No Rio, sambistas invadem trens para comemorar


Dia Nacional do Samba; veja programação
Portela_musicos

Ritmistas da Portela se preparam para ensaio aberto neste sábado
Velhas guardas de escolas de samba darão o tom nas viagens da Central a Oswaldo Cruz
Neste sábado (3), quem gosta de samba poderá, a cada meia hora, cair na folia. Das 16h às 18h30, trens partirão da Central do Brasil rumo a Oswaldo Cruz, na zona norte do Rio, com sambistas em todos os vagões. Essa é a 16ª edição do Trem do Samba, que acontece um dia depois do Dia Nacional do Samba, comemorado na sexta-feira (2).


As comemorações, aliás, começaram desde a última terça-feira (29) na Central do Brasil, com shows sempre às 18h30. No sábado, a festa na estação vai começar mais cedo, a partir das 12h, com apresentações das velhas guardas da Portela, Império Serrano, Mangueira, Salgueiro, Vila Isabel, entre outras atrações.
Para entrar no Trem do Samba, é preciso doar 1 kg de alimento não perecível ou comprar o bilhete pelo preço comum. Depois de ouvir muita música pelo caminho, os passageiros vão desembarcar em Oswaldo Cruz (berço da Portela), onde a partir das 20h haverá shows de Martinália e Arlindo Cruz. 

Comentários