O resumo dos principais jornais neste sábado

O Globo

Manchete: Chefe da PM surpreende e troca dez no comando

Nova testemunha revela que tenente-coronel também queria matar inspetor

Após tomar posse sem qualquer cerimônia militar, o novo comandante da PM, coronel Erir Ribeiro da Costa Filho, começou ontem mesmo a mexer na cúpula da corporação. Pelo menos dez oficiais foram trocados - e as mudanças não vão parar. Os substituídos são de unidades que coordenam batalhões, cargos de administração, finanças e logística, o serviço reservado e até o comando das UPPs. O coronel também criou o Comando de Policiamento Especializado, que vai coordenar Bope, Choque, Polícia Rodoviária, Turismo e Cavalaria. Um dos cabos presos sob a acusação de envolvimento na execução da juíza Patrícia Acioli resolveu contar o que sabe em troca de proteção e redução da pena. Em depoimento à Justiça, disse que o ex-comandante do 7º BPM se referiu ao crime como "um grande favor" e que o plano envolvida também o assassinato de um inspetor da Polícia Civil. (Págs, 1, 18 e 22)

EUA matam americano da Al -Qaeda

Num ataque com um avião não tripulado, os EUA mataram ontem no Iêmen o americano Arwar al-Awlaki, principal propagandista da al-Qaeda na Península Arábica. A execução de Awlaki - que não foi a julgamento - gerou críticas de entidades de direitos civis dos EUA. (Págs. 1 e 42)

Lindbergh diz que Sarney prejudica o Rio

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) acusou o presidente do Senado, José Sarney, de estar por trás da tentativa de tirar do Rio recursos dos royalties do petróleo para beneficiar o Maranhão. "É uma agressão federativa". (Págs. 1 e 3)

Fundo cambial e dólar: as melhores aplicações do mês (Págs. 1 e 29)

------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
Manchete: Projeto permite segurança privada armada em ônibus

Objetivo da medida, que também alcança estádios e presídios, é liberar PMs para policiamento das ruas.

O "estatuto da segurança privada", - projeto elaborado pelo Ministério da Justiça para a Copa e que depende de aval do Congresso - permite contratação de empresas para fazer a segurança armada de presídios, estádios, metrô e até ônibus.

O objetivo da medida é liberar efetivos da PM hoje dedicados a atuar no sistema carcerário e nos jogos de futebol para policiar as ruas. O texto autoriza a participação de capital estrangeiro nas empresas de segurança no país em até 49%.
O projeto é discutido desde 2007. Para o governo, a legislação de segurança privada, de 1983, precisa ser atualizada. (Págs. 1 e Cotidiano C1)

Foto Legenda: Unidos da paralisação

Funcionários dos Correios, que entram no 18º dia de greve, e bancários, que dizem ter parado 40% das agências, protestam juntos em SP. (Págs. 1 e Mercado B17)

Ataque dos EUA mata no Iêmen líder da AL Qaeda

Um ataque dos EUA matou, no Iêmen, o clérigo radical Anwar al Awlaki, de cidadania iemenita-americana, mentor de ataques terroristas recentes da AL Qaeda.

Ele foi morto por uma míssil disparado de avião não tripulado, segundo funcionários dos dois governos.

Obama disse que o clérigo convocava pessoas pelo mundo a matar inocentes.
O assassinato de AL Awlaki gerou discussão nos EUA sobre a legalidade de atacar cidadãos do país sem processo judicial - na ação, foi morto outro americano ligado à Al Qaeda. (Mundo A16)

Crise é chance de reduzir juro com cautela, afirma Dilma

Em discurso a empresários, a presidente Dilma Rousseff disse que o governo está abrindo espaço para que o Banco Central possa aproveitar a crise externa e iniciar um ciclo "cauteloso e responsável" de redução da taxa básica de juros.

