Ministério da Pesca quer que brasileiros comam mais pescado

Brasileiro come 9 quilos por ano, enquanto o recomendado são 12

http://i2.r7.com/ministrodapesca-tl.jpg
Agência Brasil
O ministro da Pesca e Aquicultura, Luiz Sérgio, participa de ações da Semana do Peixe no Distrito Federal. 
O ministro visita supermercados para incentivar a campanha


No Brasil, o consumo de peixe por pessoa está abaixo do recomendado pela OMS (Organização Mundial da Saúde). De acordo com dados oficiais, cada brasileiro come, em média, 9 quilos de pescado por ano, quando o ideal, segundo a OMS, são 12 quilos. Para mudar este quadro, o Ministério da Pesca e Aquicultura promove todos os anos a campanha Semana do Peixe, que este ano está na sua oitava edição.




Dentro das ações da campanha, que vai até o dia 24 deste mês, o ministro Luiz Sérgio visitou nesta quinta-feira (15) vários supermercados do Distrito Federal (DF). Ele admitiu que o preço cobrado pelo produto é um dos obstáculos para o aumento do consumo.

- É um fator que precisamos superar.
Mas, para o ministro, isso pode ser conseguido com o aumento da produção do pescado no país.
- A campanha é importante porque o Brasil produz 1,2 milhão de toneladas de peixe, o que é muito pouco, mas podemos dobrar e até triplicar essa produção.
A professora de nutrição Rosane Pescador, da Universidade Católica de Brasília, elogiou a iniciativa do governo de incentivar o consumo de peixe no país. A nutricionista ressaltou que o peixe pode substituir a carne vermelha sem causar danos nem prejuízos à saúde.

- O peixe tem menos calorias e detém [os ácidos graxos] ômega 3. Também atua na prevenção de doenças. O consumo de peixe é bom para as gestantes porque gera efeitos positivos na área cerebral da criança. Uma outra vantagem é que o peixe pode substituir a carne vermelha tranquilamente. As pessoas devem consumir peixe pelo menos duas vezes por semana. 

De acordo com especialistas, a ingestão do ômega 3 auxilia na redução dos níveis de triglicerídeos e colesterol considerados negativos. Além de estar presentes em peixes, ele é encontrado nas nozes, castanhas, folhagens de rúcula e nos óleos vegetais. 

No caso do peixe, é necessário observar uma série de detalhes na hora de comprá-lo, como se a pele está firme, úmida e sem a presença de manchas, assim como os olhos, que devem estar brilhantes, e as escamas firmes.

Comentários