Pular para o conteúdo principal

As botafolgosas tão mandando ver: Com Botafogo no G-4, Oswaldo aponta time japonês como grande inspiração


Com Botafogo no G-4, Oswaldo aponta time japonês como grande inspiração
Elkeson comemora um dos dois gols que marcou contra o Corinthians
Pela forma ofensiva e vencedora que joga, o Barcelona costuma ser a principal inspiração das equipes de futebol atualmente. Em caso de times defensivos, a grande referência no momento é o Chelsea. Porém, para o técnico do Botafogo, Oswaldo de Oliveira, a fonte de inspiração é, no mínimo, curiosa.


Questionado se o seu time buscava fazer um jogo parecido com o do Corinthians, time que os cariocas venceram nesta quarta-feira por 3 a 1, no Pacamebu, e que acabou de ser campeão da Libertadores, o comandante deu uma resposta inusitada. "O Kashima Antlers é a minha grande inspiração. Ele jogava dessa forma como estamos jogando. Eu tenho trazido alguns jogadores que jogavam no japão (Vitor Júnior, Rafael Marques e Fellype Gabriel) e tentei outros não consegui. Tento implantar no Botafogo e temos, paulatinamente, conseguido", afirmou.

No time japonês, Oswaldo foi tricampeão nacional entre 2007 e 2009. Assim, além da inspiração, ele também espera repetir no Botafogo o sucesso que teve no Kashima Antlers. Para isso, o caminho, de acordo com ele, é manter o trabalho feito. "Acredito piamente que se seguirmos nessa direção, vamos fazer uma equipe ainda mais forte", contou.

Os problemas do Botafogo têm sido alguns lapsos que a equipe sofre. Pelo menos é o que pensa Oswaldo.

"O time se afligiu em alguns momentos, mas aquela sequência invicta que tivemos no Carioca e Copa do Brasile que depois foi interceptada, e depois os jogos que fizemos no Brasileiro, foi muito bom, mas tivemos uns lapsos. Contra Cruzeiro, Ponte Preta e Náutico", declarou.



Com o triunfo desta quarta, o Botafogo chegou a 15 pontos e subiu para a quarta colocação da tabela do Campeonato Brasileiro, após oito rodadas completadas.

Comentários