Dilma disse que o país está mais preparado para a crise do que em 2008, mas "não pode errar". (Poder A4)

Walter Ceneviva: Corregedora do CNJ tem missão de fiscalizar e punir

Em face do que diz a Constituição, a função da corregedoria-geral do CNJ, Eliana Calmon, inclui fiscalizar, investigar, processar e punir aqueles que saiam da linha compatível com a dignidade da função. (Págs, 1 e Cotidiano C2)

Kassab vai antecipar receitas que caberiam a sucessor (Págs. 1 e Cotidiano C8)

Editoriais

Leia "Sobre distorções", que analisa perspectivas para a economia brasileira, e "Acúmulo de sujeira", acerca do fracasso na limpeza do rio Pinheiros. (Págs. 1 e Opinião A2)

------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
Manchete: Dilma e Mantega sinalizam que juros podem voltar a cair

"Temos toda munição monetária, que EUA e Europa não dispõem", diz ministro

A presidente Dilma Rousseff e o ministro da Fazenda, Guido Mantega, sinalizaram ontem que a taxa de juros pode voltar a cair como forma de combater os efeitos da crise internacional. A presidente ressaltou que o governo não vai baixar os juros básicos movidos simplesmente pela reivindicação de agentes econômicos. "Vamos manter a trajetória de redução de juros de acordo com as condições econômicas do País", afirmou Dilma, para quem o Brasil vem sendo beneficiado pelo centário deflacionário causado pelo baixo crescimento das economias centrais. Segundo Mantega, o Brasil tem algo entre R$ 400 bilhões e R$ 500 bilhões em depósitos compulsórios que poderiam ser acionados em caso de necessidade. "Temos toda munição monetária, coisas que os Estados Unidos e Europa não dispõem. Nós temos, por exemplo, a taxa de juros mais alta do mundo, e podemos reduzi-la", afirmou o ministro. (Págs. 1 e Economia B1)
Presidente agora é mais popular no Sul
Ibope mostra que, após a "faxina" de Dilma no governo, o Sul é a região que mais aprova sua gestão, com 57%. No Sudeste, são 54% e no Nordeste, 50%. (Págs. 1 e Nacional AB)

Aloysio faz críticas e amplia crise no PSDB

O senador Aloysio Nunes Ferreira (SP) aumentou a crise do PSDB ao usar o Twitter para criticar a direção do partido em São Paulo por tê-lo "ignorado" na propaganda tucana no Estado. Ele atacou também a ausência de José Serra no programa. O presidente do PSDB, Sérgio Guerra, disse não ter entendido o motivo da revolta de Aloysio. (Págs. 1 e Nacional A4)

Kassab abre 'pacote de bondades' para 2012

Para o ano que vem, quando tentará fazer seu sucessor, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD), triplicou a previsão de investimentos e dará reajustes acima da inflação e professores, médicos e guardas-civis. O "pacote de vondades" repete estratégia de 2008, quando o prefeito se reelegeu. Só em investimentos serão R$ 6,1 bilhões - neste ano, a mesma verba não deve chegar a R$ 2,5 bilhões. A estimativa de gastos da Prefeitura cresceu 12%. (Págs. 1, Cidades C1 e C3)

Alckmin aposta em metrô
Investimentos vão crescer 10% em 2012, segundo a proposta orçamentária do governo paulista. (Págs. 1 e Cidades C3)

União usará lucro de aeroportos privatizados

Anunciado ontem, o modelo de privatização dos aeroportos de Guarulhos, Campinas e Brasília permitirá que o governo se aproprie de parcela do lucro das futuras concessionárias para financiar aeroportos regionais ou deficitários. As companhias aéreas ficam de fora do negócio. O preço mínimo a ser pago pelos aeroportos não foi definido. O leilão está previsto para dezembro. (Págs. 1 e Economia B6)

Consumo de antibiótico cresce, apesar de restrição (Págs. 1 e Vida A26)

Shopping Center Norte fica aberto, mas multa não cai

Uma liminar impediu, ontem, a interdição do Shopping Center Norte por risco de explosão por vazamento de gás metano. A Prefeitura de São Paulo anunciou que vai recorrer. A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) manteve a multa diária de R$ 17.450 ao shopping até que sejam instalados equipamentos para eliminação do gás. (Págs. 1 e Cidades C5)

EUA matam americano líder da AL-Qaeda no Iêmen (Pág. 1 e Internacional A14)

Consumo de antibiótico cresce, apesar de restrição (Págs. 1 e Vida A26)

Celso Ming - A reboque dos fatos

As alterações no Fundo de Estabilidade Financeira Européia chegaram tarde e, mais que tudo, são insuficientes. (Págs. 1 e Economia B2)

