Da Tribuna da Câmara, Garotinho fala sobre os 25 milhões de euros depositados em Portugal




Garotinho leva denúncia ao Plenário



Conforme prometi subi à Tribuna da Câmara e relatei as providências que tomei sobre a informação de que a ex-chefe de gabinete da Presidência da República, Rosemary Noronha, em uma de suas viagens a Portugal, teria transportado 25 milhões de euros do Aeroporto Francisco de Sá Carneiro até a Agência Central do Banco do Espírito Santo, na cidade do Porto.

Encaminhei o ofício à Polícia Federal pedindo providências e relatando os fatos, e ainda ao Ministério das Relações Exteriores pedi informações sobre todas as viagens feitas a Portugal nos oitos anos do governo Lula, tanto pelo ex-presidente como seus acompanhantes.

Estranha foi a reação de diversos parlamentares ao meu discurso. Todos diziam que eu estava fazendo acusação muito séria contra Lula. Mas em nenhum momento aqui, como vocês poderão ver no vídeo acima com o meu discurso, afirmei que o depósito no banco estava em nome do ex-presidente. Sempre afirmei, desde a primeira postagem no meu blog, que o dinheiro havia sido depositado em nome de uma alta autoridade da República.

Isso não significa dizer que esta autoridade seja o ex-presidente. Essa é uma dedução precipitada dos deputados.

Será que sendo eu um representante eleito pelo povo e tendo sido informado de tais irregularidades deveria me calar ou fazer exatamente o que fiz: pedi providências à Polícia Federal para investigar o fato e fiz uma denúncia na Tribuna da Câmara para conhecimento de todos os brasileiros?

Senti que foi criada uma situação para tentar me intimidar a não fazer o meu discurso na manhã de hoje, mas o fiz com a total convicção de que estou contribuindo para a verdade.
http://www.blogdogarotinho.com.br/lartigo.aspx?id=12598

Comentários