Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







sábado, 4 de fevereiro de 2012

Campanha de prevenção à Aids no Carnaval inclui pôster específico para travestis


Pela primeira vez, o Ministério da Saúde produziu uma peça específica para travestis
http://i2.r7.com/cartaz-travesti-saude-carnaval-HG-20120204.jpg

O público-alvo da campanha é o jovem de 15 a 24 anos; a incidência de Aids cresceu 10,1% entre os gays dessa faixa etária
A campanha de prevenção à Aids no Carnaval 2012 traz um pôster inédito direcionado ao público travesti. Pela primeira vez, o Ministério da Saúde produziu uma peça específica para travestis durante a folia.
O material apresenta uma foto de duas pessoas abraçadas, sendo que uma delas é travesti. Nos outros dois cartazes da campanha, há um casal de homens gays e um casal heterossexual. O lema da campanha é: “Na empolgação pode rolar de tudo. Só não rola sem camisinha. Tenha sempre a sua”. 

Na Bahia, em cinco dias, 55 já morreram durante greve da Polícia Militar


Entre sexta e sábado foram contabilizadas pelo menos 29 vítimas, segundo a SSP
Arestides Baptista/Agência a Tarde/AE
comercio-saqueado-bahia-HG
Várias lojas foram saqueadas em Salvador durante a onda de violência desde o início da greve da PM
A SSP (Secretaria de Segurança Pública) da Bahia confirmou a morte de mais duas pessoas neste sábado (4), elevando para 55 o número de mortes ocorridas desde o início da greve da Polícia Militar, na terça-feira (31). Só entre a madrugada de sexta-feira (3) e este sábado, foram registradas 29 mortes na Grande Salvador.  
Entre as mortes está a de um policial civil, que foi atingido por bandidos na avenida ACM, na manhã de hoje. João Carvalho Filho, de 32 anos, estava sacando dinheiro em um caixa eletrônico instalado no estacionamento de um supermercado, quando foi surpreendido por ladrões, que roubaram sua arma e fugiram.

Em Cabo Frio, na saída de um bar, dois homens são baleados; um morreu e o outro ferido


Elton Cardoso Braga, de 31 anos, morreu no local e um outro homem, de 29, ficou ferido e está internado. O hospital não informou o estado de saúde.
Dois homens foram baleados durante a madrugada deste sábado (4) na saída de um bar, no bairro Jardim Esperança, em Cabo Frio. Elton Cardoso Braga, de 31 anos, morreu no local e um outro homem, de 29, ficou ferido e está internado. O hospital não informou o estado de saúde dele.
do RJ INTER TV 1ª Edição

Teodora, de 'Fina Estampa', inspira a 'moda periguete' do verão 2012

Para Aguinaldo Silva, a personagem de caráter duvidoso de Carolina Dieckmann significa a derrota do feminismo. Mas seu figurino, de gosto igualmente duvidoso, agrada até a mães de família
Patrícia Villalba
 Vitrine no Centro do Rio de Janeiro com modelos 'periguete', semelhantes aos usados por Carolina Dieckmann em 'Fina Estampa'
Vitrine no Centro do Rio de Janeiro com modelos 'periguete', semelhantes aos usados por Carolina Dieckmann em 'Fina Estampa': vendas para mulheres que trabalham, mães de família e turistas (Patrícia Villalba)
As moças andam embaladas a vácuo, não se pode deixar de notar. E, embora as tendências da moda oficial sejam outras, nas ruas o verão é do top e do shortinho, dos vestidos drapeados e ultracurtos, das sandálias douradas bem altas e das bolsas falsificadas de grife. É a “moda Teodora”, inspirada na personagem de Carolina Dieckmann em Fina Estampa, a novela das 9 da Globo. Por consequência, é também a “moda da periguete”, tipo que chama a atenção do autor Aguinaldo Silva. “Mesmo antes dela aparecer na novela já se dizia na casa de Griselda que Teodora era uma periguete”, lembra ele. “Esse é um dos tipos mais populares no Brasil atualmente - a da moça que usa de todos os artifícios, digamos assim, da sensualidade, para se dar bem na vida.”
Alex Palarea/AgNews
 Teodora, a personagem de Carolina Dieckmann em 'Fina Estampa': figurino periguete é sucesso de público
Teodora, a personagem de Carolina Dieckmann em 'Fina Estampa': figurino periguete é sucesso de público
É uma moda que veste um tipo duvidoso de caráter, mas não só ele. Aderem ao figurino de gosto - esse sim duvidoso - até mães de família. “Peraí, colega, que qualquer mulher pode querer roupa sensual, não é só a periguete que usa”, esclarece Heloana Cabral, gerente de uma loja na Rua do Ouvidor, no Centro, que é conhecida como “a loja” das funkeiras cariocas. “Aqui tem piriguete, trabalhadora de escritório, faxineira, patricinha e muita turista”, diz a gerente, que registra a venda de algumas dezenas de shorts – a R$ 24,99 – enquanto conversa com a repórter. A vitrine chama a atenção: a “ex-panicat” Dani Bolina e seu corpo superlativo divide espaço com manequins também turbinadas. “É o corpo da moda, né, colega? Mas a magrinha também pode usar”, garante Heloana.
Periguete, termo que não surgiu no Rio, mas na Bahia, e acabou sendo associado ao funk carioca, tem a ver com “a perigo”, sexualmente falando. Mas a julgar pelas periguetes da ficção, sempre interessadas em conquistar um sujeito que as sustente, a coisa tem mais a ver com “elas são um perigo”. “É uma figura que causa curiosidade, porque o periguetismo tem um componente de perda da compostura, digamos assim, e também tem a ver com a evolução do comportamento feminino para uma atitude mais pagã e celebratória”, opina o escritor Alex Antunes, autor do romance A Estratégia de Lilith, que acaba de virar filme (Augustas, de Francisco Cesar Filho). 

Inscrições para concurso do Senado Federal terminam amanhã


São 246 vagas para nível médio, técnico e superior; salários chegam a R$ 23 mil
O concurso do Senado Federal encerra suas inscrições neste domingo (5). São 246 oportunidade para o nível médio, técnico e superior. A taxa de inscrição varia de R$ 180 a R$ 190. 
A remuneração é de R$ 13.833,64 (técnico e policial), R$ 18.440,64 (analista) e R$ 23.826,57 (consultor) para trabalhar nas dependências do Senado, em Brasília. 
Dividido entre quatro editais, cada cargo tem um processo seletivo diferente, que podem ser verificados no site do concurso. As primeiras provas serão realizadas no dia 11 de março em todas as capitais dos 26 estados e em Brasília. 

Quando os Supremos (não) se tocam


Se a preposição latina super, de gloriosa carreira, queria, como se sabe, dizer “sobre, acima, além”, superus era o que estava acima de algo, em posição mais elevada, e superrimus, superlativo de superus, o que estava acima de todos os outros. Pois o adjetivo supremo, antes de ser supremus, foi superrimus. O que está mais alto entre todos.
As relações de sinestesia estabelecidas desde tempos imemoriais, nas línguas mais diversas, entre as ideias de altura, elevação, de um lado, e verdade, força e bondade, do outro, recobrem de sentidos positivos o adjetivo supremo, tradicionalmente associado a Deus.
Quando acontece de o Supremo Tribunal Federal fazer jus a toda a gama de conotações positivas que se grudam inevitavelmente ao seu nome, como no caso de sua decisão pró-CNJ, a língua também agradece.

