Na região dos Lagos, temporal provoca desabamentos e deixa desabrigados

Número de desabrigados é estimado em 150 em Cabo Frio e Araruama

Isabele Rangel / R7
cheia
A chuva também atingiu o Rio de Janeiro e alagou ruas de bairros como Vila Isabel, na zona norte


A chuva que atingiu o Estado do Rio de Janeiro ontem (21) deixou ao menos 150 desabrigados na região dos Lagos, nos municípios de Araruama, Arraial do Cabo e Cabo Frio.


Em Araruama, 40 casas foram destruídas deixando ao menos 50 desabrigados. Já em Cabo Frio, a estimativa é de que ao menos  cem pessoas tiveram que deixar as suas casas. A ventania e o temporal provocaram estragos, principalmente no centro da cidade. Já em Arraial do Cabo, pelo menos 10 famílias foram afetadas e duas casas parcialmente destruídas.
De acordo com o Cestad (Centro Estadual de Administração de Desastres), não houve registro de mortes.
Alertas na região serrana
Após a chuva que atingiu o Estado do Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (21), o Centro Estadual de Administração de Desastres emitiu alertas para moradores de áreas de risco de deslizamento de quatro municípios da região serrana. Ao todo, líderes de 80 comunidades dos municípios de Petrópolis, Teresópolis, Nova Friburgo e Bom Jardim receberam avisos por mensagem de celular.
Além disso, o Sistema de Alerta de Cheias, do Inea (Instituto Estadual do Ambiente), colocou rios da região serrana e da Baixada Fluminense em estágio de atenção. Segundo o instituto, a situação é preocupante em Petrópolis e Teresópolis, na região serrana.  Os outros municípios listados pelo órgão ficam na baixada. São eles: Nilópolis, São João de Meriti, Mesquita, Belford Roxo, Nova Iguaçu e Duque de Caxias.
Estágio de atenção no Rio
Às 15h, o Centro de Operações da Prefeitura do Rio de Janeiro informou que o município entrou em estágio de atenção devido à chuva na cidade. A previsão é de que o tempo permaneça chuvoso durante a noite em toda a cidade.
Segundo o Centro de Operações, por volta das 15h40 houve registro de chuva forte na zona norte nos bairros: Méier, Tijuca, Grajaú, Piedade, São Cristóvão, Muda e Ilha do Governador. Na região central, Santa Teresa também recebeu grande volume de chuva, assim como Laranjeiras, na zona sul.
O estado de atenção é o segundo nível em uma escala de quatro e significa a possibilidade de chuva moderada, ocasionalmente forte, nas próximas horas.
O temporal também deixou partes de 13 bairros da capital fluminense sem luz.
Na contagem oficial da Light (concessionária de energia que atende o Rio de Janeiro), os locais atingidos, todos na zona norte, são: Grajaú, São Cristóvão, Abolição, Pilares, Engenho de Dentro, Rio Comprido, Honório Gurgel, Guadalupe, Marechal Hermes, Deodoro, Vila da Penha e Pavuna.
No entanto, moradores da Tijuca, também estão às escuras nas proximidades da rua Conde de Bonfim e José Higino.
Segundo a empresa, equipes foram enviadas às ruas para normalizar a situação.


vila
Foto: Isabele Rangel / R7             


Comentários