Após pressão do PT e PMDB, Globo dará espaço a seis candidatos a prefeito de SP


Na última terça-feira (31/7), a TV Globo se comprometeu a cobrir diariamente as atividades dos seis principais candidatos a prefeito nas capitais brasileiras. Segundo a Folha de S.Paulo, a emissora mudou seu plano original de cobrir diariamente apenas os dois candidatos mais bem colocados nas pesquisas e promover um rodízio entre os demais após pressão do PT e PMDB. 
Crédito:Divulgação
Com as mudanças, Haddad, do PT, terá tempo nos telejornais da emissora
Pela nova proposta, os noticiários "SP TV" e "Bom Dia SP" devem acompanhar José Serra (PSDB), Celso Russomanno (PRB), Fernando Haddad (PT), Soninha Francine (PPS), Gabriel Chalita (PMDB) e Paulinho da Força (PDT). Além disso, a Globo também se comprometeu a realizar debate com os seis principais candidatos, porém depende de acordo com Carlos Gianazzi (PSOL) e Levy Fidelix (PRTB) para confirmar o encontro.

Lei
O PT ameaçou ir à Justiça Eleitoral para garantir a presença diária do candidato Fernando Haddad dos telejornais. De acordo com a lei eleitoral, todos os candidatos de partidos com representação na Câmara têm direito a participar de debates na TV. Como são concessões públicas, a lei proíbe as emissoras de TV a "dar tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação" em seus telejornais. 

Comentários