Bom dia! Vamos com as notícias deste sábado, 25 de fevereiro.

O Globo

Manchete: Brasil vai impor controle de qualidade a produto chinês

Brinquedos e têxteis estão na mira da Receita Federal e do Inmetro 
Numa ofensiva para evitar a entrada no país de produtos de baixa qualidade, principalmente chineses, o governo vai exigir que mercadorias importadas sigam os padrões estabelecidos pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). O controle deverá observar também as mesmas normas de segurança aplicadas no varejo brasileiro. Do contrário a mercadoria será impedida de entrar no país. O alvo são produtos têxteis, siderúrgicos, autopeças e artigos infantis, especialmente brinquedos, e a medida é uma espécie de barreira não alfandegária. Pesquisa recente mostrou que o Brasil está entre as 10 economias mais protecionistas do mundo. A verificação será feita em mais de 400 famílias de produtos, ou 240 mil modelos de mercadorias. A ação, inédita, deve começar no segundo trimestre deste ano, e será coordenada pela Receita Federal, em parceria com o Inmetro. (Págs. 1 e 23)

Arrecadação recorde

Pela primeira vez, o Brasil superou a marca de R$ 100 bilhões mensais em arrecadação de impostos e contribuições federais. Em janeiro, as receitas chegaram a R$ 102,579 bilhões. O recorde anterior, de R$ 97,166 bilhões, tinha sido registrado em dezembro do ano passado. (Págs. 1 e 24)

BC atua de novo, mas dólar só cai

Um dia após o ministro da Fazenda, Guido Mantega, ter dito que o governo tem "um grande arsenal" para defender o real, o Banco Central voltou a fazer duas intervenções no mercado de câmbio, mas não conseguiu impedir que o dólar fechasse em baixa de 0,23%. A cotação ficou em R$ 1,707. No ano, o recuo já chega a 8,67%. (Págs. 1 e 25)
Grupo de Amigos não encontra saída para Síria

Reunido na Tunísia, o Grupo de Amigos da Síria, formado por 60 países, frustrou os que esperavam ações enfáticas contra o regime de Bashar al-Assad. Segundo a oposição, a conferência "não atendeu às aspirações do povo sírio". (Págs. 1 e 31)

Obituário

Eliana Piva de Albuquerque Tranchesi, ex-dona da loja de grifes de luxo Daslu, aos 56 anos, de câncer pulmonar. (Págs. 1 e 13)
------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
Manchete: Serra decide concorrer à Prefeitura de São Paulo

Tucano cogita disputar às prévias do PSDB para escolher candidato do partido
O ex-governador José Serra decidiu entrar na corrida à Prefeitura de São Paulo e admite a possibilidade de se inscrever nas prévias convocadas pelo PSDB.
O governador Geraldo Alckmin (PSDB) e o prefeito Gilberto Kassab (PSD) se reuniram ontem à noite com Serra para discutir os detalhes da candidatura.
Para evitar um desgaste político, Serra não quer que as prévias, marcadas para o dia 4, sejam canceladas.
O partido estuda a possibilidade de convencer os pré-candidatos a se retirarem do processo e até o adiamento da disputa interna. 
A decisão foi tomada após meses de indefinição que paralisaram o maio: partido de oposição do governo, que teme perder a hegemonia em São Paulo para o PT. (Págs. 1 e A4 / Poder)

Alckmin libera a contratação de professores reprovados

O governo de Geraldo Alckmin (P5DB) autorizou a contratação de professores reprovados em prova de seleção feita pelo Estado ou que nem fizeram o teste. Alega que a medida é necessária por causa da falta de professor. O governo disse que haverá critérios pedagógicos para a seleção. (Págs. 1 e C3 / Cotidiano)

Governo dará isenção fiscal de R$ 6 bi para teles

O governo dará R$ 6 bilhões de desoneração, por cinco anos, para empresas de telecomunicações investirem na expansão da rede de fibra óptica para internet de banda larga. Com isso, prevê aumento de 40% nos investimentos até 2016. A medida valerá em março. (Págs. 1 e B1 / Mercado)

Análise: Vinicius Mota

Inflação é a vilã da competitividade do produto nacional. (Págs. 1 e A10 / Poder)
Ex-dona da Daslu, Eliana Tranchesi morre aos 56 anos

Eliana Piva de Albuquerque Tranchesi, 56, antiga dona da butique de luxo Daslu, morreu ontem, em São Paulo, após lutar por seis anos contra um câncer no pulmão. Em 2009, ela foi condenada por fraude de importação. (Págs. 1 e B4 / Mercado)