O peso e sua personalidade: a medicina revela como e por que o jeito de ser pode levar você a engordar


E especialistas apontam o que fazer para domar o seu temperamento e emagrecer
Monica Tarantino - fotos: Frederic Jean/Agência ISTOÉ
Assista ao depoimento do advogado Ricardo Andrade, que é generoso, ansioso e impulsivo e diz que esses traços o levaram a pesar 112 kg.
2012_02_02_ED3_ISTOE_PERSONALIDADE_PESO_255.jpg
 chamada.jpg

Você poderia dizer, agora, quais são os traços mais marcantes da sua personalidade? Se nunca deu muita atenção a assuntos dessa natureza e está lutando com a balança para eliminar alguns quilos incorporados à sua silhueta nos últimos anos, comece a considerar a possibilidade de pensar sobre isso. A razão? Sua personalidade pode estar engordando você. É o que afirma um dos mais importantes trabalhos científicos sobre obesidade já realizados até hoje. Por 50 anos, um grupo de pesquisadores americanos mediu o índice de massa corporal (IMC, uma medida que avalia a relação entre peso e altura) de uma população de 1.998 pessoas do Estado de Baltimore, nos Estados Unidos, e cruzou esses dados com avaliações psicológicas. Para identificar os traços de cada um dos voluntários do estudo, os pesquisadores avaliaram características como a disponibilidade para novas experiências, a sensibilidade aos sentimentos dos outros, a extroversão, a capacidade de concordar e discordar e os níveis de preocupação.

Após mais de 15 mil checagens e medidas ao longo de cinco décadas, chegaram à conclusão de que o temperamento tem sim fortes conexões com as chances de desenvolver a obesidade ao longo da vida e pode ser o seu passe de entrada para o clube dos gordinhos na vida adulta. “Pela primeira vez, mostramos que há uma variedade de traços de personalidade que estão relacionados com o ganho de peso e que cada uma dessas características contribui para isso de uma maneira diferente”, disse à ISTOÉ a pesquisadora Angelina Sutin, do Instituto Nacional do Envelhecimento, coordenadora do trabalho.

O estudo de Angelina demonstrou, com rigor científico irrefutável, a relação de causa e efeito entre situações que antes eram observadas, mas não tinham o peso de uma verdade científica. Agora, é oficial. Características como a impulsividade, a generosidade, o perfeccionismo e o neuroticismo predispõem as pessoas ao ganho de peso. Expressão pouco usual em português, neuroticismo significa uma tendência geral a experimentar mais as emoções negativas como tristeza, medo, culpa, raiva e vergonha, o que deixa a pessoa emocionalmente vulnerável. Mais do que isso, essas marcas de temperamento funcionam como uma previsão de que o indivíduo terá problemas com a balança ao longo da vida. “Essas características permitem predizer que a pessoa se tornará obesa com o passar do tempo”, garante a pesquisadora Angelina.

 img3.jpg
O trabalho de Baltimore assinala ainda que a inclinação a desempenhar muitas tarefas ao mesmo tempo, especialmente quando se está sentado à mesa para uma refeição, e a dificuldade para dormir, seja por privação do sono ou por ser mais notívago, igualmente abrem a porta para o maior consumo de calorias. Ser mais extrovertido, amigável e disponível para situações inusitadas foi mais uma faceta que se sobressaiu nessa investigação. “Na amostra estudada, essas pessoas também mostraram tendência a pesar mais”, diz a estudiosa americana. 

Por causa da sua importância para o entendimento mais profundo das origens e desafios colocados pela obesidade, a associação entre as diversas nuances da personalidade e o ganho de peso está sendo examinada também em outros centros de estudo. Junto com os achados da pesquisa de Angelina, as descobertas que vêm desses demais trabalhos estão ajudando a decifrar esse tema tão complexo. Na semana passada, um trabalho de cientistas da Case Western Reserve University (EUA) mostrou, por exemplo, que as pessoas que estão sempre querendo agradar aos outros comem mais em eventos e outras situações sociais. “Elas sentem ainda mais pressão para comer quando acham que isso vai ajudar outro indivíduo a se sentir mais confortável”, afirma a psicóloga Julie Exline, autora do estudo, publicado na última edição do “Journal of Social and Clinical Psychology”.

Em outro trabalho, Robert Cloninger, da Escola de Medicina da Universidade de Washington (EUA) – considerado um dos mais renomados cientistas na investigação do impacto dos traços de personalidade no comportamento –, constatou que gente mais afeita à busca por experiências novas e sensações agradáveis também come demais. “Esses indivíduos tendem a consumir emoções e alimentos com a mesma intensidade”, disse Cloninger à ISTOÉ. “Quanto maior seu peso, mais intensa essa característica se mostra”, completou o estudioso.

 img4.jpg
A tendência a perder o controle e comer demasiadamente, mesmo para quem já conseguiu emagrecer, tem feito Cloninger acreditar que as causas da obesidade sejam muito semelhantes aos motivos que levam ao alcoolismo e à dependência de substâncias psicoativas. “É como um vício”, diz ele, que agora está envolvido na formação do que chama de treinadores para ensinar aos obesos a comer e a viver com mais bem-estar e qualidade. 

A descoberta do papel real da personalidade no engorda-emagrece aumenta a importância de que as dietas sejam repensadas para que possam ter aumentados seus índices de sucesso. No Brasil, por exemplo, metade da população está acima do peso e é sabido que menos de 10% daqueles que conseguem emagrecer conseguirão manter a forma um ano depois. “Isso se agrava pelo fato de que existem especialistas que prescrevem programas alimentares sem considerar as características da pessoa que está à sua frente. É meio caminho andado para o fracasso”, diz a médica nutróloga Vânia Assaly, de São Paulo. De fato, apesar de haver um consenso sobre a obesidade ser fruto da associação de causas genéticas, ambientais e também psicológicas, um grande número de profissionais ainda trabalha nos moldes antigos, na base do remédio e regime de restrição calórica. “É algo que precisa mudar”, afirma o endocrinologista Walmir Coutinho, do Rio de Janeiro, presidente eleito da Associação Internacional para o Estudo da Obesidade. 

Nos serviços mais atualizados, porém, o peso da personalidade para fazer subir ou descer os ponteiros da balança começa a ser levado em consideração na hora de formular a dieta certa. No programa-modelo da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) para tratar adolescentes obesos, coordenado pela pesquisadora Ana Dâmaso, aspectos como hábitos e emoções dos pacientes ajudam a balizar, inclusive, a quantidade maior ou menor de proteínas, carboidratos e lanchinhos distribuídos ao longo do dia. “A obesidade não tem causa única e, por isso, o tratamento ganha maiores chances de sucesso se o atendimento é multiprofissional, com nutricionista, psicólogo, endocrinologista e professores de educação física”, diz Ana, graduada em educação física e pós-graduada em nutrição e em pediatria. Por vezes, detalhes preciosos relacionados à personalidade do indivíduo fazem toda a diferença na sua briga contra a balança. “Há pessoas que têm um episódio de comilança uma vez ou outra, enquanto algumas enfrentam isso quase todo dia. É necessário estar atento a esses perfis na hora de avaliar o paciente”, diz o psiquiatra Adriano Segal, do Ambulatório de Obesidade do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Em parceria com o endocrinologista Alfredo Halpern, ele acaba de lançar o livro “O Estômago Possuído”, em que discute o hábito de comer compulsivamente.

 img2.jpg
Outro grupo que inclui a avaliação da personalidade na formulação de dietas são os Vigilantes do Peso, conhecido por seu elevado índice de sucesso. “Trabalhamos muito com as características das pessoas, como a impulsividade, a competitividade e a ansiedade, e sugerimos formas de lidar com elas”, explica Fernanda Fernandes, gerente nacional da organização no Brasil.

Um dos instrumentos mais usados atualmente para impedir que os traços de personalidade sabotem a perda de peso é a terapia cognitivo-comportamental, a TCC. “Posso ser criticado e gerar polêmica com essa afirmação, mas estudos mostram que esse recurso tem dado resultado mais eficiente para modificar comportamentos e interferir de maneira positiva contra a obesidade do que outros métodos terapêuticos”, diz Walmir Coutinho. 

