Garotinho: Cabral e Pezão vão fazer a festa com o dinheiro para prevenção de desastres


Reprodução do Extra online
Reprodução do Extra online


Quem deve estar se lamentando é o dono da Delta, Fernando Cavendish que se fosse antes do escândalo certamente receberia boa parte desses R$ 600 milhões. Quem não lembra o que aconteceu com os R$ 400 milhões para obras emergenciais. Uma parte considerável sumiu pelas mãos de Pezão e de prefeitos do PT e do PMDB. Por que agora seria diferente? Dilma vai alegrar a vida de Cabral e Pezão ao repassar o dinheiro para o governo do Estado. Quanto ao povo da Região Serrana vai continuar esperando pelas obras que foram prometidas há um ano e meio e até agora nada. 

Comentários