Bom dia! Vamos com as notícias desta terça-feira, 28 de fevereiro.



O Globo
Manchete: Rio vai criar força-tarefa contra policiais do bicho

Objetivo de Beltrame é quebrar esquema de proteção a contraventores

O secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, decidiu enfrentar a máfia do bicho no Rio criando uma força-tarefa, com o apoio de procuradores da República, para investigar crimes de lavagem de dinheiro cometidos também por policiais que protegem contra-ventores. Parte do plano é defender no Congresso mudanças urgentes no Código Penal, de 1940, como a criminalização do jogo, a tipificação do crime de milícia e a facilitação da expulsão de policiais flagrados em desvio de conduta. O objetivo é golpear a "blindagem" montada por policiais civis, militares e federais que prestam segurança ou passam informações privilegiadas a bicheiros. Desde 2007, a PM expulsou 50 policiais acusados de ligação com a contravenção (caça-níqueis, exploração de transporte alternativo, milícias e bicho), a Polícia Civil prendeu 12 desde 2008, enquanto, na PF, 14 agentes respondem a processos nos últimos cinco anos. (Págs. 1 e 13)

Dilma abre cofre para reconstruir estação

A presidente Dilma Rousseff determinou a abertura de crédito extra no orçamento para que haja toda a verba necessária à reconstrução da base brasileira na Antártica, destruída no úlitmo sábado por um incêndio, no qual morreram dois militares. Estima-se que isso custará ao menos R$20 milhões. Ontem, em meio a cansaço e dor pela morte dos colegas, voltaram ao país as 45 pessoas que estavam na base. (Págs. 1 e 3 a 9)

Correa desiste da prisão de jornalistas

Num discurso duro, o presidente Rafael Correa, do Equador, decidiu "perdoar" o "El Universo" da pena de multa e prisão de diretores, mas atacou a imprensa e o grupo GDA, do qual O Globo faz parte, por republicar o artigo que originou a sentença. O recuo de Correa, sob pressão internacional, foi considerado estratégico. (Págs. 1 e 25)

No twitter, Serra confirma candidatura

Ex-governador José Serra confirmou, no Twitter, que pretende disputar a prefeitura de São Paulo e que enfrentará as prévias do PSDB. Mas não oficializou a decisão. (Págs. 1 e 10)

Parlamento alemão aprova ajuda à Grécia

Numa vitória expressiva, a chanceler alemã Angela Merkel conseguiu apoio político para aprovar por 496 votos a 90 o pacote de ajuda de 130 bi euros à Grécia. Enquanto isso, parlamentar grego sugere trocar o nome do país para "Hellas", para melhorar a marca. (Págs. 1 e 19)

------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
Manchete: Depósito milionário para ex-vice do BB é investigado

Afastado durante crise no banco, ele recebeu recursos de aposentada de 70 anos

O ex-vice-presidente do Banco do Brasil Allan Toledo, que até dezembro dirigia uma das áreas mais importantes da instituição, é investigado por ter recebido quase R$ 1 milhão em sua conta bancária em 2011.
Toledo abriu a conta em janeiro do ano passado e recebeu cinco depósitos mensais no total de R$ 953 mil, informa Andreza Matais. (Págs. 1 e Poder A4)

Governo propõe indenizar família de oficiais mortos

Os militares mortos na base brasileira na Antártida, Roberto Lopes dos Santos, 45, e Carlos Alberto Vieira Figueiredo, 47, serão considerados heróis nacionais e suas famílias devem ser indenizadas em até R$ 500 mil. 

A proposta do governo terá de passar pelo Congresso. (Págs. 1 e Poder A13)

Serra oficializa candidatura e leva PSDB a adiar prévias

O ex-governador José Serra anunciou no Twitter que disputará as prévias para escolha do candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo.

A cúpula do partido decidiu adiar a disputa interna marcada inicialmente para domingo, por uma semana. José Aníbal e Ricardo Trípoli, os pré-candidatos que ainda estão no páreo, são contra o adamento. (Págs. 1 e Poder A8)

Roubo de veículos aumenta 18% na capital paulista

A cidade de São Paulo teve crescimento de 18% nos roubos de veículos em janeiro deste ano na comparação com o mesmo mês de 2011.

