Victor Viana em 'Redes Sociais'



Brincadeiras a parte, Indo na contra mão da mania mundial de Redes Sociais, a WEB – lugar de inventar moda- vemos nascer uma espécie de “Rede anti-social”. No quesito layout é bem parecido com o face Book alem da navegação ser idêntica, só o que muda é o teor das idéias e frases; existe para você dizer o que você detesta, o que você não suporta, diferente do Face Book e seu botãozinho de “Curtir” bem politicamente correto. Como o Hatebook (http://www.hatebook.org/) há também o NoSo – abreviação de No Social- e o Avoidr, todos seguindo a mesma linha de negatividade e mantendo o mesmo lance do face Book: Você joga sua idéia no Feed de Noticias e espera a repercussão, que no caso dessa Redes “Ant-Saociais” serão comentários grosseiros, claro.

Nesses sites- que não tem ainda versão em português- os procedimentos de inscrição são os básicos de qualquer Orkut da vida: Preenche-se uma ficha com dados como Nome e e-mail e logo em seguida começa a fase de preencher perfil. È na terceira fase que as coisas vão ficando diferentes e você tem até um espaço dedicado a listar sites e blogs que você odeia, é uma forma de gerar , digamos, uma certa interação entre os usuários, que assim podem compartilhar de suas “dispreferencias”.

A Internet é um espaço democrático e se há sites, como o face Book, onde se pode curtir as coisas há outros como o Hatebook para detestá-las. Não é de toda original a idéia, já que o “em breve falecido” Orkut havia- já estou escrevendo no passado- as comunidades de eu odeio isso eu odeio aquilo. Há sempre o perigo de neo nazistas e outros idiotas usarem essas ferramentas – como fizeram com as comunidades do Orkut – para disseminar o ódio e a violência, No mais serve como forma de se comunicar através da ironia e do humor acido, politicamente incorreto e maravilhoso.



Victor Viana

Comentários