% do total de básicos vendidos pelo Brasil ao exterior, 26,3% mais do que no mesmo período do ano passado. No quadrimestre, os chineses compraram US$ 9,65 bilhões em produtos como minério de ferro, soja e petróleo, praticamente o mesmo valor das exportações desses produtos para os EUA e União Europeia juntos.

Para Rogério Cezar de Souza, economista-chefe do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (Iedi), o aumento da participação da China nos embarques brasileiros de básicos explica também o avanço dessa classe de produtos nas exportações totais do Brasil. "Não há problema nenhum em exportar básicos. O problema é só exportar básicos e para poucos destinos", diz Welber Barral, ex-secretário de comércio exterior. (Págs. 1 e A3)

Foto legenda: "Manda quem paga"
A ministra de Finanças da França, Christine Lagarde, anunciou que é candidata para substituir Strauss-Khan no FMI e defendeu a divisão de poder na entidade com base no peso econômico dos países. A mesma posição que já defendeu em visita ao Brasil: "No FMI, manda quem paga".(Págs. 1 e A11)

 

Petrobras corta o gás para Bertin
A Petrobras encerrou todos os contratos e termos de compromisso de fornecimento de gás natural que tinha com as cinco termelétricas do grupo Bertin. Juntas, essas usinas representavam garantia firme de energia ao sistema de 872 megawatts e receita anual para o grupo de R$ 575 milhões. Sem o combustível, a situação do grupo se complica, porque já deve quase R$ 1 bilhão em garantias por nove térmicas em atraso. O Bertin tem concessão de 32 térmicas que precisam entrar em operação até 2013. As cinco movidas a gás natural perderam os contratos com a Petrobras. (Págs. 1 e B1)

Lula assume o papel de articulador do governo
Um dia após almoçar com senadores do PT e jantar com a presidente Dilma Rousseff e o ministro Antonio Palocci (Casa Civil), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ampliou ontem sua atuação como articulador político de fato do governo. Em encontro com aliados no Senado, Lula disse que o episódio que levantou suspeitas sobre enriquecimento ilícito do ministro pode levar o governo a uma crise de dimensões imprevisíveis se não for bem administrado.

Lula ouviu queixas unânimes sobre a conduta de Palocci como interlocutor do Palácio do Planalto e críticas ao fato de Dilma ter descuidado da relação com o Congresso. Fez um apelo para que a base não abandone Palocci, ressaltando sua importância para o governo, mas relatou o alerta que lhe fez: "Tome cuidado. Sua situação no Congresso não é boa. Há imensa insatisfação com sua conduta".(Págs. 1 e A6 a A9)


Brasil fará nova proposta à Argentina
Em meio às malsucedidas negociações dos últimos dias para derrubar as barreiras protecionistas impostas entre os dois maiores sócios do Mercosul, o governo argentino se convenceu de que a medida brasileira de exigir licenças não automáticas a automóveis importados é um "tiro no próprio pé" e tem efeito apenas temporário. Por isso, a Argentina está disposta a endurecer nas discussões. O Brasil deve aceitar cotas para venda de produtos, mas exigirá a liberação de todos os produtos que já têm licença de importação na Argentina e estão retidos. E manterá as licenças não automáticas para veículos. (Págs. 1 e A4)

 
Remessa de lucros e dividendos cai e reduz déficit externo (Págs. 1 e C2)
Infraestrutura para a Copa impulsiona negócios da Mills, diz Vazquez (Págs. 1 e B8)
Antigo TRT vira moradia popular
O antigo prédio do Tribunal Regional do Trabalho em São Paulo, na avenida Ipiranga, no centro, vai abrigar o primeiro empreendimento do Minha Casa Minha Vida na cidade. Será reformado e transformado em prédio de apartamentos. (Págs. 1 e B1)

 

Frotas ampliadas
Empresas especializadas na gestão de frotas no país investem para aumentar o número de automóveis. A Arval, por exemplo, planeja investir cerca de R$ 820 milhões até o fim de 2013 para chegar a 25 mil veículos, ante os atuais 10 mil. (Págs. 1 e B4)