Adolescente morre ao cair de brinquedo do parque Hopi Hari

Uma adolescente de 14 anos morreu após cair de um brinquedo do parque Hopi Hari. A trava do equipamento abriu e a menina despencou de uma altura de 25 metros. Filha de brasileiros, a menina, que nasceu e morava no Japão, passava férias no Brasil. (Págs. 1 e C1 / Cotidiano)

Oposição síria pede armas para rebeldes e conquista apoio

A oposição síria pediu que a comunidade internacional dê armas ao exército rebelde, que combate o ditador Bashar Assad. O embaixador brasileiro Paulo Cordeiro é contra. A diplomacia britânica reconhecerá a oposição como representante legítima do país. (Págs. 1 e A14 / Mundo)

Editoriais

Leia "Faxina completa", sobre exigência de ficha limpa para nomeações; e "Fetiche ferroviário", acerca de novas regras para edital do trem-bala.(Págs. 1 e A2 / Opinião)

------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
Manchete: Serra discute candidatura com Alckmin e pode ir às prévias

José Serra reuniu-se com o governador Geraldo Alckmin para discutir sua entrada como candidato à Prefeitura de São Paulo. Os dois analisam uma eventual participação do ex-governador na prévia do PSDB, marcada para 4 de março. A informação foi antecipada ontem no portal estadão.com.br. A operação foi apontada como a forma menos desgastante de colocar Serra na disputa eleitoral. Os pré-candidatos José Aníbal (secretário de Energia) e Ricardo Tripoli (deputado federal) dizem que não vão desistir. A saída passaria a ser a participação de Serra com apoio dos outros dois pré-candidatos: os secretários Andrea Matarazzo (Cultura) e Bruno Covas (Meio Ambiente). No encontro com Alckmin, no entanto, Serra ressaltou que ainda não tomou uma decisão sobre candidatura. (Pág. 1 e A4 / Nacional)
Haddad anda de ônibus
Em campanha, Fernando Haddad (PT) circulou ontem por bairros da periferia de São Paulo, mas poucos eleitores o reconheceram. (Pág. 1 e A8)
Embarcação brasileira com diesel afunda na Antártida

Uma chata rebocada pela Marinha afundou em dezembro no litoral da Antártida com uma carga de 10 mil litros de óleo diesel anticongelante, informa o repórter Sérgio Torres. O naufrágio é mantido em sigilo pelo governo. Um compartimento da embarcação armazena o combustível, que não vazou. Ela está a 40 metros de profundidade e a 900 metros da Estação Antártida Comandante Ferraz, base brasileira no continente. Na próxima semana haverá uma tentativa de resgate. (Págs. 1 e A22 / Vida) 

'Amigos da Síria' dão prazo a Assad

Americanos, europeus e árabes preparavam pedido para que o ditador Bashar Assad deixe o poder em até 72 horas e uma missão de paz da ONU entre na Síria. (Págs. 1 e A12 / Internacional)

Arrecadação supera R$ 100 bi em um mês e bate recorde

Apesar do esfriamento da economia, a arrecadação federal bateu novo recorde em janeiro e superou pela primeira vez a marca de R$ 100 bilhões em um mês. Os R$ 102,579 bilhões bateram até mesmo o apurado em dezembro, mês em que normalmente a arrecadação atinge o pico. (Págs. 1 e B3 / Economia)

Morre Eliana Tranchesi, herdeira da Daslu

(Págs. 1 e B15 / Economia)
Connie Hedegaard: Crescimento sustentável

A transição para uma economia global de baixo carbono representa uma enorme oportunidade de estimular o crescimento e gerar empregos. (Págs. 1 e A2 / Espaço Aberto)

Anne-Marie Slaughter: Como impedir o massacre

A intervenção militar estrangeira na Síria é a melhor aposta para evitar urna longa e sangrenta guerra civil, capaz de desestabilizar a região. (Págs. 1 e A18 / Visão Global)

Notas e Informações: BC aceita risco maior

O espaço para redução dos juros sem risco de mais inflação está esgotado, dizem economistas. (Págs. 1 e A3)

------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense
Manchete: Diversão irresponsável

O desrespeito à norma que proíbe pessoas sem habilitação e menores de guiar jet ski pode provocar em Brasília tragédia semelhante à ocorrida uma semana atrás em São Paulo. Lá, um garoto de 13 anos atropelou e matou uma menina de 3 anos após perder o controle do aparelho na praia de Guaratuba. Aqui, o Correio flagrou pelo menos três crianças, de 5 a 12 anos, guiando jet ski no Lago Paranoá. Inclusive fazendo manobras arriscadas em pontos de grande movimentação de embarcações e até próximo a banhistas. (Págs. 1, 25 e 26)

