Com nariz de palhaço e apitos, manifestantes protestam contra aumento da tarifa das barcas


Foto: @diretodaredacao
Valor vai passar de R$ 2,80 para R$ 4,50 no próximo sábado
Mesmo adiado para o próximo sábado (3), manifestantes protestaram na manhã desta quinta-feira (1º) contra o aumento da tarifas das barcas, que vai passar de R$ 2,80 para R$ 4,50. Com apitos e nariz de palhaço, as pessoas se concentraram na praça da Arariboia, em Niterói, região metropolitana do Rio.
Cerca de 50 homens do Batalhão de Choque, do Batalhão de Niterói (12º BPM) e da Guarda Municipal reforçaram a segurança no local. Por volta de 8h, a situação era tranquila e não havia registro de nenhuma confusão.
Os manifestantes também utilizaram faixas e carros de som com mensagens de repúdio ao aumento da tarifa.
A operação das barcas ocorre normalmente nos intervalos regulares.


De acordo com a Secretaria Estadual de Transportes, a data foi alterada com o objetivo de aumentar o tempo para que os usuários façam o Bilhete Único intermunicipal, que dará desconto na tarifa.
Os moradores de Paquetá e Ilha Grande, com ou sem cartão, precisam se cadastrar para ter acesso a outro desconto: eles terão direito a duas passagens gratuitas por dia.
Alerj é contra o aumento
O deputado Marcelo Simão, presidente da Comissão de Transportes da Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro), desaprovou o aumento. Simão espera, ao menos, que a alteração no valor do bilhete seja convertida na melhoria dos serviços.
- Nós somos contra o aumento nas passagens, em que pese o subsídio dado pelo governo. Minha preocupação, agora, é saber se essa majoração nos preços dos bilhetes vai ser revertida na melhoria dos serviços: compra de novas embarcações para substituir as atuais, que são muito antigas, e reforma das estações que mais parecem currais. Os passageiros não podem continuar sofrendo com a falta de qualidade no serviço. Vamos cobrar.
A integração entre trem e metrô também vai sofrer um reajuste, no dia 5 de março, de R$ 4,20 para R$ 4,95.
Problemas
A concessionária responsável pelo serviço de barcas informou que três embarcações da linha praça 15 - praça Arariboia foram depredadas no último domingo (26). Segundo a empresa, a segurança do transporte havia sido reforçada em razão do grande número de foliões previsto para o último dia de Carnaval.
Ainda de acordo com a concessionária, “as embarcações foram retiradas de operação para manutenção e reparos nos assentos rasgados, nas televisões e nas janelas quebradas”.
Segundo a empresa, os passageiros também jogaram coletes salva-vidas ao mar e esvaziaram os extintores de incêndio. O material deve ser reposto em breve.
R7

Comentários