 
Amil compra a Lincx
Após um ano de negociações, a Amil fechou ontem a compra da totalidade do capital da Lincx, operadora de planos de saúde voltada para o público de alta renda, por R$ 170 milhões. (Págs. 1 e B5)

 

Adams critica MPF em Belo Monte
Advocacia Gera1 da União recorre ao Conselho Nacional do Ministério Público contra a atuação do Ministério Público Federal no Pará no licenciamento da usina de Belo Monte. Segundo o advogado-geral da União, Luis Inácio Adams, os procuradores têm coagido servidores. (Págs. 1 e B9)

 
Lavoura gaúcha produz menos
Estudo mostra que o Rio Grande do Sul, embora lidere o ranking brasileiro de uso de sementes transgênicas de soja e milho, está atrasado em termos de produtividade nas duas lavouras. No caso da soja, está em último lugar entre 17 Estados produtores. (Págs. 1 e B14)
Doenças do Trabalho
Pesquisa da Universidade Federal de Minas Gerais mostra que mais de 40% dos juízes trabalhistas sofrem de depressão. Nos últimos 12 meses, um terço deles esteve em licença médica. (Págs. 1 e E1)
Ideias
Humberto Saccomandi

Demandas de curto prazo da população carente põem em xeque o modelo asiático de desenvolvimento do Peru. (Págs. 1 e A9)

Ideias
Tony Volpon

São os fatores externos que explicam o que temos de bom e de ruim na atual situação da economia brasileira. (Págs. 1 e A12)
------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas

Manchete: Ficha-suja trabalha como assessor do governador
Condenado pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais por improbidade administrativa, o ex-prefeito de Ouro Preto José Leandro Filho (PDT) trabalha na assessoria direta ao governador Antonio Anastasia (PSDB). É o quinto ocupante de cargo comissionado no governo estadual apontado pelo Estado de Minas que não se enquadra na Lei Ficha Limpa mineira. Três já foram exonerados. Outra condenada por improbidade administrativa é Marisa Xavier (PDT), vice-presidente da Fundação de Arte de Ouro Preto. (Págs. 1 e 10)

Código Florestal: Lula assume articulação do governo
Convocado por Dilma, ex-presidente chama a si a coordenação política do governo, um dia depois da derrota na aprovação pela Câmara do Código Florestal. Planalto tentará mudar o projeto na votação no Senado. (Págs. 1, 3 e 4)

Dilma suspende distribuição de ‘Kit Gay’ (Págs. 1 e 5)
Mercado: Emprego em menos tempo na Grande BH
Desempregados gastaram 32 semanas, em média, para entrar no mercado de trabalho. É o período mais curto registrado desde 1998, segundo pesquisa da Fundação João Pinheiro, em abril. (Págs. 1 e 16)

Troca de pensão por cargo na mira
CNJ quer apuração da conduta do MP de Minas no acordo de separação de desembargador que deu cargo à ex-mulher. (Págs. 1 e 11)

Itamar se interna para tratar leucemia (Págs. 1 e 8)
Pimenta Neves vai para presídio
Jornalista que matou em 2000 a namorada cumprirá pena em penitenciária de SP. (Págs. 1 e 12)

Golpe: Software para sonegar ICMS
Receita Estadual, Ministério Público e PM estouram esquema de empresa de BH que vendia programas adulterados para sonegação a padarias e supermercados. (Págs. 1 e 24)

Ciência: Descobertas no Egito 17 pirâmides e uma cidade
O tesouro arqueológico, que inclui mil tumbas, foi localizado graças à análise de fotos de satélites. (Págs. 1 e 20)
Novo tablet
Mineiros fazem fila para comprar IPad2. (págs. 1 e 13)
------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio


Manchete: Bebê peregrina por hospitais até morrer
Via-crúcis é mais um retrato dramático da saúde pública. Mãe teve dificuldade para dar à luz, bebê nasceu com problema cardíaco e não resistiu às idas e vindas entre hospitais em busca de assistência. (Págs. 1 e Cidades 6)

