Assessor de vereador é assassinado em Volta Redonda


A polícia Civil está investigando o assassinato do assessor  morto a tiros de escopeta calibre 32 na noite de quarta-feira, na porta de um restaurante no bairro Monte Castelo, em Volta Redonda. Renato Rodrigues Alves, de 35 anos, trabalhava com o vereador de Barra Mansa Guto Nader (PR). Candidato à reeleição, o parlamentar teve o registro indeferido pela Justiça Eleitoral.


Segundo informações da Polícia Civil, o assessor deixava o restaurante acompanhado da mulher, quando notou um veículo sem placas, estacionado atrás do carro dele. Os criminosos atiraram no peito de Renato no momento em que ele tentava abrir a porta do seu automóvel.
De acordo com o portal R7, a mulher do assessor tentou socorrê-lo com a ajuda de moradores, mas Renato morreu a caminho do Hospital. Segundo a polícia, os suspeitos conseguiram fugir com o carro em alta velocidade após o crime.
O veículo foi encontrado abandonado e incendiado perto de uma escola pública, no bairro do Laranjal.  Além disso, a polícia descobriu que o carro foi roubado no último dia 20 de setembro e pertencia a um morador de Resende, no Sul Fluminense, informações do portal R7.
O caso é investigado pela Delegacia de Volta Redonda (93ª DP). A polícia não descarta a hipótese de crime com motivação política.
do correio do brasil

Comentários