O aumento da capital influenciou a alta de 10% registrada no Estado. O total de vítimas de homicídios também cresceu. Na comparação com janeiro de 2011, a alta foi de 1,6%. (Págs. 1 e Cotidiano C1)

Síria é acusada de matar grupo de civis em fuga

Ativistas de oposição ao ditador sírio acusam o governo de matar ao menos 64 pessoas que fugiam da violência em Homs, depois de encurralar o grupo em um posto de controle do Exército. Outras 61 pessoas foram mortas pelo país. Os EUA criticaram a proposta de armar os rebeldes. (Págs. 1 e Mundo A14)

Clóvis Rossi: Farc estão apenas mudando o ramo dos seus negócios

A leitura predominante na Colômbia é de que as Farc estariam apenas trocando as fontes de renda do grupo.

Quem se acostumou a movimentar grandes quantias de dinheiro não consegue adaptar-se a uma vida mais simples. (Págs. 1 e Mundo A15)

Editoriais

Leia "Impunidade no poder", sobre lentidão em ações penais contra políticos; e "Proantar, 30", acerca de incêndio em base de pesquisa brasileira. (Págs. 1 e Opinião A2)

------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
Manchete: Serra ainda pode disputar a Presidência, indica FHC

Ex-presidente avalia que decisão de tentar a Prefeitura, confirmada ontem, faz o tucano voltar 'com força'

A candidatura de José Serra à Prefeitura de São Paulo, confirmada ontem pelo ex-governador, permitirá a ele "voltar à cena política com força" e foi a mais adequada para o PSDB, disse o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso em entrevista ao correspondente em Nova York, Gustavo Chacra. Para FHC, a decisão de disputar a eleição para prefeito não significa que Serra tenha abandonado o projeto de tentar a Presidência no futuro: "Política é uma coisa muito dinâmica. Tem sempre a cláusula de prudência". Serra anunciou o apoio às prévias para escolher o candidato do PSDB - líderes tucanos articulam para adiá-las e, assim, permitir que o ex-governador participe de debates. (Págs. 1 e Nacional A4) 

Planalto se mexe

Após a entrada de José Serra (PSDB) na disputa pela Prefeitura de São Paulo, a presidente Dilma Rousseff sinaliza que fortalecerá o PR nos Transportes, para facilitar a aliança em torno de Fernando Haddad (PT) e ganhar tempo de TV. Parte do governo avalia ainda que a manutenção da candidatura de Grabriel Chalita (PMDB) pode ajudar Haddad. (Págs. 1 e Nacional A8) 

.edu: De outro jeito

Ensino superior a distância enfrenta desafios, mas cresce. (Pág. 1)

Pane elétrica teria iniciado fogo em base na Antártida

Uma das hipóteses apontadas como causa do incêndio que destruiu no sábado a Estação da Antártica Comandante Ferraz e matou duas pessoas é uma pane elétrica em um dos quatro geradores de energia instalados na casa de máquinas. Por motivos ainda desconhecidos, o alarme de incêndio não soou. Para os militares, o incêndio se espalhou com rapidez pela estação porque a praça das máquinas era ligada pelo teto às demais dependências da base. Ontem, os sobreviventes chegaram ao Brasil. (Págs. 1 e Vida A16)

Fotolegenda: Aluno atira em colegas dos EUA

Estudantes de colégio em Chardon (EUA) se consolam depois que um adolescente atirou contra colegas no café da manhã. Um estudante morreu e quatro foram feridos. Segundo testemunhas, o atirador, que foi preso, sofria bullying. (Págs. 1 e Internacional A15)

