Em São Gonçalo, recém-nascido é roubado de hospital

 
A mãe com o bebê pouco depois do parto Foto: reprodução



Bruno Rohde

Um bebê recém-nascido foi levado, na noite de ontem (22), do Hospital São José dos Lírios, no bairro Zé Garoto, em São Gonçalo, por uma mulher que se disfarçou de médica. Fingindo que levaria a pequena Ayana Milla para fazer exames, a criminosa retirou a menina do quarto onde estava com os pais e desapareceu.
A menina nasceu pouco depois da meia-noite de sexta. Estava no quarto com a mãe, Eliza da Silva Barboza, e o pai, Joffree Lazarius, ambos de 27 anos, por volta das 18h, quando uma mulher de branco apareceu. Vestindo um jaleco branco e usando um estetoscópio rosa, ela disse que teria de levar a garota para o exame.
— Ela entrou no quarto e se identificou como doutora Taísa — conta Joffre.
Como o tempo passava e a falsa médica não retornava, o pai saiu para procurá-la pelo hospital. Mas a mulher já havia sumido.

Circuito de segurança


O Hospital São José dos Lírios: câmeras registraram a criminosa
O circuito de segurança do hospital mostra a mulher entrando na unidade levando uma sacola vazia. Cerca de 15 minutos depois, ela sai, já com a sacola cheia — onde, provavelmente, estava a menina. Segundo o diretor do hospital, Sérgio Moutinho, a falsa médica se apresentou, na recepção, como parente de um paciente.
Pela descrição dos pais de Ayana, a mulher tem cerca de 1,70m de altura e cabelos castanhos encaracolados.O caso foi registrado na 72 DP (São Gonçalo).

Tentativa anterior
De acordo com os pais de Ayana Milla e o diretor do São José dos Lírios, a falsa médica tentou entrar, também na sexta-feira, em outra unidade de saúde de São Gonçalo. Ela teria se apresentado no Pronto-Socorro de São Gonçalo, também no bairro Zé Garoto. como técnica de enfermagem, mas funcionários desconfiaram da mulher e ela acabou fugindo.
Segundo Sérgio Moutinho, não há nenhuma médica no hospital com o nome usado pela criminosa.
Neste sábado, Joffree e Eliza irão à 72ª DP, às 9h, para fornecer mais informações à polícia. Ayana é a primeira filha do casal.

Comentários