Em Campos, seis pessoas são presas suspeitas de estelionato e formação de quadrilha

Segundo informações, eles vendiam livros didáticos por R$ 450; o crime foi descoberto e denunciado à polícia por um professor.
Seis pessoas foram presas em flagrante e uma menor apreendida em Campos, suspeitas de estelionato e formação de quadrilha. Eles vendiam livros didáticos por R$ 450. O crime foi descoberto e denunciado à polícia por um professor.
O bando é de Aracaju, no Sergipe e estão em Campos há  uma semana. Segundo a Polícia Civil, pelo menos 15 pessoas da cidade caíram no golpe.


O grupo é formado por estudantes que foram recrutados por uma suposta empresa que garantia a esses jovens o falso benefício de ingresso em universidades com o dinheiro das vendas que era revertido para um projeto social. Mas segundo a Polícia, o dinheiro arrecadado era exclusivamente para lucro dos vendedores e "donos" do negócio, já que muitos deles sequer tinham concluído o ensino médio.
Um professor que comprou um dos livros descobriu o golpe ao entrar na internet e perceber que o site estava desatualizado. Ele denunciou o caso e a investigação da polícia durou menos de 24 horas. Um dos presos confessou que o projeto social não existia.
Segundo a Polícia, os presos sensibilizavam o cliente com a falsa informação do projeto social. Foram apreendidos dezenas de livros, máquina de cartão de crédito, carimbos e aparelhos celulares.
Além de responderem por formação de quadrilha e estelionato, os presos vão responder por corrupção de menores. Eles serão levados para casa de custódia de campos e a menor será encaminhada ao Ministério Público.

do RJ INTER TV 1ª Edição

Comentários