Usada também para auxiliar os pacientes no tratamento de depressão, fobias, hiperatividade e dependência química, entre outras indicações, a TCC parte da premisssa de que sentimentos e reações comportamentais são consequência de pensamentos criados sobre determinadas situações. “Eles são derivados de crenças que podem ser trabalhadas e transformadas”, explica o terapeuta Cristiano Nabuco, de São Paulo, que aplica a técnica no tratamento de transtornos alimentares. O objetivo da terapia é impedir que essas crenças continuem a determinar os comportamentos. 

As pesquisas demonstram que o apoio psicológico faz mesmo diferença. “Em seis meses de acompanhamento, os obesos que mais emagreceram e aderiram aos exercícios físicos foram os que fizeram terapia”, diz a psicóloga Joana Ferreira, do Grupo de Estudos da Obesidade da Unifesp, campus de Santos, litoral de São Paulo.

 img.jpg
Um aspecto a ser ponderado em relação ao reconhecimento do papel da personalidade no ganho de peso é ter cuidado para não transformar a informação em uma visão preconceituosa. No passado, antes que a medicina comprovasse tratar-se de uma doença multifatorial, os obesos eram vistos como gente fraca, sem disciplina ou força de vontade para mudar a própria vida e emagrecer. Esse mesmo tipo de associação – simples e limitada – não pode ser transportada para o vínculo entre personalidade e ganho de peso sob pena de se incidir novamente em erro. Ou seja, cair no raciocínio fácil – e equivocado – de que alguém está fora do peso simplesmente porque é mais impulsivo ou intolerante. “Não podemos ser reducionistas. A obesidade cresce no mundo inteiro e é uma das formas de expressão do sofrimento psíquico e das frustrações dessas pessoas em relação ao nosso modelo de sociedade, entre outros aspectos”, observa a psicanalista Patrícia Spada, da Unifesp, especialista no tratamento de transtornos alimentares. 

Além disso, há estudos mostrando que os traços de personalidade podem funcionar de maneira antagônica. Um trabalho da Universidade Doshisha, no Japão, mostrou que o mesmo neuroticismo que leva ao ganho de peso pode ser uma ferramenta que ajuda algumas pessoas a ser mais rígidas na dieta e na mudança de hábitos. A conclusão dos pesquisadores é de que as pessoas mais preocupadas se mostraram também mais predispostas a fazer sacrifícios para atingir suas metas. “O ideal é que médicos e pacientes consigam identificar se um traço de personalidade mais marcante pode ajudar ou atrapalhar o emagrecimento”, afirma a endocrinologista Maria Fernanda Barca, de São Paulo. “Não é fácil, mas é o caminho.”  
img1.jpgimg6.jpg

Globo leva ao COI insatisfação com Record


Briga no pódio

O COI é o novo campo de batalha entre Globo e Record
Chegou ao Comitê Olímpico Internacional a insatisfação da Globo com a liberação de credenciais pela Record para as Olimpíadas. A emissora de Edir Macedo cedeu pouquíssimas credenciais aos profissionais da Globo e do Sportv. O COI já tentou interceder junto a Record, que permanece irredutível.
Por Lauro Jardim

Em Cabo Frio, investigação contra empresa de alimentos provoca afastamento na direção da Apae


Nilza Cecílio, o marido e mais 4 pessoas foram denunciadas por formação de quadrilha, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e sonegação.
A presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Cabo Frio, Maria Nilza Cecílio de Carvalho, vai ficar afastada do cargo por dois meses. O Ministério Público Estadual (MPE) investiga a participação dela em supostas irregularidades em uma empresa de alimentos da cidade que tem o marido dela, Hugo Cecílio de Carvalho, como proprietário.

Bom dia! O resumo dos jornais deste sábado, 4 de fevereiro.


O Globo
Manchete: Com PMs em greve, Bahia enfrenta caos na segurança

Arrastões, saques, mais de 40 assassinatos e até shows suspensos 

A greve dos policiais militares da Bahia, que começou na terça-feira, levou o caos às ruas de Salvador e a outras cidades do interior do estado ontem. Houve arrastões, saques a lojas, e até o transporte público foi afetado. Parte do comércio fechou. Líderes grevistas estão dentro da Assembleia Legislativa, e cerca de 300 em volta do prédio, na capital. Desde o começo da greve, já foram registrados 44 assassinatos no estado. Um percussionista do Olodum foi morto ontem de madrugada. Dezenas de shows do pré-carnaval programados para este fim de semana foram cancelados, inclusive um de lvete Sangalo. O governo federal mandou 3.200 homens das Forças Armadas e da Força Nacional de Segurança para policiar a Região Metropolitana. O governador Jaques Wagner, em pronunciamento na TV, disse estar aberto ao diálogo e avisou que não tolerará desordem. (Págs.1 a 3)
Mantega se complica sobre Casa da Moeda

Pressionado por Dilma, ministro quebra silêncio e admite que cedeu a pressões do PTB na estatal 

Uma semana após a demissão de Luiz Felipe Denucci da Casa da Moeda, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, rompeu o silêncio por determinação da presidente Dilma. Negou ter indicado Denucci para o cargo, atribuindo-a ao PTB. Mesmo admitindo que as denúncias contra o executivo não "eram sólidas”, afirmou que Denucci vinha sofrendo “pressão muito forte” do partido, presidido por Roberto Jefferson. (Págs. 1 e 12)

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Em Cabo Frio, animação é no Riala Folia

Riala Folia 2012

Sobe para 20 o número de mortes em Salvador com greve da PM


Com a greve da Polícia Militar, Salvador viveu um dia de forte alta do número de assassinatos e de ataques ao comércio, nesta sexta-feira. Da meia-noite até as 18h de hoje, foram registrados 20 homicídios na região metropolitana, segundo a Secretaria de Segurança Pública. No mesmo dia da semana passada, houve 13 assassinatos ao longo de 24 horas.
Ontem à noite, o músico da banda afro Olodum Denilton Souza Cerqueira, 34, voltava para casa em sua moto quando foi baleado por dois assaltantes no bairro da Mata Escura, onde vivia. O músico foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.
Ao menos cinco lojas tiveram os estoques saqueados no bairro da Liberdade, de acordo com relatos de comerciantes e moradores a rádios e televisão. A Polícia Civil diz que os donos das lojas ainda não haviam registrado as ocorrências até as 12h de hoje.
Ontem, motoristas foram rendidos por grevistas armados e obrigados a entregar os ônibus para fazer barricadas no acesso ao Centro Administrativo da Bahia, conjunto que reúne os edifícios das cúpulas do Executivo, Legislativo e Judiciário do Estado. O centro fica na avenida Paralela, no caminho entre o aeroporto e o centro de Salvador.
Arestides Baptista/Agência A Tarde/Folhapress
Loja é saqueada em Salvador durante a greve da PM; agentes da Força Nacional e militares patrulham ruas
Loja é saqueada em Salvador durante a greve da PM; agentes da Força Nacional e militares patrulham ruas
REFORÇO
O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, general José Carlos De Nardi, e a secretária Nacional da Segurança Pública, Regina Miki, desembarcam na manhã de sábado (4) em Salvador para acompanhar as operações das Forças Armadas no Estado.
Tropas do Exército começaram a fazer o patrulhamento nas ruas de Salvador no início da tarde desta sexta-feira. Também já estão em Salvador 150 homens da Força Nacional e outros 500 deverão chegar até o fim do dia de amanhã. O Exército também deverá encaminhar, ao todo, 2.000 homens até o próximo domingo (5).

