Em São João da Barra, mais uma sessão na Câmara termina em confusão


Ontem (21). mais uma sessão na Câmara de Vereadores de São João da Barra terminou em confusão. A reunião foi suspensa e o orçamento do município para o ano que vem não foi votado. A sessão que começou sob escolta policial e com uma hora de atraso, precisou de apenas meia hora para terminar em confusão.

Dezenas de pessoas acompanharam a reunião, muitos eram funcionários da União Norte, empresa responsável pela limpeza pública do município e que teve o contrato rompido pela prefeitura. Por causa do rompimento, 400 funcionários poderão ser demitidos. Como forma de protesto, eles levaram o aviso prévio que receberam para a sessão.

Mas o que estava em pauta era o orçamento do município para 2012. Mas os parlamentares discordaram da votação do projeto e o desentendimento entre oposição e bancada governista obrigou o presidente a encerrar a sessão. 

Pela 5ª vez, a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias do município deixa de ser votada e  por causa disso outros projetos, também em caráter de urgência, ainda aguardam aprovação dos vereadores. De acordo com a Lei Orgânica do município, enquanto não houver votação da LDO não há recesso na Câmara.

Comentários