Demissões e “Ley de Medios” dominam a mídia

IstoÉ Gente, Rede TV e Info Money. Esses três veículos promoveram dispensas no decorrer desta semana. As demissões atingiram os respectivos departamentos de jornalismo. Somando o trio, cerca de 20 profissionais da área ficaram desempregados.
istoegente-mudanca
IstoÉ Gente demitiu jornalistas e virou mensal
Além dos enxugamentos das redações, a semana no meio da comunicação foi marcado pelo fato de o colunista da Folha de S. Paulo, Gilberto Dimenstein, ter sido chamado de preconceituoso por questionar o motivo de um baiano ser escolhido para ser secretário da cultura de Haddad.
O desconhecimento da Ley de Medios argentina por parte de jornalistas brasileiros que cobrem a editoria de Internacional e a cobertura especial do jornal O Estado do Maranhão, a respeito da “posse” de José Sarney na Presidência da República – com direito a manchete e excesso de adjetivos-, também movimentaram o noticiário do Comunique-se.
Confira as manchetes da semana:

Comentários