Em Cabo Frio, Cemitério ainda é cenário de abandono


Mulher teve procurar entre 30 mil sacos a ossada da mãe

Dois meses depois de a Rede Record denunciar o abandono e descaso no cemitério municipal Jardim dos Eucaliptos, em Cabo Frio, na região dos Lagos, a situação pouco mudou. A equipe da emissora flagrou no terreno do cemitério restos de rituais religiosos e plantações de batata doce e abóbora.
A auxiliar de enfermagem Iremilda Cristina Guimarães ficou indignada ao ir no cemitério para tentar encontrar a ossada da mãe. Ela teve que subir em uma escada para acessar o telhado do ossário que teve a porta lacrada com tijolo e cimento após a denúncia levada ao ar nos jornais da emissora. Ela disse que teve que procurar os ossos no meio de quase 30 mil sacos plásticos com restos mortais.
O secretario de Habitação e Serviços Públicos de Cabo Frio, Eduardo Leal, informou que as portas do ossário foram lacradas por determinação da Procuradoria Geral do Município. Ele esclareceu que os restos mortais da mãe de Iremilda já estão sendo procurados pelos funcionários do cemitério. Quanto a plantação, ele assegurou que a capina já foi solicitada.

Comentários