Da prisão, Hildebrando faz ameaças a procuradora

Preso há 12 anos e condenado a mais de 110, ex-deputado Hildebrando Pascoal - conhecido como "homem da motosserra" - driblou a vigilância da penitenciária de segurança máxima do Acre e enviou duas cartas de ameaça e extorsão a desembargadora e a procuradora. Ele exige dinheiro e afirma ter fatos a revelar aos Conselhos Nacional de Justiça e do Minsitério Público. O ex-deputado se mostra disposto a se vingar de quem, diz, o teria abandonado. (Págs. 1 e Nacional A10)

Brasil critica pressão sobre Assad e ação fora da ONU

O Brasil criticou ontem no Conselho de Direitos Humanos da ONU a forma como potências ocidentais e os países árabes têm pressionado o ditador Bashar Assad. Em discurso em Genebra, a ministra Maria do Rosário (Direitos Humanos) condenou a ideia de armar a oposição síria, bem como inciativas diplomáticas fora do âmbito da ONU - referência ao grupo autointitulado "Amigos da Síria", formado por americanos, europeus e árabes. (Págs. 1 e Internacional A12)

Uruguai pede que País abra arquivos

O Uruguai pedirá ao Brasil arquivos sobre uruguaios mortos no País na ditadura. A ministra Maria do Rosário (Direitos Humanos) diz que haverá "transparência". (Págs. 1 e Nacional A11) 

Agência rebaixa nota da dívida da Grécia (Págs. 1 e Economia B8)
Paul Krugman

O que aflige a Europa?

Falsas histórias a respeito da Europa estão sendo usadas para fazer avançar políticas que seriam cruéis, destrutivas, ou ambas as coisas. (Págs. 1 e Economia B9)

Dora Kramer

Agora é que são elas

Não adianta o abono da ficha se os eleitos não continuarem "limpos" e devidamente esquadrinhados durante os mandatos. (Págs. 1 e Nacional A8)

Notas & Informações

A impotência do G-20

Os líderes das principais potências se mostram incapazes de repetir a cooperação de 2008-2009. (Págs. 1 e A3)

------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense
Manchete: Teste da vergonha para os distritais

Fique de olho: deputados decidem hoje se levam a votação o fim do 14º e do 15º salário, de R$20.023 cada um. Trata-se de apropiação inaceitável dos impostos pagos pelos brasilienses. Dos 24 parlamentares, 12 já abriram mão do provilégio. (Págs. 1 e 26)

Fotolegenda: Expectativa na W3 Sul

Com a pintura do asfalto concluída, o Detran começa a instalar a sinalização da faixa exclusiva para ônibus. A partir de 15 março, os coletivos terão um corredor para trafegar e a pista será vetada aos carros. Moradores da área estão apreensivos com as mudanças. (Págs. 1 e 32)

UnB aproveita teste do Enem

A universidade usará o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio para preencher 624 vagas remanescentes do PAS. O Correio publica hoje a lista dos aprovados em 3ª chamada do vestibular. (Págs. 1 e 33)

Nota legal: Prazo para usar benefícios termina nesta quarta-feira (Págs. 1 e 35)
Estatal abre 181 vagas em concurso

As indústrias Nucleares do Brasil selecionam servidores de níveis médio e superior, no DF e em mais sete cidades. (Págs. 1 e 13)

Guerra pelo BB pode acabar nos tribunais

A denúncia de vazamento de extratos bancários de um ex-vice-presidente do Banco do Brasil é mais um capítulo da disputa pelo poder na instituição. O funcionário, exonerado no ano passado, ameaça ir à Justiça contra os responsáveis pela quebra do sigilo. (Págs. 1 e 11)

Recomeça a luta entre PT e Serra

Confirmação da candidatura do tucano a prefeito de São Paulo reedita nas redes sociais troca de acusações que marcou a disputa para presidente da República em 2010. (Págs. 1, 2 e 3)

Meia-entrada para estudante na Copa

Lei Geral deve instituir o desconto, mas comprar os bilhetes será tarefa difícil: só 300 mil estarão disponíveis. (Págs. 1, Super Esportes, 2 e 3)

Militar alertou sobre falhas na Antártida

Relatório feito em 2006 por um oficial da Marinha apontava as más condições da estação destruída por um incêndio. (Págs. 1 e 8)

------------------------------------------------------------------------------------
Valor Econômico
Manchete: Justiça processa cartéis mundiais de componentes

O Ministério da Justiça decidiu abrir cinco processos de investigação contra 44 empresas acusadas de participar de cartéis que elevaram os preços de computadores, televisores e componentes eletrônicos no Brasil entre 1998 e 2009. São cinco cartéis mundiais, organizados por empresas que venderam produtos como tubos, painéis, discos ópticos e memórias em centenas de países.

