Em Cabo Frio, casa em área nobre era usada como ponto de distribuição de drogas

 Homem que trabalhava como jardineiro escondia material no quintal

Em uma casa acima de qualquer suspeita, localizada em um endereço nobre do centro de Cabo Frio, na região dos Lagos, a polícia prendeu um homem que usava o imóvel como ponto de distribuição de drogas, na manhã desta quinta-feira (14).
No quintal da casa, na rua Treze de Novembro, na quadra da Praia do Forte, região turística da cidade, policiais da Delegacia de Cabo Frio (126ª DP) encontraram mais de 300 g de cocaína em sacolés e cápsulas e um tablete de maconha. Uma pistola calibre 380 também foi apreendida.
Segundo a polícia, o material pertencia a Adriano Marcelino Ramalho, de 27 anos, que fazia trabalhos como jardineiro para os proprietários do imóvel. Ele se aproveitou do fato de a irmã trabalhar como caseira no imóvel para esconder o material no imóvel.
Para os investigadores, que chegaram até o local por meio de denúncia anônima, o suspeito repassava drogas para menores, que revendiam em diversos pontos do centro da cidade, principalmente à noite.
Adriano deverá responder pelos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Ele não tinha passagem pela polícia.

Comentários