Dilma ainda tenta alterar o Código
Presidente deve ampliar prazo para registro de reserva legal e dar tempo ao Senado para revisar o Código Florestal antes de devolvê-lo à Câmara. (Págs. 1 e Cidades 7)

Brasil terá mais motos que carros em 10 anos
Ipea revela que, na última década, houve queda de 30% na demanda por transporte público. No mesmo período, compra de carros cresceu 9% e, de motos, 19%. (Págs. 1 e 9)

Ex-presidente Itamar internado com leucemia (Págs. 1 e 6)

Economia: cartão de crédito pode ser um aliado
Visto como um vilão na renda familiar, o cartão vira bom companheiro se utilizado de forma racional. Modalidade de pagamento pode até render inúmeras vantagens. (Págs. 1 e 7)
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora

Manchete: Lula assume operação para abafar Caso Palocci
Ex-presidente adverte Dilma e ministros de que é preciso atender os pedidos de aliados a fim de conter dissidentes, estancar crise e evitar abertura de CPI. (Págs. 1 e 16)
Anti-homofobia: Dilma barra kit escolar e repreende ministros
Planalto sofreu ameaças da bancada religiosa. (Págs. 1 e 34)
O destino do Código Florestal (Págs. 1 e 22)
Prisão breve: Pimenta Neves deve ter alívio em 2013
Condenado a 15 anos deverá ficar mais 23 meses em reclusão. (Págs. 1, 44 e Editorial, 18)

 

Na área da Ford: Investimento indiano trará mil empregos
CG Power Systems anuncia indústria de equipamentos elétricos em Guaíba. (Págs. 1 e 20)

 
Sinalização extra: Vegetação auxiliará motoristas na BR-101
Trechos com paradas, retornos e declives terão árvores e plantas diferentes. (Págs. 1, 4 e 5)
------------------------------------------------------------------------------------
Brasil Econômico

Manchete: Mendonça de Barros vai importar caminhões chineses para o Brasil
Ex-ministro será revendedor oficial da Foton Aumark, maior fabricante de veículos pesados da China. Planos incluem linha de montagem no país até 2015

O lançamento da empresa, que concorrerá com pesos pesados como Man, Mercedes-Benz e Hyundai, será feito em outubro. Em um ano, a expectativa do ex-presidente do BNDES é comercializar 6 mil caminhões leves e semileves para uso urbano. Ainda neste ano, serão instaladas seis revendas da montadora em São Paulo. Entre 2012 e 2015, o plano de negócios prevê a abertura de 20 novas concessionárias por ano. (Págs. 1 e P18)

Começa a circular hoje em São Paulo a primeira frota de ônibus movida a etanol do país. (Págs. 1 e P16)

 
Manaus define suas ações para inovação
Empresas, governo e institutos da região organizam-se para montar polo de pesquisa que reduza dependência econômica local das atividades da Zona Franca. (Págs. 1 e P4)

 

Apetite externo aumenta por dívida corporativa
O volume de captação via títulos de dívida de bancos e companhias brasileiras no mercado internacional saltou 32% no ano, para US$ 19,8 bi, e deve manter ritmo forte. (Págs. 1 e P30)

 
Novela do Código chega ao Senado
O racha na base aliada durante a votação do Código Florestal na Câmara dos Deputados deve dificultar e arrastar a discussão do projeto, que começa a ser analisado pelo Senado. (Págs. 1 e P10)

Para Yunus, “pai do microcrédito”, Brasil pode usar compulsório para avançar em negócios sociais e ser líder nesse mercado (Págs. 1 e P32)

Novas usinas nucleares devem ter 70% de nacionalização e preço do megawatt/hora ficará entre R$ 150 e R$ 155, segundo a Eletronuclear (Págs. 1 e P20)

------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Brasil

*
Jornais internacionais

The New York Times (EUA)
Democratas forçam votação de reforma do sistema de saúde

Le Monde (França)
Candidata, Lagarde lidera corrida pela presidência do FMI

El País (Espanha)
Zapatero enfrenta a revolta no PSOE para evitar o congresso

Clarín (Argentina)
YPF aplica a partir de hoje aumento de 4% em todos os combustíveis

Comentários