Justiça concede indenização à RedeTV! por "farsa das tchecas"; cabe recurso


A Justiça concedeu em primeira instância o pedido de indenização da RedeTV!, no valor de R$ 27,4 milhões, contra a Companhia Brasileira de Bebidas Premium, responsável pela “farsa das tchecas” do “Pânico na TV”, em 2011, informou a coluna "Outro Canal", da Folha de S.Paulo, desta quinta-feira (6/12). Ainda cabe recurso.
Crédito:Divulgação
Emissora foi lesada por estratégia de marketing da marca de cerveja Proibida
A ação foi julgada procedente na 8ª Vara Cível de Osasco (SP). Nos próximos dias, os advogados da Rede TV! vão pedir que o valor da indenização seja depositado em juízo. 


A farsa
No início de 2011, duas falsas modelos tchecas foram contratadas pelo “Pânico na TV!” para estrelarem um reality show. 

No entanto, as duas modelos faziam parte da estratégia de lançamento da cerveja Proibida, um projeto de R$ 60 milhões da Companhia Brasileira de Bebidas Premium. O esquema foi revelado pelaFolha em maio de 2011.

A farsa causou problemas comerciais na Rede TV!, já que “Pânico” era patrocinado pela Ambev. A emissora teve de ressarcir a empresa por ter um anunciante do mesmo segmento na atração. 

Em junho de 2011, a RedeTV! processou a Companhia Brasileira de Bebidas Premium, afirmando ser alvo de uma armação.
do portal Imprensa

Comentários