Em todos os cinco casos já foram abertas investigações no exterior - alguns processos resultaram em punições a empresas e seus dirigentes. No cartel de memória Dram, 15 executivos foram presos nos EUA por períodos que variaram entre 4 e 14 meses e pagaram multas individuais de US$ 250 mil. Foi com base nas provas colhidas por órgãos antitruste da Europa e dos Estados Unidos que a Secretaria de Direito Econômico abriu os processos agora no Brasil. Se forem condenadas, as empresas terão de pagar multas que variam de 1% a 30% do faturamento. (Págs. 1 e B3)
Fotolegenda: Novos negócios
A Caterpillar quer atender a forte demanda por máquinas na mineração e extração de petróleo. Em abril, começa a fabricar locomotivas em Minas, diz Doug Oberhelman, presidente global. (Págs 1 e B11)

Cai venda de manufaturas para vizinhos

Os manufaturados têm perdido participação de forma generalizada na exportação brasileira. Essa redução ocorre não só nas vendas para os Estados Unidos e Europa mas também para a América Latina. A tendência é nítida nos três principais mercados para os produtos brasileiros na América do Sul: Argentina, Chile e Venezuela. Para a Venezuela, a perda de participação foi dramática. A fatia de manufaturados caiu de 82,9% para 55,1% entre 2007 e 2011. Segundo José Augusto de Castro, presidente em exercício da Associação de Comércio Exterior do Brasil, o fenômeno é, em parte, resultado da estratégia de países como a China, que buscam novos mercados. (Págs. 1 e A2)

Brasil quer cota para carros do México

O governo brasileiro quer a volta do sistema de cotas de importação para carros vindos do México. Ao retomar hoje as discussões para revisão do acordo de livre comércio automotivo com o país, o argumento do Brasil é que a compra de carros provenientes de fábricas mexicanas cresceu 220% nas primeiras semanas de fevereiro, em comparação com o mesmo período de 2011. Em janeiro, o crescimento foi de 200%.

O aumento indica que as montadoras decidiram antecipar importações, diante da possível revisão do acordo. A presidente Dilma Rousseff ordenou pressa na negociação de novas regras, caso contrário ameaça pedir o cancelamento (denúncia, no linguajar diplomático) do tratado. (Págs. 1 e A2)

INSS sobre férias e licença pode cair

Salário-maternidade e férias não estão sujeitos à cobrança da contribuição previdenciária, segundo decisão da 1ª Turma do Superior Tribunal de Justiça. Para o ministro Napoleão Nunes Maia Filho, relator do processo, os dois benefícios devem ser caracterizados como compensação ou indenização. Seu objetivo é proteger e auxiliar o trabalhador.

"Da mesma forma que só se obtém o direito a um benefício previdenciário mediante prévia contribuição, a contribuição também só se justifica ante a perspectiva da sua retribuição em forma de benefício", disse o ministro. (Págs. 1 e E1)

CUT pressiona por direito de greve em obras da Copa

A Central Única dos Trabalhadores decidiu iniciar uma investida para alterar o projeto da Lei Geral da Copa, uma das prioridades do Executivo no Congresso. A central também tentará impedir a aprovação no Senado de uma proposta capaz de limitar o direito de greve a trabalhadores de setores considerados "essenciais" à realização do evento.

