No Rio, policiais participam de curso de capacitação para combater o crack

O curso foi oferecido pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas, do Ministério da Justiça.

Policiais civis e militares do Rio de Janeiro e representantes da Secretaria de Estado de Segurança participam do curso de capacitação “Crack, Álcool e outras Drogas: ação integrada entre as redes de Segurança Pública, Saúde e Assistência Social”, para atuarem de maneira mais qualificada nas ações preventivas e repressivas do crack e outras drogas. O curso, oferecido pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas, do Ministério da Justiça, começou na quinta-feira (dia 9 de agosto) e termina nesta sexta no Hotel Windsor Guanabara, na Avenida Presidente Vargas, no Centro da cidade.


Os policiais estão tendo aulas de temas como “o uso de álcool e outras drogas no trânsito”, “Redes Sociais e Políticas Públicas sobre Drogas”, “Ação policial na abordagem do uso e abuso de drogas”, “Drogas: classificação e efeitos no organismo”, “Proteção Social Básica: a importância da dimensão preventiva do uso e dependência do crack, álcool e outras drogas”, entre outros tópicos.
O curso é executado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e tem como objetivo integrar e articular a rede de segurança pública com os diferentes serviços de saúde e assistência social, além de levar conhecimentos técnicos sobre drogas e a legislação que rege a matéria.

A subsecretária de Educação, Valorização e Prevenção da Secretaria de Segurança, Juliana Barroso, participou da mesa de abertura do evento e destacou a importância desta “capacitação continuada” para que o policial tenha mais suporte para exercer com mais eficiência a sua função.



Comentários