Polícia: ex-marido se mutilou 28 vezes após matar procuradora


O delegado Edson Moreira (esq.) disse que o empresário cometeu suicídio após a automutilação. Foto: José Guilherme Camargo/Especial para Terra
O delegado Edson Moreira (esq.) disse que o empresário cometeu suicídio após a automutilação
Foto: José Guilherme Camargo/Especial para Terra

A perícia da Polícia Civil de Minas Gerais apontou indícios de que o empresário Djalma Veloso, 49 anos, suspeito de matar a ex-mulher a facadas, se automutilou no motel onde foi encontrado morto na noite de quinta-feira. O delegado Edson Moreira, chefe do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), disse que a probabilidade é de 99,9% de que Veloso tenha cometido suicídio.
"Ele utilizou uma faca de cozinha para se cortar. Tudo leva a crer que era a mesma faca usada para matar a ex-mulher. Ainda faremos o exame de DNA", disse. De acordo com as investigações, o empresário se cortou 28 vezes, sendo que 22 lesões são superficiais e seis, perfurações profundas. Contudo, o golpe que culminou na morte de suspeito foi no coração.

Estado do Rio também pode ter greve na segurança pública


Mesmo com reajuste, policiais podem cruzar os braços na próxima semana
Jadson Marques / AE
manifesta
Manifestação de bombeiros e policiais na praia de Copacabana no último domingo
O reajuste salarial antecipado pelo governador Sérgio Cabral para fevereiro não afastou a ameaça de greve entre policiais militares, civis, bombeiros e agentes penitenciários do Estado do Rio. Nesta sexta-feira (3), o Sindicato dos Policiais Civis informou ter enviado um ofício para diversos órgãos alertando sobre a possibilidade de uma greve geral a partir do dia 10. 

Sindicatos ameaçam parar as obras dos 12 estádios da Copa do Mundo em março


Centrais sindicais se uniram para reivindicar piso salarial e outros benefícios, diz jornal
Os 25 mil trabalhadores responsáveis pelas obras nos 12 estádios da Copa do Mundo de 2014 ameaçam entrar em greve em março e paralisar as construções e reformas. A Força Sindical, a CUT (Central Única dos Trabalhadores), a CSI (Confederação Sindical Internacional) e Federação Nacional dos Trabalhadores na Indústria da Construção Pesada se uniram em busca de melhores benefícios para os operários. A informação é do jornal Valor Econômico.

Em Búzios, falso pai de santo é preso por suspeita de extorsão


Vítima pediu ajuda em bilhete enviado a gerente de banco
Um homem que se passava por pai de santo foi preso sob suspeita de extorquir dinheiro de uma mulher e mantê-la em cárcere privado em Búzios, na região dos Lagos, no Estado do Rio.
Ele foi preso quando obrigava a vítima a sacar dinheiro em uma agência bancária. A mulher conseguiu escrever um bilhete pedindo socorro ao gerente, que chamou a Polícia Militar.
Segundo depoimento da vítima à polícia, os dois se conheceram pela Internet.  
No primeiro encontro, o estelionatário a sequestrou e a obrigou a fazer diversos saques e compras, totalizando um prejuízo de cerca de R$ 100 mil. A vítima diz que também era obrigada a manter relações sexuais com ele.
Assista ao vídeo:

Em Cabo Frio, ator global se envolve em confusão em bar na Praia do Forte


André Gonçalves teria jogado um copo no garçom durante uma discussão
A briga na qual o ator André Gonçalves, de 36 anos, se envolveu na madrugada desta sexta-feira (3), na praia do Forte, em Cabo Frio, na região dos Lagos, aconteceu por causa de uma conta. O ator e um garçom discutiram porque André teria discordado do valor cobrado.
Segundo policiais da Delegacia de Cabo Frio, o ator teria jogado um copo no garçom, o que provocou a briga generalizada. Durante a confusão, um militar do Corpo de Bombeiros tentou separar a briga e foi acusado por André como autor das agressões contra ele.
Ao todo, cerca de dez pessoas participaram da briga, em um bar. Testemunhas contaram que o ator apresentava sinais de embriaguez. André Gonçalves deve prestar depoimento nos próximos dias, mas poderá fazer isso por meio de carta precatória, em uma delegacia próxima ao local onde mora.
O ator não foi encontrado para comentar o caso. O ator ficou muito machucado, com hematomas e inchaços no rosto.

Distribuidora de alimentos terá de pagar R$ 30 mil a mulher que encontrou vermes em chocolate


Doce foi comprado em uma loja na zona norte do Rio
Uma das mais importantes distribuidoras de doces do país foi condenada a pagar indenização de R$ 30 mil a uma mulher que encontrou larvas de inseto dentro do pacote de uma barra chocolate.
A mulher contou que comprou o doce em uma loja em Bonsucesso, na zona norte do Rio. Assim que verificou as larvas no chocolate, ela procurou o estabelecimento. Uma vistoria mostrou que todo o lote estava impróprio para consumo.

Band dispensa repórteres, editores, pauteiros e produtores


Mrcio_Gontijo
Anderson Scardoelli 

O repórter Luiz Ceará não foi o único jornalista a ser demitido da TV Bandeirantes na tarde desta quarta-feira, 1°. Conforme o Comunique-se tinha adiantado, outros profissionais iriam deixar a emissora comandada por Johnny Saad. Ao todo, 12 colaboradores da equipe de esportes foram dispensados.
 De acordo com o Cheni no Campo, blog editado por Anderson Cheni, os demitidos trabalhavam como pessoas jurídicas e souberam da decisão do canal – de reformular o departamento esportivo – na própria quarta, ao chegarem para mais um dia de trabalho. O Cheni no Campo também afirma que o repórter Márcio Gontijo, editores, produtores e pauteiros deixaram a Band. A informação foi confirmada ao C-SE por um funcionário da emissora.

Revista ligada ao Ministério da Cultura afirma que José Serra está "morto" para a política


serra_-_morto_-_revista_de_historia
Priscila Fonseca 
A Revista de História, publicação patrocinada pelo governo federal e ligada ao Ministério da Cultura, declarou, em um artigo postado em seu site, que José Serra está “morto” para política. O texto é assinado por Celso de Castro e cita o livro A Privataria Tucana, do jornalista Amaury Ribeiro Júnior, como prova de que a reportagem investigativa ainda “está viva”, após críticas a Serra. 
Causando indignação no PSDB, o  presidente do partido, o deputado Sérgio Guerra (PE), encaminhou uma nota à ministra da Cultura,  Ana de Hollanda, que inclusive pertence ao conselho editorial da publicação, assim como a presidente Dilma Rousseff. No texto, o tucano se diz “indignado” e "repudia" a reportagem. O parlamentar também afirma que com o pretexto de exaltar o livro do jornalista, o artigo da Revista de História "ataca" o ex-governador de São Paulo e outros integrantes do partido,  "de forma grosseira e descabida", citando "falsas acusações e insinuações".

Beneficiários do Bolsa Família já podem sacar benefício


BolsaFamilia
As famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família já podem sacar a primeira parcela dos recursos do Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais. A ação, parte do Plano Brasil sem Miséria é de responsabilidade dos ministérios do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e do Desenvolvimento Agrário (MDA).
O benefício alcança agricultores familiares em situação de extrema pobreza. Os recursos podem ser sacados por meio do próprio cartão, conforme o calendário do programa iniciado no último dia 18. As outras famílias terão acesso ao fomento pelo Cartão Cidadão, disponibilizado pela Caixa Econômica Federal.
Em um primeiro momento, 685 famílias de 72 municípios dos estados da Bahia, de Minas Gerais, Alagoas, do Ceará, da Paraíba, de Pernambuco, do Piauí e de Sergipe receberão o benefício. O recurso, no valor total de R$ 2,4 mil, será transferido em três etapas, sendo a primeira de R$ 1 mil e as demais de R$ 700, a cada seis meses, a partir do pagamento da primeira parcela.

