Sarney pede licença e Marta Suplicy deve instalar CPI


José Sarney e Marta Supicy no Senado
Tatiana Farah Gustavo Uribe - O Globo
A instalação da CPI do Cachoeira, que pretende investigar a ligação de parlamentares com o contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, deve ficar nas mãos da senadora Marta Suplicy (PT-SP), primeira-vice-presidente, que assumirá a presidência da Casa. Em visita a José Sarney (PMDB-AP) na segunda-feira, que pediu nesta terça licença da presidência do Senado por motivos de saúde, Marta e o peemedebista já haviam acertado que a senadora instalaria a comissão de inquérito.

Desde sábado, Sarney está internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, com problemas cardíacos. Na madrugada de domingo ele foi submetido a uma cirurgia para colocação de um stent (espécie de mola acompanhada de um microbalão) para a desobstrução da artéria descendente anterior, considerada a principal do coração.
A previsão é de que Sarney permaneça internado até o final da semana. Ele deve descansar em seu apartamento, em São Paulo, por mais uma semana, segundo sua assessoria de imprensa. O senador está acompanhado de sua mulher, dona Marly, e do filho Fernando.
- Meu pai está muito bem, está se alimentando sem nenhuma restrição. Ontem comeu até carne moída no hospital. Mas achamos que ele deve ficar internado mais esta semana. Afinal, tem 81 anos e fez uma cirurgia no coração - disse nesta tarde outro filho do senador, o deputado Zequinha Sarney (PV-MA), por telefone, ao GLOBO.


Comentários