Bom dia! Vamos com as principais notícias dos jornais desta quinta-feira feriado de Corpus Christi, 7 de junho.


 

O Globo
Manchete: STF marca mensalão para agosto e põe fim a pressões
Decisão acaba com tentativa de adiar julgamento para depois das eleições
Dez dias após o ministro Gilmar Mendes ter acusado o ex-presidente Lula de fazer pressão pelo adiamento do mensalão para depois das eleições municipais, o Supremo Tribunal Federal decidiu ontem, por unanimidade, que os trabalhos começarão no dia 1º de agosto. O calendário prevê que a primeira fase do processo, com a sustentação oral do procurador-geral da República e dos advogados dos 38 réus, dure até 14 de agosto. Não há prazo para que, após isso, todos os ministros apresentem seus votos, mas o presidente da Corte, Carlos Ayres Britto, estima que até 4 de setembro todo o processo estará finalizado. Para que o calendário proposto seja cumprido, o ministro revisor do caso, Ricardo Lewandowski, anunciou que apresentará seu voto até o fim deste mês. (Págs. 1, 3 e Merval Pereira)

E no mensalão do DEM...
Flagrada guardando a propina do esquema do ex-governador do DF José Roberto Arruda, a ex-deputada Eurides Brito (PMDB) foi condenada pela Justiça a devolver R$ 3,5 milhões. (Págs. 1 e 4)
BRT na pista
Corredor é inaugurado em ato com Lula
Em clima de festa eleitoral, com Lula, Paes e Cabral, foi inaugurado o primeiro BRT do Rio, o Transoeste, sistema que promete racionalizar o caótico transporte coletivo na cidade. O palanque foi montado sobre a pista, atrasando o serviço. (Págs. 1 e 20)
Fotolegenda: Lula, Paes e Cabral viajam no “ligeirão” do BRT Transoeste.

Maioria na Câmara do Rio não fez concurso
Dados obtidos com base na Lei de Acesso mostram que, na Câmara dos Vereadores do Rio, os servidores comissionados (1.425), contratados por indicação política, representam quase o dobro dos concursados (777). A folha, incluindo vereadores, é de R$ 278 milhões por ano. (Págs. 1 e 14)
Crise rebaixa agora bancos da Alemanha
A agência Moody’s rebaixou a nota de seis bancos alemães, incluindo o Commerz-bank, segundo maior do país, além de três bancos da Áustria. A justificativa foi “maior risco de novos choques decorrentes da crise na zona do euro”. (Págs. 1 e 23)
Hollande revoga lei de Sarkozy sobre aposentados (Págs. 1 e 3)
Poluição do ar causa seis milhões de mortes por ano
Às vésperas da Rio+20, relatório do Programa da ONU para o Meio Ambiente revela que, das 90 metas ambientais mais importantes, só houve avanços significativos em quatro. Um dos maiores retrocessos é o aumento da poluição do ar, que causa seis milhões de mortes ao ano. (Págs. 1 e 34)



------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
 
Manchete: STF começará a julgar mensalão em 1º de agosto
Expectativa é que decisão sobre escândalo do governo Lula, há sete anos, seja anunciada perto das eleições

O Supremo Tribunal Federal decidiu que o julgamento do mensalão terá início em 1º de agosto — a expectativa é que se estenda pelo decorrer de setembro.

O ministro revisor da ação penal, Ricardo Lewandowski, disse que concluirá a análise até o fim de junho. (Págs. 1 e Poder A4)

Inflação perde força e abre caminho para corte de juros
A inflação subiu 036% no país em maio, abaixo das previsões e da taxa de abril (0,64%), segundo o IBGE. A freada da economia e a crise externa ajudam a conter os aumentos de preços, o que abre caminho para o BC promover novos cortes nos juros. O ministro Mantega disse que o resultado dá liberdade para uma política monetária mais flexível. (Págs. 1 e Poder A9)
À espera de cruzar fronteira, sapatos fazem aniversário
Cerca de 12 mil pares de calçados vendidos para a Argentina fizeram aniversário neste mês à espera de licença para entrar no país. Desde junho de 2011, eles estão estocados no Rio Grande do Sul. A situação piorou depois que a Argentina passou a exigir mais papéis do importador. (Págs. 1 e Mercado B7)
Novo massacre na Síria mata 78, afirmam ativistas
Grupos de oposição à ditadura de Assad na Síria afirmam que ao menos 78 pessoas, entre elas mulheres e crianças, foram mortas por milícias pró-governo e forças de segurança na província de Hama. Em 25 de maio, outras 108 foram assassinadas em Houla. O governo não se pronunciou. (Págs. 1 e Mundo A12)
Copa terá ao menos 10% dos ingressos para meia-entrada
O texto da Lei Geral da Copa, sancionado por Dilma, prevê que ao menos 300 mil ingressos, nos piores lugares dos estádios, serão destinados à meia-entrada — o direito dos idosos será respeitado. O número representa cerca de 10% dos ingressos. As sedes dizem que adaptarão as leis locais. (Págs. 1 e Esporte D4)
Rio+20
ONU diz que só houve avanço em 4 de 90 metas globais. (Págs. 1 e Ciência C10)
Comissão Européia apresenta proposta para salvar bancos (Págs. 1 e Mundo A14)