Crítica da mídia é sucesso na TV argentina


 

Por Laurindo Lalo Leal Filho
Na Argentina a televisão pública vem surpreendendo o telespectador com um debate até então inédito, levado ao ar pelo programa 6 7 8. Com bom humor, ironia e documentação consistente, os grandes jornais e as emissoras comerciais de rádio e TV são analisados e criticados diariamente em horário nobre.
Criticar a mídia não é tarefa fácil. Primeiro pela falta de espaço. Salvo a internet são raros os canais abertos para a discussão do papel dos meios de comunicação na sociedade atual. Contam-se nos dedos os veículos que fazem algum tipo de autorreflexão. O padrão geral é o da arrogância pura e simples.
Lembro da Ong TVer, no final dos anos 1990, encaminhando reclamações recebidas de telespectadores sobre uma menina, exposta no Fantástico, tendo que decidir se ficava com a mãe biológica pobre ou com a adotiva rica. A resposta da emissora foi de uma soberba a toda prova. Não entrava no mérito limitando-se a dizer que sabia o que o público queria, mais ou menos isso.

Ministros do STF decidem manter poderes de investigação do CNJ


Por 6 votos a 5, STF mantém poderes do CNJ - André Dusek/AE - 02.02.2012
Para ministros, corregedoria pode iniciar investigações antes de tribunais locais
Felipe Recondo e Mariângela Gallucci, de O Estado de S. Paulo
O Conselho Nacional de Justiça (CNJ), com o aval da maioria do Supremo Tribunal Federal (STF), pode abrir processos contra magistrados suspeitos de irregularidades. Para isso, os conselheiros não precisam esperar as investigações das corregedorias dos tribunais de Justiça ou justificar a decisão. Essa foi a posição de 6 dos 11 ministros da Corte, que votaram por manter os poderes do CNJ intactos.

Em São Gonçalo, polícia prende homens com granada e cocaína


Um adolescente de 16 anos foi apreendido
Policiais do Batalhão de São Gonçalo (7º BPM) prenderam Jorge Rodrigo da Cruz, 30 anos, e Bruno Brito Azevedo, 31, e apreenderam um adolescente de 16 anos com drogas na rua Arcozelo, no bairro Almerinda, no município da região metropolitana do Rio. 
De acordo com os PMs, eles estavam com uma granada, dois sacolés de cocaína, uma cápsula da mesma droga  e uma moto preta. Eles foram levados para a Delegacia de São Gonçalo (74ª DP).

Em Macaé, motociclista morre após bater de frente com um carro na BR-101


Com a batida, o motociclista João da Silva Dias Filho, de 61 anos, morreu na hora. O motorista do carro, abalado, não gravou entrevista.
Um motociclista morreu depois de bater de frente com um carro no fim da tarde de quinta (2), na BR-101, em Macaé.
O acidente foi na altura do km 154 da rodovia. A colisão foi entre a moto e um carro. Com a batida, o motociclista João da Silva Dias Filho, de 61 anos, morreu na hora. O motorista do carro, abalado, não gravou entrevista. Ele disse que foi sair de um posto pra entrar na rodovia, quando o motociclista que seguia no sentido Rio de Janeiro bateu na lateral do carro.
A pista não precisou ser interditada. A perícia esteve no local para apurar as causas do acidente. O laudo deve ficar pronto em 15 dias.

do Bom dia Rio

Bom dia! Os destaques dos jornais desta sexta-feira, 3 de fevereiro.

O Globo

Manchete: STF devolve ao CNJ poder de investigar e punir juízes

Decisão por seis a cinco mostrou divisão do tribunal, mas esvazia crise 

Por seis votos a cinco, o Supremo Tribunal Federal (STF) devolveu ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) o direito de iniciar investigação contra juízes por desvio de conduta, independentemente de ações nas corregedorias dos tribunais estaduais. Em dezembro, o ministro Marco Aurélio Mello dera liminar restringindo a investigação às corregedorias. O CNJ só poderia atuar em caso de omissão dos órgãos locais. A decisão de ontem reduz a tensão entre o tribunal e o CNJ. Durante a sessão, o relator Marco Aurélio Mello e os demais ministros que queriam limitar a atuação do CNJ chegaram a propor um acordo, mas a maioria não concordou. O Supremo também decidiu sobre outras normas do CNJ e liberou, por exemplo, que o julgamento de juízes seja aberto. (Págs. 1, 3 e 4) 
Servidor suspeito de movimentação milionária cuidou de licitações no TRT do Rio. (Págs. 1 e 9) 

Egito: tragédia do futebol reacende revolta

Explosão de violência deixa mais 440 feridos e junta militar é alvo de críticas 

O violento confronto de torcidas na cidade egípcia de Port Said, que matou 74 pessoas, transferiu-se do estádio para a Praça Tahir, o epicentro da Revolução do Nilo, numa nova eclosão de revolta e caos. Policiais dispersaram manifestantes com gás lacrimogêneo, deixando mais de 440 feridos. A junta militar que governa o país foi alvo de críticas por falhar na tarefa de garantir a estabilidade à transição. O primeiro-ministro Kamal al-Ganzouri assumiu a responsabilidade política pelos confrontos. (Págs. 1 e 33) 

Conflito no Paraguai é iminente

Os sem-terra paraguaios planejam para hoje as primeiras invasões de fazendas de brasileiros em Ñacunday, relata Flávio Freire. Brasileiros estocam munição; paraguaios exibem machados e facões. (Págs. 1 e 17 e editorial "Brasiguaios são desafio ao Itamaraty")
É carnaval!

Após três anos preso, o ex-banqueiro Cacciola aparece em festa pré-carnavalesca. Interdições para blocos começam amanhã. (Págs. 1 e Joaquim Ferreira dos Santos) 

Seguro de prédios não cobre desabamento

As apólices de seguro dos edifícios Liberdade e Colombo, que ruíram no Centro, não cobrem desabamento, mas apenas incêndio, queda de raio e explosão. Mesmo assim, os condomínios pretendem pleitear indenizações às seguradoras, o que sinaliza uma futura batalha jurídica. (Págs. 1 e 18 a 20) 

Minc: Cais do Porto tem '100% de explosividade' (Págs. 1 e 20)

Negromonte cai, mas o PP fica nas Cidades

Nono a sair e sétimo ministro do governo Dilma a cair por suspeitas de irregularidades, Mário Negromonte deixou o Ministério das Cidades, mas seu PP continuará comandando a pasta. Assumirá o hoje líder do partido na Câmara, Aguinaldo Ribeiro, da Paraíba, que responde a ações no STF e indicou a cidade administrada por sua mãe para receber verbas. (Págs. 1, 12 e 13)
Até PMDB quer que Mantega explique troca na Casa da Moeda (Págs. 1 e 10)

Propagação do Alzheimer é descoberta

A forma como o Alzheimer se propaga no cérebro humano acaba de ser descoberta por cientistas americanos. Como numa infecção, proteínas alteradas passam de célula a célula. O achado pode revolucionar a terapia. (Págs. 1 e 36)
'Dilma veio com carteira aberta e olhos fechados'

No Twitter, a blogueira Yoani Sánchez disse que nas ruas de Havana o comentário é que Dilma foi a Cuba "com a carteira aberta e os olhos fechados", em alusão às parcerias comerciais e à falta de menção aos direitos humanos. (Págs. 1 e 35)

Leilão de privatização de aeroportos atrai pelo menos 11 grupos (Págs. 1 e 32)

------------------------------------------------------------------------------------
Folha de S. Paulo
Manchete: Supremo mantém poder do CNJ para investigar juízes

Em decisão apertada, ministros põem fim à polêmica que dividia integrantes do Poder Judiciário

O Supremo Tribunal Federal decidiu que o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) pode investigar juízes por iniciativa própria, sem necessidade de apuração prévia das corregedorias locais. 
Em votação apertada (seis votos a cinco), os ministros do Supremo rejeitaram pedido da principal associação de magistrados do país, a AMB, que questiona os limites de atuação do conselho. (Págs. 1 e Poder A4 e A5)
Análise
Decisão faz convergir o interesses da imensa maioria dos magistrados com os do país. (Págs. 1 e Poder A5)

Foto-legenda: Fúria pós-tragédia

Multidão invade estação de trem no Cairo (Egito) para receber torcedores que voltavam do jogo onde 74 morreram; tragédia ganhou contorno político e reacendeu pressão para que militares deixem o poder. (Págs. 1 e Mundo A10)

Colégios do país incluem tablet em lista de material

Colégios particulares de Brasília, Salvador, Jundiaí e Rio incluíram tablets na lista de material escolar. Em alguns casos, são vendidos nas próprias escolas. O preço pode chegar a R$ 2.000. 

