Montenegro afirma que convocações de Mano prejudicaram o Botafogo


Bruno Giacobbo
A queda do Botafogo no Campeonato Brasileiro foi um dos temas abordados pelo ex-presidente Carlos Augusto Montenegro. Em passagem pelo clube - para confirmação de seu voto nas eleições presidenciais -, o ex-mandatário explicou o motivo do rendimento discreto do alvinegro nas últimas rodadas.
Segundo ele, Mano Menezes, técnico da seleção brasileira, teve participação nesse processo. Ele enxerga que as convocações de Côrtes, Elkeson e Jefferson foram prejudiciais ao Glorioso.
"Infelizmente o Botafogo caiu nos últimos seis jogos por causa de jogadores importantes que caíram drasticamente de produção, como Cortês, Elkeson, Lucas, Herrera e Maicosuel. Sem querer, o Mano Menezes atrapalhou o Botafogo e ajudou o Corinthians", declarou.
Firme em suas colocações, Montenegro não poupou nem sequer o goleiro Jefferson.
"Até o Jefferson, que vinha fazendo um belo campeonato, falhou nos últimos jogos. Realmente, a Seleção Brasileira não fez bem aos jogadores", completou.
Em clima amistoso com os dois candidatos, Maurício Assumpção e Carlos Eduardo Pereira, Montenegro festejou o clima tranquilo como transcorre as eleições no clube.
"Isso é democracia, aqui todo mundo é Botafogo. O Carlos Eduardo (Pereira) é um amigo, infelizmente me abandonou em 1995, pois não gostava muito do Antônio Rodrigues. É uma pessoa de bem, mas eu estou com o Maurício Assumpção", finalizou.

Comentários