Rússia eleva em 60 vezes multa para quem fizer manifestação (Págs. 1 e Mundo A13)


Editoriais
Leia “Ética às claras”, sobre propostas para limitar voto secreto no Congresso, e “Passageiro desrespeitado”, acerca dos atrasos de companhias aéreas. (Págs. 1 e Opinião A2)
------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
 
Manchete: Supremo vai julgar mensalão na reta final das eleições
Ministros marcam início do julgamento para 1º de agosto e expectativa é de que veredicto saia em setembro

Os ministros do Supremo Tribunal Federal marcaram para 1º de agosto o início do julgamento do processo do mensalão, o maior escândalo de corrupção do governo Lula. Até 14 de agosto, o STF realizará sessões diárias para ouvir a acusação e a defesa dos 38 acusados. A partir do dia 15, começarão os votos dos ministros. Se o cronograma for confirmado, o veredicto deverá sair em setembro, a um mês da eleição municipal, o que contraria líderes partidários. Recentemente, o ex-presidente Lula envolveu-se numa polêmica com o ministro do STF Gilmar Mendes, que o acusou de tentar intimidá-lo para garantir que o processo não fosse julgado no período eleitoral. Lula nega. (Págs. 1 e Nacional A9)

38 são os réus do maior escândalo de corrupção no governo Lula.

Marta diz que ‘falou tudo’ ao faltar a ato pró-Haddad
A senadora Marta Suplicy (PT-SP) reafirmou ontem sua insatisfação com a reforma como seu partido está conduzindo a campanha em São Paulo. “Eu já falei tudo o que tinha de falar com o meu gesto”, disse Marta, numa referência à sua ausência no ato de lançamento da candidatura de Fernando Haddad, no sábado. Excluída da disputa pelo ex-presidente Lula, Marta só pretende entrar na campanha em agosto, decisão que deve aumentar ainda mais a irritação da cúpula petista. (Págs. 1 e Nacional A4)
Inflação recua e mercado projeta juros a 6%
A inflação medida pelo IPCA recuou mais que o esperado, de 0,64% em abril para 0,36% em maio, e o ministro Guido Mantega (Fazenda) disse que a queda abre espaço para uma taxa básica de juros menor. Para economistas, a Selic pode cair dos atuais 8,5% para 6% ao ano ainda em 2012. (Págs. 1 e Economia B1 e B3)
Restituição recorde do IR
No dia 15, o governo vai liberar R$ 2,5 bilhões e admite “efeitos positivos” na economia. (Págs. 1 e Economia B5)
Oposição síria denuncia novo massacre
Grupos da oposição síria denunciaram ontem um massacre de ao menos 78 pessoas, grande parte mulheres e crianças, nos arredores de Hama, reduto de rebeldes. Eles acusam o regime de Bashar Assad e milícias pró-ditador pelos ataques aéreo e por terra. (Págs. 1 e Internacional A16)
Lei Geral da Copa obriga Fifa a negociar ingressos (Págs. 1 e Esportes E1)


ONU: avanço de metas ambientais é quase nulo (Págs. 1 e Vida A21)


Demétrio Magnoli
Eliminem a ‘verdade’

Nossa Comissão da Verdade não tem poderes judiciais. Por esse motivo a palavra “verdade” deveria ser eliminada de seu nome. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

Dora Kramer
Espírito de corpo

Deixando ao curso da vontade majoritária, o Congresso prefere mesmo manter os votos dos parlamentares sob a proteção do sigilo. (Págs. 1 e Nacional A6)

Notas & Informações
Discurso não resolve crises

O governo ameaça os pessimistas e constrói um cenário cada vez mais distante da realidade. (Págs. 1 e A3)

------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense
 
Manchete: STF começa a julgar mensalão em agosto
De início, as sessões no Supremo serão diárias e devem se estender até setembro, a poucos dias das eleições municipais. O ex-ministro José Dirceu e 37 acusados estarão no banco dos réus do maior escândalo de corrupção da história do país. (Págs. 1 e 2)
Receita anuncia maior lote de restituição da história (Págs. 1 e 10)


Cachoeira: Casa pode levar CPI a denunciar Perillo
Depoimentos conflitantes apontam para valores não declarados na venda de mansão pelo governador goiano. Escutas feitas pela PF mostram ex-vereador e Cachoeira, que parece comandar a compra, acertando o preço: R$ 2,2 milhões, R$ 800 mil a mais do que Perillo declarou ter recebido pelo imóvel. (Págs. 1, 3 e 4)
No Brasil, quase ninguém sabe o que é a Rio+20 (Págs. 1 e 8)