Órgãos de direito ao consumidor não são consensuais sobre o caso. (Págs. 1 e Cotidiano C1)

Agnelo vai sair do cargo de camburão, diz chefe de polícia

Após ser flagrado em vídeo dizendo que o governador Agnelo Queiroz (PT) deixaria o cargo de "camburão da PF", o diretor-geral da Polícia Civil do DF, Onofre Moraes, pediu demissão. 

Ele afirmou que a conversa era entre amigos. Para o governador, Moraes fez um "bom trabalho". (Págs. 1 e Poder A8)

Cai 7º ministro de Dilma após acusações de irregularidades

Sétimo ministro de Dilma a cair apos suspeita de irregularidades, Mário Negromonte (PP) pediu demissão do Ministério das Cidades.

Ele é acusado de favorecer aliados com verbas do ministério. "Saio mais tranquilo do que entrei", disse.
O deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), considerado novato em Brasília, será o seu substituto. (Págs. 1 e Poder A6)

Mônica Bergamo: Tucanos já haviam pedido a Kassab área na cracolândia

A doação de área na cracolândia ao Instituto Lula desagradou tucanos, que haviam pedido a Kassab espaço na região para o Museu da Democracia. (Págs. 1 e Ilustrada E2)
Partido aliado faz pressão sobre Guido Mantega e preocupa Dilma

Um suposto esquema de corrupção na Casa da Moeda pôs Guido Mantega (Fazenda) no centro de um escândalo que preocupa o Planalto. Insatisfeitos com a perda de espaço, membros do PMDB querem forçar o ministro a explicar publicamente por que manteve um servidor na estatal após alertas sobre seu envolvimento no esquema. (Págs. 1 e Poder A7)

Facebook pode valer ate US$100 bi no mercado

O valor de mercado do Facebook pode atingir US$ 100 bilhões e tornar a rede social maior que gigantes como a Ford, preveem especialistas. Com a oferta de ações em Bolsa, a empresa abriu dados até então tratados como segredos de Estado. 

A rede tem 845 milhões de usuários no mundo. Ao lado da Índia, o Brasil desponta como líder de crescimento, com 236% em 2011. A receita atingiu US$ 3,7 bilhões no ano passado, e 85% do faturamento da rede social veio da publicidade. (págs. 1 e Mercado B1)

PMs em greve atacam ônibus e espalham medo na Bahia

Policiais militares em greve entraram encapuzados em ônibus e obrigaram passageiros a descer. Depois, atravessaram os veículos numa avenida de Salvador, impedindo o acesso a sede do governo. O Estado pediu reforço da Força Nacional de Segurança. (Págs. 1 e Cotidiano C4)

Marido é suspeito de matar procuradora a facadas em MG (Págs. 1 e Cotidiano C5)

Grupo preso em SP é acusado de desviar remédio de hospitais (Págs. 1 e Cotidiano C9)
Editoriais

Leia "Entra e sai", sobre demissão do nono ministro do governo Dilma Rousseff; e "Impasse na Síria", acerca do risco de guerra civil naquele país. (Págs. 1 e Opinião A2)

------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo
Manchete: Em votação apertada, STF mantém poder do CNJ

Conselho recebe aval para investigar magistrados sob suspeita sem esperar decisão de corregedorias 

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ),com o aval da maioria do Supremo Tribunal Federal (STF), pode abrir processos contra magistrados suspeitos de irregularidades. Para isso, os conselheiros não precisam esperar as investigações das corregedorias dos tribunais de Justiça ou justificar a decisão. Essa era, até o fechamento da edição, a posição de 6 dos 11 ministros da Corte, que votaram por manter os poderes do CNJ intactos. Para esse placar, o voto da ministra Rosa Weber, que assumiu a cadeira no STF no dia 19 de dezembro, foi decisivo; A ministra recém-chegada ao Supremo votou por manter o poder do Conselho de processar magistrados, driblando o corporativismo que atinge algumas corregedorias de tribunais locais e que motivou a criação do CNJ, em dezembro de 2004. Até Rosa Weber proferir seu voto, o tribunal estava dividido. (Págs. 1 e Nacional A4) 
Liminar para SP ainda vale
A decisão do STF mantém suspensa a inspeção na folha de pagamentos do TJ de SP e na declaração de bens de magistrados. (Págs. 1 e Nacional A4) 

Ministro das Cidades cai; substituto favoreceu família

O deputado Mário Negromonte (PP) cumpriu o script acertado com o Palácio do Planalto e entregou ontem o cargo de ministro das Cidades. Com a saída, chega a sete o número de ministros da presidente Dilma Rousseff a cair sob suspeita de irregularidades. Seu substituto será o líder do PP na Câmara, Aguinaldo Ribeiro - que, assim como Negromonte, direcionou programas para beneficiar politicamente sua família. Em maio de 2011, o líder do PP enviou, como revelou o estadão.com.br, uma indicação para Negromonte incrementar o programa Minha Casa, Minha Vida em Pilar (PB), município administrado por sua mãe, Virgínia Borges. O Ministério das Cidades é responsável pelo programa. Além disso, conforme o Estado revelou ontem, ele destinou cerca de R$ 800 mil em emendas para Campina Grande (PB), onde sua irmã é candidata a prefeito. "Isso não tem o menor fundamento", disse Ribeiro. (Págs. 1 e Nacional A5 e A6) 

Mário Negromonte 
Ex-ministro das Cidades
"Atribuo minha queda a problemas políticos, a brigas internas regionais no partido"

11 consórcios se inscrevem em leilão de aeroportos

Onze consórcios entregaram ontem propostas econômicas e as garantias para o leilão dos aeroportos de Guarulhos, Viracopos e Brasilia, marcado para segunda-feira. Para arrematar os terminais, eles terão de pagar, no mínimo, R$ 5,4 bilhões à União nos próximos anos. Apesar da entrega da documentação, não há certeza de que todos participarão. (Págs. 1 e Economia B1 e B3) 
'Guerra do futebol' sacode o Egito

O ataque de torcedores do Masry contra rivais do Al-Ahly num estádio de Port Said, que deixou mais de 70 mortos, atirou o Egito em novo caos político. Houve choques entre manifestantes e a polícia na Praça Tahrir. Torcedores do Al-Ahly acusam o governo pelo ataque – teria sido vingança por sua participação na derrubada do ditador Hosni Mubarak. (Págs. 1 e Internacional A8 e A9) 
País eleva tom em negociação com o México

O fraco desempenho das exportações levou o governo brasileiro a elevar o tom nas negociações com o México para ampliação de um acordo comercial. Nos bastidores, auxiliares da presidente Dilma Rousseff chegam a ameaçar o país com o rompimento do tratado automotivo, em vigor desde 2002, conforme revelou Sonia Racy na edição de terça-feira na coluna Direto do Fonte. (Págs. 1 e Economia B4) 
Foto-legenda: Despejo no centro

Após reintegração de posse de prédio na esquina das Avenidas Ipiranga e São João, no centro, móveis foram colocados na calçada. (Págs. 1 e Cidades C5) 
Anvisa aprova 1º stent farmacológico nacional (Págs. 1 e Vida A12)
Imposto: Prêmio tributado