Jackie Calmes e Mark Landler - Caminho eleitoral alternativo

Obama aposta em mudanças demográficas de Estados republicanos para compensar a perda de apoio em áreas afetadas pelo desemprego. (Págs. 1 e Visão Global A20)

Notas & Informações

É surpreendente o fato de que até hoje Maluf jamais tenha sido condenado á prisão. (Págs. 1 e A3)

------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense
Manchete: Professor de direito mata aluna e entrega o corpo em delegacia

Suênia Souza Faria, de 24 anos, foi abordada por Rendrik Vieira Rodrigues, de 35, logo após sair do UniCeub, por volta das 14h30. Entraram no carro dela e deixaram o estacionamento da faculdade.

Inconformado com o fim do relacionamento, ele a assassinou com dois tiros na cabeça e um no tórax. (Página 36)

Supremo avalia limites do CNJ

Redução dos poderes do Conselho Nacional de Justiça poder além da limitação de julgar e punir magistrados. (Página 2)

Trabalhar na sexta? Eles não

Deputados somem. Atrasam a votação de proposta de interesse do governo e deixam até turistas frustados. (Página 6)

Segredo: Conselho do BB não sabia da saída de diretorias do DF (Página 17)

------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas
Manchete: Ensina-me a conviver

O aumento de 140% nos registros de violência nas escolas públicas de BH no primeiro semestre em relação ao mesmo período de 2010, as agressões entre alunos e a professores, menores armados e até tentiva de homicídio a tiros mobilizam poderes e instituições no estado. 

O MP discute com as cidades polos a assinatura de compromisso para combate ao bullyng e, junto com representantes de servidores e educadores, prepara um mapeamento dos casos de agressão. Na segunda-feira, o sindicato dos professores da rede particular lança campanha para mostrar o ambiente de tensão em que os docentes trabalham e propor soluções. (Págs. 1, 19 e 21)

Minas ganha maior fatia do incentivo à exportação

Presidente Dilma Rousseff anuncia liberação de R$ 1,95 bilhão para incremento às vendas externas. Minas é o estado que receberá mais: R$ 350 milhões serão repassados aos municípios. (Págs. 1, 11 e 12)

Campo de concentração no Sul de MG

Quartel do Exército em Pouso Alegre, no Sul de Minas, manteve confinados por mais de dois anos durante a Segunda Guerra 62 tripulantes de navio alemão afundado na costa nordestina. (Págs. 1 e 26)

Importador já disputa espaço nos navios (Págs. 1 e 13)

Orçamento do estado cresce 14% para 2012 (Págs. 1 e 6)

------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio
Manchete: Acidentes de moto viram epidemia cara

Governo lançou campanha de conscientização. Cálculos mostram que um motoqueiro acidentado custa, em média, R$ 154 mil aos cofres do Estado. Só em 2010, houve gasto de R$ 493 milhões. (Págs. 1 e Cidades 6)

Mais 15 fábricas vão se instalar em Pernambuco

No anúncio de ontem, destaque foi a unidade de peças para motores, a primeira indústria de Glória do Goitá. (Págs. 1 e Economia 4)

Univasf decide manter Enem como vestibular

Conselho optou pelo exame nacional para selecionar suas 1.330 vagas.(Págs. 1 e Cidades 5)

Horário de verão vai começar no dia 16 (Págs. 1 e Economia 9)

Trens do metrô terão câmeras de segurança (Págs. 1 e Cidades 8)

------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
Manchete: Mudança na estratégia das detenções reduz lotação de presídios

Secretaria de Segurança Pública credita à "repressão com qualidade", tendo como alvo grandes criminosos, a queda de 1,5 mil presos nos últimos nove meses (Págs. 1 e 31)

Efeito faxina: Sul é o que mais aprova governo Dilma

Pesquisa CNI/Ibope aponta aumento de 12 pontos percentuais na região entre julho e setembro (Págs. 1 e 8)

Artigos: O lado bom e o lado ruim das UPPs

Especialistas divergem sobre eficácia da ação da polícia em áreas de risco (Págs. 1 e 15)

A novela dos pedágios: Conselhão sugere não renovar concessões (Págs. 1 e 6)
AE

Comentários