Salário maior para o herói do aeroporto
Depois de ser rebaixado de cargo numa empresa que presta serviços no terminal, Francisco Cavalcante, o homem que devolveu US$ 10 mil achados num banheiro, foi promovido ontem. (Págs. 1 e 32)
Meia-entrada na pauta da Fifa
Vetos na Lei Geral da Copa transferiram para os estados a definição sobre ingressos mais baratos, além da venda de bebidas. (Págs. 1 e Super Esportes, 2 a 5)
Time de Romário invade o Mané
Acompanhados pelo governador Agnelo, deputados visitaram as obras para conferir os cuidados com o meio ambiente. (Págs. 1 e Super Esportes, 6)
------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas
 
Manchete: Tragédia no Sion
Carreta desgovernada bate em oito carros, mata três pessoas e fere pelo menos outras três na Avenida Nossa Senhora do Carmo

A carreta de 27 toneladas, com placas de Guarulhos (SP), que não poderia trafegar na via, perdeu os freios e começou a atingir os carros antes do cruzamento com a Avenida Uruguai. Só parou depois de bater num poste e tombar atravessada na pista, na altura da Igreja do Carmo. Uma bobina de aço caiu do veículo de carga, desceu a avenida, atropelou outros automóveis e foi parar num posto de gasolina na altura do Chevrolet Hall. O caminhoneiro, ameaçado de linchamento, foi retirado sob proteção da polícia e está preso. Nos últimos 26 anos, enquanto a frota de BH saltou de 400 mil para 1,4 milhão de unidades, o número de fiscais de trânsito com poder de multar caiu de 1,2 mil para 668. A proporção é de um agente para 2.174 veículos, menos da metade do recomendado pelo Departamento Nacional de Trânsito, que é de um para cada 1 mil. (Págs. 1, 17, 18 e o editorial ‘O trânsito abandonado’, 6)

Julgamento do mensalão começa em 1º de agosto (Págs. 1 e 5)


Acima da média: PIB mineiro sobe 2,1% no 1º trimestre
Expansão da economia de Minas entre janeiro e março foi estimulada pelo bom desempenho do comércio, da construção civil e dos serviços de transporte. O resultado em relação ao mesmo período de 2011 superou a média brasileira, que foi de 0,8%. (Págs. 1 e 11)
Cotas: CCJ do Senado aprova a reserva de vagas
Projeto determina que universidades federais tenham metade dos acessos garantidos por critérios sociais – egressos do ensino público – e raciais. (Págs. 1 e 20)
------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio
 
Manchete: Humberto reage a rótulo de “biônico”
Senador rebate críticas de que sua candidatura é fruto de uma imposição, destacando que tem apoio de Lula e Dilma. Presidente do PT diz que escolha foi para conter “clima de fratricídio no Recife”. (Págs. 1 e 3 a 5)

Fotolegenda: Discurso

Após longo silencia, Humberto disse que vai procurar o prefeito João da Costa em busca de apoio e defenderá a sua gestão na campanha.

Julgamento do mensalão em agosto
Ministros do Supremo Tribunal definem 1º de agosto como data para começar a julgar suspeita de compra de votos no Congresso pelo PT. Veredicto pode sair às vésperas das eleições. (Págs. 1 e 8)
Embarque com o no navio do Greenpeace
Repórter e blogueira Verônica Falcão viaja no Rainbow Warrior, o navio da ONG ambientalista que passou pelo Recife a caminho do Rio+20. (Págs. 1 e Cidades 6)
Lote recorde de restituições do IR pessoa física
Receita paga dia 15 R$ 2,5 bilhões aos contribuintes dentro da estratégia do governo de injetar recursos na economia. Consulta pode ser feita em smartphones. (Págs. 1 e Economia 1 e 2)
Lei Geral da Copa recebe seis votos
Dois pontos polêmicos precisam ser negociados meia-entrada e venda de bebida alcoólicas. (Págs. 1 e Esportes, 2)

------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora

Manchete: Taxas do Detran para carro zero sobem 61%
O custo para os motoristas passará de R$ 93,28 para R$ 150,67. Tarifas para veículos de segunda mão, motos novas e usadas também subirão em 2013. (Págs. 1, 6 e Paulo Sant’Ana, 47)
Pelotas: Suspeitas envolvem ONG e UFPel
Universidade adquiriu por R$ 12 milhões área que fundação havia comprado por R$ 700 mil. (Págs. 1, 28 e 29)
Vaticano: Conspiração e intrigas abalam Igreja
Uma investigação inédita busca os responsáveis por escândalo. (Págs. 1, 4 e 5)
Mensalão: Julgamento começa em 1º de agosto
Se o cronograma for confirmado, decisão sai antes da eleição. (Págs. 1 e 8)
EBC Serviços

Comentários