O engenheiro de música Enrico De Paoli conquistou o Grammy Latino 2011 de melhor álbum de Musica Popular Brasileira pelo trabalho em Ária, de Djavan. Em casa, recebeu, além da estatueta, um comprovante de recolhimento de 60% de imposto de importação e de 15% de ICMS para o Estado do Rio. O troféu saiu por R$ 66. (Págs. 1 e Economia B5) 
Fernando Gabeira

Ano de eleições municipais

As cidades que comparecem às urnas estão mais amadurecidas para participar de um tipo mais inteligente de governo. (Págs. 1 e Espaço Aberto, A2)

Dora Kramer

Paparicando 

O prefeito Gilberto Kassab pode bajular quem quiser, mas não pode dar seguimento a seus projetos à custa do patrimônio público. (Págs. 1 e Nacional A6) 

Notas & Informações

México, déficit e vodu

Romper o acordo com o México é tão racional quanto espetar uma agulha num boneco de vodu. (Págs. 1 e A3)
------------------------------------------------------------------------------------

Correio Braziliense
Manchete: Escândalo, demissão e videotape

Durou apenas três meses a passagem do delegado na direção-geral da Polícia Civil. Ele foi forçado a pedir demissão após a divulgação de vídeo, feito em junho de 2011, no qual ataca Agnelo Queiroz. Em certo trecho, Onofre diz que não adiantaria pedir ajuda "quando o governador estiver saindo do camburão da Polícia Federal". Em entrevista publicada no Correio na terça-feira, Onofre garantiu não haver qualquer gravação que colocasse a conduta dele sob suspeita. Ontem, visivelmente constrangido, disse que as acusações foram 

"galhofas" e "brincadeiras". (Págs. 1 e 17)
"Nem vou ver"
Agnelo afirmou não haver “condição concreta” para Onofre continuar no cargo, mas disse que a gravação não tem credibilidade. (Págs. 1 e 17)
Incontroláveis 
Em 13 meses de mandato, o governador do DF terá de escolher o terceiro diretor-geral da Polícia Civil, dominada por facções. (Págs. 1 e 18)

Negromonte cai, Aguinaldo assume

Enfraquecido por uma guerra interna no PP, Mário Negromonte pediu demissão do Ministério das Cidades. É o sétimo integrante do primeiro escalão de Dilma a sair sob denúncias. O substituto, Aguinaldo Ribeiro (PB), já nega participação em atos ilícitos. (Págs. 1, 2, 3 e Entrelinhas, 4)

Justiça: CNJ mantém poderes de investigação

Por seis votos a cinco, o STF garantiu ao Conselho Nacional de Justiça a autonomia para abrir processos disciplinares contra magistrados independentemente das ações internas dos tribunais. "Até as pedras sabem que as corregedorias não funcionam quando se cuida de investigarem os próprios pares", alertou o ministro Gilmar Mendes. (Págs. 1 e 4)

Foto-legenda: Susto e carinho

Internada em São Paulo após uma crise hipertensiva, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, terá alta hoje. No hospital, ela se encontrou com o ex-presidente Lula. (Págs. 1 e 8)

Aeroportos: Preço do JK passará de R$ 582 milhões

Onze grupos apresentaram propostas para o leilão dos terminais de Brasília, Guarulhos (SP) e Campinas (SP). A privatização começa na segunda-feira. (Págs. 1 e 9)

Mortes em estádio agravam situação política no Egito (Págs. 1 e 20)

Timbalada bate forte na AABB (Págs. 1 e 9)

------------------------------------------------------------------------------------
Valor Econômico
Manchete: Bancos médios se ajustam depois de investida do BC

Um aperto na fiscalização adotada pelo Banco Central no ano passado, como consequência da quebra do PanAmericano, provocou ajustes nos balanços de bancos pequenos e médios e de algumas financeiras. O processo não está concluído e as demonstrações contábeis futuras ainda podem ser afetadas. Depois de passar um pente-fino nas contas das instituições, o BC determinou que diversos bancos aumentassem as provisões em seus balanços - em alguns casos, em volumes significativos. 
Levantamento feito pelo Valor nas demonstrações contábeis até o terceiro trimestre de 2011 apontou que pelo menos dez instituições tiveram que fazer ajustes por determinação do BC ou receberam recomendação de suas auditorias independentes no mesmo sentido. Entre ajustes realizados e aqueles recomendados pelos auditores chega-se a um total de R$ 2,1 bilhões. Em apenas três casos - Rural, Luso Brasileiro e Máxima -, os bancos explicitaram em balanço que fizeram as adequações atendendo a determinação do BC. Em outros quatro casos - Schahin, Matone, Morada e financeira Oboé - os ajustes requisitados pela autoridade foram além e resultaram em operações de troca de controle ou intervenção. Os auditores independentes também foram protagonistas de pedidos de alterações, adotando comportamento mais rigoroso em função do episódio do PanAmericano e sob pressão do BC. (Págs. 1 e C1)

Estádios da Copa correm risco de greve

Os 25 mil trabalhadores nas obras dos estádios da Copa podem cruzar os braços em março, numa greve nacional capaz de comprometer o cronograma de conclusão das 12 arenas do mundial. A ameaça de paralisação é das principais centrais sindicais do país e da Federação Nacional dos Trabalhadores na Indústria da Construção Pesada. Até o dia 15, uma comitiva das lideranças sindicais das 12 cidades-sedes estará em Brasília para apresentar uma proposta única de piso salarial e benefícios, independentemente do local de trabalho. Os sindicalistas querem piso nacional unificado de R$ 1,1 mil para ajudante de obras, que hoje ganha cerca de R$ 600 no Nordeste.(Págs. 1 e A2)
Sem o México, montadoras reveem planos

O cancelamento do acordo automotivo com o México, decidido pela presidente Dilma Rousseff - mas ainda não oficializado -, causou forte reação de empresários do setor e do governo mexicano e estimulou autoridades brasileiras a defender alternativas, como uma revisão do tratado, segundo apurou o Valor.

A decisão de denunciar o acordo foi a maneira encontrada pelo governo brasileiro para forçar os mexicanos a rever radicalmente seus termos. Uma autoridade ligada à discussão do assunto comentou que, após o cancelamento, o governo aceitaria discutir outro acordo, em novos termos. (Págs. 1 e A3)

Disputa pelos aeroportos será acirrada

Se depender do número de propostas, o leilão de concessão dos aeroportos de Guarulhos, Campinas e Brasília deve ser um sucesso. Ao menos 11 consórcios entregaram suas ofertas ontem na sede da BM&FBovespa. Três grupos admitem disputar os três projetos: CCR, OHL Brasil e Invepar. O mercado espera ágios significativos no leilão, na segunda-feira.

Os consórcios liderados por Odebrecht, Queiroz Galvão e CCR são considerados pelo governo os principais favoritos para arrematar as concessões de Viracopos e Guarulhos. A Odebrecht vai ao leilão com a Changi, operadora do aeroporto de Cingapura; a Queiroz Galvão se aliou ao BTG Pactual e à Ferrovial, controladora da BAA, que administra Heathrow e outros terminais em Londres, e a CCR está com a suíça Flughafen Zürich. Para o aeroporto de Brasília, a aposta oficial é em um grupo de médio porte. (Págs. 1 e A20)

Nova geração de semente transgênica

A Monsanto espera colocar sua nova geração de sementes transgênicas de soja no mercado brasileiro ainda neste ano. A multinacional americana aguarda apenas a aprovação da variedade na China e nos países europeus, que importam o grão do Brasil. Enquanto isso, empresa e produtores brasileiros já discutem a forma de cobrança dos royalties sobre a nova tecnologia.

Aprovada pela Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio) em agosto de 2010, a semente - batizada de Intacta RR2 Pro - é a grande aposta da companhia para os próximos anos, com o vencimento da patente de seu carro-chefe. (Págs. 1 e B14)

IPT investe em laboratório de bionanotecnologia

O Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) investiu R$ 46 milhões nos dois últimos anos para inaugurar, ainda neste semestre, seu primeiro laboratório de bionanotecnologia - um ramo da ciência que começou a ganhar força no mundo em 2010 e possui um potencial de geração de receita global de US$ 2 trilhões a US$ 3 trilhões por ano. No Brasil, há pesquisas sendo realizadas em universidades desde 2008, mas em pequeno número.