As propostas da CUT já foram apresentadas ao relator da Lei Geral da Copa, deputado Vicente Candido (PT-SP), e aos senadores autores do projeto de lei 728/2011. A ideia dos senadores é obrigar, em caso de greve, a manutenção de 70% da força de trabalho nos setores de saneamento básico, construção de estádios ou obras de mobilidade urbana, energia, telecomunicações e transporte. Na Lei Geral, a CUT tenta garantir, entre outros pontos, a atuação de vendedores autônomos e ambulantes devidamente cadastrados pelas prefeituras das cidades que sediarão a Copa e a regulamentação do trabalho voluntário. (Págs. 1 e A16)

Oi inicia nova etapa no mercado acionário (Págs. 1 e B2)
Fundos globais reduzem exposição à dívida de emergentes (Págs. 1 e C16)
Related inicia operação local

A incorporadora Related Brasil anunciou o início de suas atividades, com investimentos previstos de US$1 bilhão nos próximos três anos, nos segmentos residencial de média e alta renda, venda e locação de imóveis comerciais, shoppings e hotelaria. (Págs. 1 e B1)

Expansão da música digital

Expansão da telefonia móvel e das redes de banda larga garantem o bom resultado da indústria fonográfica no Brasil. O segmento de música digital cresceu 25% no ano passado e já representa um quinto do setor como um todo. (Págs. 1 e D5)

Empreendedorismo virtual

Crescimento do mercado digital atrai cada vez mais jovens empreendedores brasileiros para "campeonatos" entre "startups". Neste início de ano, o número desses eventos mais que triplicou em relação a igual período de 2010. (Págs. 1 e D7)

Fundo Amigos da Poli

Empresários e executivos oriundos da Escola Politécnica da USP criam associação sem fins lucrativos para captar doações que serão destinadas a patrocinar projetos dos alunos. (Págs. 1 e D8) 

Zona Franca de Manaus

Aumento da tribuação sobre aparelhos importados de ar-condicionado levou a catarinense Komeco a optar pela produção dos equipamentos no país, na Zona Franca de Manaus. A produção inicial será de 10 mil unidades. (Págs. 1 e Caderno Especial)

Ideias

Delfim Netto

A evolução do Índice da Atividade Econômica, do Banco Central, sugere algum otimismo para o PIB deste ano. (Págs. 1 e A2)

Ideias

Marcelo Côrtes Neri

Os primeiros anos deste século serão conhecidos, nos futuros livros de história, como de redução da desigualdade. (Págs. 1 e A15)

------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio
Manchete: Piso do professor sobe para R$ 1.451

Valor divulgado ontem pelo MEC é o mínimo que deve ser pago na educação básica do País e representa um reajuste de 22,22%. (Págs. 1 e 7)

Dilma chega e hoje inaugura conjuntos residenciais

Fotolegenda: O prefeito João da Costa recebeu a presidente entre o governador Eduardo Campos e o vice-prefeito Milton Coelho e o senador Humberto Costa. Hoje, a comitiva presidencial entrega 480 moradias em projeto que retira, ao todo, 992 famílias de comunidades ribeirinhas e abre caminho para a obra da Via Mangue. (Págs. 1 e 7) 

Salão abre portas para a casa própria

A partir de 14 de março, Salão de Pernambuco vai ofertar 3 mil imóveis, 25% a menos do que em 2011. Preço varia de R$ 140 mil a alguns milhões. (Págs. 1 e Economia 1)

Mortos na Antártida viram heróis

Ministério da Defesa dá título de herói nacional aos militares vítimas do incêndio na base e famílias serão indenizadas. (Págs. 1 e 8)

Juiz quer mais agentes em presídio

Objetivo é agilizar a revista de visitantes no Aníbal Bruno para evitar confrontos com detentos, como o de domingo. (Págs. 1 e 3)

Desde dezembro preço do feijão já teve alta de 62,5% (Págs. 1 e Economia 3)
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
Manchete: Estado faz mutirão para manter Copa na Capital

Semana de reuniões busca encaminhar definição sobre financiamento e retomada das obras no Beira-Rio.