Distritais vão do deboche à hipocrisia

Depois de o Correio revelar que, em pleno carnaval, eles embolsaram R$ 20 mil a título de 14° salário, a discussão esquentou na Câmara Legislativa. Dos 24 deputados, 15 dizem que votariam pela extinção da benesse. Tudo jogo de cena: dificilmente o projeto que põe fim ao privilégio será posto em votação. (Págs. 1 e 27)

No SPC e ainda sem emprego

Ministério Púbico vai recorrer da decisão do TST que permite às empresas consultarem os serviços de proteção ao crédito antes de contratar trabalhadores. (Págs. 1 e 11)

Queda de braço com militares

Planalto teria cogitado até punir oficiais aposentados por crítica a Dilma. A nota foi considerada insubordinação à presidente, chefe suprema das Forças Armadas. (Págs. 1 e 2)

Aproveite

O horário de verão termina hoje e o sábado será mais longo! (Págs. 1 e 36)

------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas
Manchete: Risco Verde

Belo Horizonte tem 1.452 árvores em situação de perigo de queda ou de danos à rede elétrica 
Em três anos de estudos, a Cemig identificou 5.575 exemplares que ameaçavam cair ou romper os cabos de energia, dos quais 4.123 já foram suprimidos. Os que permanecem de pé estão sendo monitorados. A prioridade de corte recai sobre os espécimes que podem desabar. O trabalho de campo, que prossegue até agosto, vai analisar 176 mil árvores em contato com 4,2 mil quilômetros de fiação. O objetivo é reduzir os desligamentos causados pelas plantas, que no ano passado foram 1.625, ou 4,4 apagões pontuais por dia, em média. Os ambientalistas cobram aumento do plantio para compensar as derrubadas. (Págs. 1 e 19)

Código Florestal terá briga que atinge Minas

Redução de pastagens em topo de morros afeta a pecuária leiteira e divide opiniões. (Págs. 1, 3 e 4)

Violência em BH

Número de feridos a bala aumenta 69%
Total de pessoas baleadas atendidas pelo SUS subiu de 537 em 2010 para 909 no ano passado. O índice de crescimento na capital mineira no período supera o do país (1,4%) e o do estado (35%) e só perde para o de Goiânia (79%). Foram, em média, 2,4 internações por dia em 2011. (Págs. 1 e 23)

Tragédia no parque

Japonesa de 14 anos que passava férias no Brasil morreu ao cair de brinquedo do Hopi Hari, em São Paulo. Gabriela, filha de brasileiros, estava num elevador de 69,5 metros de altura no qual os visitantes descem em queda livre a 94km/h.
Polícia investiga causa do acidente. (Págs. 1 e 10)
O feijão salgou

Paraná fizeram o preço do feijão subir mais de 50% neste início de ano. E não adianta querer pôr água, que deve ficar cerca de 6% mais cara. (Págs. 1, 14 e 16)
------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio
Manchete: Dengue sofre alta de 387% no Recife

Chuvas intercaladas com períodos de sol, em janeiro e fevereiro, provocaram subida do número de casos de 88, em 2011, para 429. (Págs. 1 e 7)

Arrecadação bate recorde histórico

Os brasileiros pagaram, em janeiro, R$ 102,579 bilhões em tributos, valor nunca arrecadados em um mês. (Págs. 1 e 2 / Economia)

Imposto de Renda

Contribuintes já podem baixar programa e preencher a declaração para enviá-la em 1º de março. (Págs. 1 e 3 / Economia)

------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
Manchete: Piratini prevê piso de R$ 1.260 em 2014 e direção do Cpers rejeita

Para conceder ao magistério estadual reajuste total de 76,68%, governo Tarso Genro terá de desembolsar mais R$ 2,5 bilhões até o final do mandato. (Págs. 1, 8 e Rosane de Oliveira)

Uma jovem centenária

Obra completa de restauração da Biblioteca do Estado ficará pronta em 2013, mas parte do prédio será aberta em abril. (Págs. 1 e 22)

Ensino público: Ninguém mais roda até o 3º ano do Fundamental

Secretaria da Educação estabelece progressão continuada de alunos. (Págs. 1 e 27)

Horário de verão

Termina hoje à meia-noite (Págs. 1 e 23)
EBC Serviços

Comentários