Em Arraial do Cabo, Guarda Marítima realiza quatro apreensões

Equipe tem apoio da ICMBIO e Guarda Municipal
 
Com apoio da ICMBIO e Guarda Municipal, a Guarda Marítima de Arraial do Cabo realizou quatro apreensões entre os dias 26 e 31 de maio.  A equipe da Guarda Marítima fiscaliza não só a pesca com a rede de três malhas, a famosa “feiticeira”, mas todas as ilegalidades praticadas na área extrativista marinha do município. O objetivo é cumprir o plano de utilização da Reserva Extrativista de Arraial do Cabo (RESEX-MAR).

Na tarde do dia 26, a equipe da Guarda Marítima atuou nas proximidades de Pernambuca, quando constataram uma rede de três malhas, com aproximadamente 300 metros. Já na tarde do dia 30, a ação aconteceu no mar de Monte Alto quando uma rede de 800m foi constatada e apreendida.
Já na manhã desta última quinta-feira (31), a Guarda Marítima em fiscalização e monitoramento da RESEX-MAR apreendeu duas redes e uma embarcação. A primeira ação aconteceu nas proximidades do Novo Arraial, distrito de Figueira, onde foi apreendida uma rede de três malhas com aproximadamente 300 metros.
 A outra apreensão aconteceu perto da Ilha dos Porcos, onde uma embarcação de Cabo Frio estava utilizando uma rede de três malhas de 1.500m. A embarcação estava dentro da reserva extrativista de Arraial do Cabo, praticando pesca considerada ilegal.
Todas as redes de três malhas foram levadas para o Depósito Público Municipal e a embarcação foi liberada pelo ICMBIO. O uso desta rede é considerado como crime ambiental, assim como a pesca feita por traineira dentro da RESEX-MAR.

Comentários