- Fifa visitará estádio no dia 7
- COL nega ultimato, mas faz alerta (Págs. 1, 4, 5 e 8)
Tulio Milman
“Há um novo caminho, mantido em sigilo até agora.” (Págs. 1 e 3)
Rosane de Oliveira
“Só em janeiro, o governo gaúcho se deu conta de que algo ia mal.” (Págs. 1 e 14)
Carolina Bahia
“Aldo Rebelo reconhece que a demora incomoda o governo.” (Págs. 1 e 17)
Maria Isabel Hammes
“Já foi a era em que banco público podia ser alvo de ingerências políticas.” (Págs. 1 e 22)
Diogo Olivier
“Se prometeu, cumpre. O resto é desculpa esfarrapada.” (Págs. 1 e 43)

Tragédia na Antártica: Projeto de nova base provoca divergência

Sugerida por cientistas, construção em módulos para estação é rechaçada por arquiteta. (Págs. 1, 24 e 25)

Saúde: Drogas tiram 17 mil do trabalho no RS

INSS gastou R$ 107 milhões com dependência química em 2011. (Págs. 1 e 26)

Magistério: Piso nacional será de R$ 1.451

No Estado, Piratini oferece aos professores R$ 1.260 até 2014. (Págs. 1 e 28)

Em alto-mar: Navio está à deriva no Oceano Índico

Embarcação pertence à mesma empresa de cruzeiro naufragado na Itália. (Págs. 1 e 23)

------------------------------------------------------------------------------------
Brasil Econômico
Manchete: Seguradoras já pagaram US$ 33 bi por acidentes com petróleo e gás

Contabilizados os 100 maiores desastres desde 1972, o mercado segurador mundial pagou indenizações de US$ 33 bilhões. O levantamento exclusivo do Brasil econômico mostra que dois desses acidentes foram em plataformas da Bacia de Campos. (Págs. 1 e 4)

Pepsico quer dobrar de tamanho no Brasil

Com a ajudada recém-adquirida Mabel,a fabricante de Ruffles e Doritos planeja faturar S$5bilhões com alimentos industrializados até 2015. 

Roberto Rios, presidente da Pepsico: novos produtos e US$200 mide investimentos(Págs. 1 e 26)

Oi quer economia de R$100 mi com reestruturação

Os acionistas do grupo aprovaram a criação de uma única empresa listada nas bolsas: a Oi S.A. (Págs. 1 e 31)

Eletrobras adia a licitação de Angra 3

A decisão sobre o consórcio que vai executar obras de R$ 1,9 bi na usina não tem data para acontecer. Os grupos desclassificados entraram com recurso. (Págs. 1 e 32)

Indústria lenta leva à sobra de energia

O crescimento mais fraco do setor industrial em 2012 deve resultar numa oferta de energia maior do que a demanda nos próximos anos, sem redução de tarifa. (Págs. 1 e 12)

Moody’s ameaça rebaixar nove bancos brasileiros

Agência de análise de risco alega que decisão, que vai atingir as maiores instituições do país, se deve a uma mudança de metodologia; anúncio acontece no mesmo dia em que o Banco do Brasil capta US$ 750 mi. (Págs. 1 e 38)

Agora é guerra

José Serra disputa a prefeitura de São Paulo, abandona sonho da presidência e faz seu último duelo com Lula. (Págs. 1 e 8)

Nas gôndolas

L’Occitane traz para o Brasil a segunda marca, Le Convent des Minimes, para ser vendida no Pão de Açúcar. (Págs. 1 e 28)

EBC Serviços



Jornais internacionais
The New York Times (EUA)
Japão ponderou sobre evacuação de Tóquio durante crise nuclear
The Washington Post (EUA)
64 homens encontrados mortos na Síria
The Times (Reino Unido)
Barclays acusado de buraco de mais de 500 mi de libras em impostos
The Guardian (Reino Unido)
Poder, corrupção e mentiras
Le Figaro (França)
Sarkozy: eis que sua entrada na campanha mudou
Le Monde (França)
Triunfo francês em Hollywood
El País (Espanha)
Urdangarin: 'Em 2008 vi que as contas não estavam claras, mas não denunciei'
Clarín (Argentina)
Dura crítica ao governo da família de Lucas

Comentários