O próprio IPT desenvolvia estudos em diferentes laboratórios, mas o potencial de geração de negócios levou a direção da estatal paulista a investir na construção de uma unidade específica, com equipes exclusivas, conta seu presidente, João Fernando Gomes de Oliveira. Já foram firmados contratos com companhias privadas, avaliados entre R$ 4 milhões e R$ 5 milhões para desenvolver pesquisas. A expectativa é chegar a R$ 10 milhões em contratos até o fim do ano e atrair investimentos de R$ 45 milhões a R$ 47 milhões em cinco anos. Entre as empresas com projetos na área de bionanotecnologia com o IPT estão Oxiteno, do Grupo Ultra, Vale, Petrobras e Raízen, joint venture entre a Cosan e a anglo-holandesa Shell. (Págs. 1 e B2)

Corte orçamentário

O Orçamento deste ano deve sofrer um contingenciamento de R$ 60 bilhões a R$ 61 bilhões nas despesas públicas. Com isso, o governo avalia que conseguirá fazer o superávit primário cheio (R$ 139,8 bilhões) e também impulsionar os investimentos. (Págs. 1 e A5) 

Wall Street prefere Romney

Os registros das doações de campanha nos EUA mostram que Mitt Romney é o escolhido pelos grandes bancos de Wall Street, de inclinação majoritariamente republicana. Seis instituições já injetaram US$ 1,8 milhão na campanha. (Págs. 1 e Al7)
VarigLog suspende operação

A VarigLog, que chegou a ser a maior empresa de transporte aéreo de cargas do país, suspendeu suas atividades na quarta-feira e tenta apresentar um novo plano de recuperação judicial aos credores. (Págs. 1 e B1)

Energia eólica atrai estrangeiros

A venda dos parques eólicos da Dobrevê Energia (Desa) deve marcar a entrada de um novo investidor estrangeiro no setor. AES Brasil, Energisa e EDF continuam na disputa pelos ativos, que somam 205 MW de capacidade instalada. (Págs. 1 e B10) 

Fim de barreira ao coco importado

Impostas em 2002, as cotas para importação de coco seco deixarão de vigorar neste ano, o que deve afetar os produtores nacionais, que não aproveitaram esse prazo para se modernizar e ampliar a produção. (Págs. 1 e B13) 

Recordes em fertilizantes

Após baterem todos as recordes em 2011, as vendas de fertilizantes no país dificilmente manterão o mesmo ritmo de crescimento em 2012. No ano passado, em volume, as vendas aumentaram 15,5%, para uma receita de US$16,9 bilhões, alta de 47,5%. (Págs. 1 e B14) 
Ideias

Claudia Safatle

Preocupada com os investimentos, Dilma está disposta a se reunir com os maiores empresários e banqueiros do país. (Págs. 1 e A2) 

Ideias

Márcio Garcia 

Seria melhor se o BC voltasse à tradição de cautela da política monetária, interrompida antes da eleição presidencial. (Págs. 1 e A19)
------------------------------------------------------------------------------------

Estado de Minas
Manchete: Ameaçada. Desprotegida. Assassinada

Empresário fugiu após morte da mulher, procuradora da União, em mansão de condomínio de luxo em Nova Lima

Ana Alice Moreira de Melo, de 35 anos, procuradora da Advocacia-Geral da União, foi morta em casa, com vários golpes, provavelmente de faca, por volta das 4h30 da madrugada de ontem. Acusado do homicídio, Djalma Brugnara Veloso, de 49 anos, dono de uma locadora de veículos, está foragido e com prisão preventiva decretada. O crime aconteceu após uma discussão do casal, ouvida pela babá, que, apavorada, se trancou no banheiro com os dois filhos dos patrões, de 3 e 7 anos. Em processo de separação, Ana Alice havia pedido proteção à polícia no dia 24 por ter sido jurada de morte pelo marido, conforme atesta inquérito no fórum de Nova Lima, ao qual o Estado de Minas teve acesso com exclusividade. No dia 25, a Justiça expediu medida protetiva, determinando que Djalma mantivesse no mínimo 30 metros de distância da mulher e dos filhos. O empresário foi notificado da sentença quarta-feira, o que pode tê-lo levado a cometer o assassinato horas depois.
Mais 46 mil mulheres na mira de companheiros violentos
Somente no ano passado, as comarcas mineiras receberam 31.504 pedidos de medidas protetivas, dos quais um quarto foi julgado e 5.709 (18%), concedidos. De acordo com balanço do Tribunal de Justiça, no fim do ano passado quase 46 mil processos com pedidos de proteção aguardavam julgamento (Págs. 1 e 19 a 21)

Lobista registra dívida por serviços a Rogério Correia

Polícia Civil mineira apresenta cópia de documento de Nilton Monteiro, mentor da Lista de Furnas, em que ele cobra dívida do deputado estadual do PT por supostos serviços prestados. Monteiro usou programa de computador para escanear assinaturas e falsificar documentos, logotipos de empresas e selos de cartórios. (Págs. 1 e 8)
Justiça: Supremo mantém poder do CNJ de fiscalizar juízes

Ministros do STF decidiram que Conselho Nacional de Justiça tem autonomia de investigar e punir. (Págs. 1 e 3)
Vereadores se armam para garantir salário maior (Págs. 1 e 7)

Alta recorde: Inflação de BH dispara em janeiro

Custo de vida na capital subiu 2,60% no mês passado, maior aumento em 10 anos. Contratação de empregados domésticos, IPTU e passagem de ônibus foram os três itens que mais alimentaram o dragão. (Págs. 1, 12 e Editorial, 10)
Cidades: Novo ministro assume a pasta e já enfrenta denúncias (Págs. 1 e 4)

------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio
Manchete: Posseiros param Suape

Agricultores do entorno do porto fecharam a rodovia PE-60 por mais de quatro horas, na manhã de ontem, protestando contra as desapropriações na área. Manifestação provocou congestionamento quilométrico no já complicado acesso ao Litoral Sul. (Págs. 1 e Economia 4)

JC Negócios: Fernando Castilho
MST em Suape
Inabilidade do governo para negociar reforça movimentos sociais. (Págs. 1 e Economia 2)

Cai sétimo ministro do governo Dilma

Negromonte deixa pasta das Cidades acusado de pagar por apoio. PP mantêm vaga. (Págs. 1 e 3)

Blitz deixa secretário na berlinda

Após se negar a fazer o teste do bafômetro, titular estadual dos Transportes, Isaltino Nascimento, vira alvo de especulações de que estaria de saída. (Págs. 1 e 6)

Bancários apreensivos após registro do 9º assalto a agências (Págs. 1 e Cidades 4)

Procuradora é morta pelo marido a facadas em Minas Gerais (Págs. 1 e 8)

TRT ordena volta de operários da Arena ao trabalho (Págs. 1 e Esportes 3)

Cúpula do futebol egípcio é afastada

Após o massacre de 74 pessoas durante partida do campeonato nacional, dirigentes da federação Egípcia e governador de Port Said foram destituídos. (Págs. 1 e Esportes 4)

------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
Manchete: Petrobras assina hoje projeto para triplicar gás industrial no RS

Tarso formaliza, no Rio, com a estatal e as multinacionais Hyundai e Samsung, parceria que visa a investimento entre US$ 2 bi e US$ 5 bi no Estado. (Págs. 1 e 18)

Contra-ataque: Como foi montada a defesa da posse no TJ

Ministro do Supremo decide hoje se Bandeira Pereira continua impedido de assumir o cargo. (Págs. 1, 6, 8 e Tulio Milman, 3)

Beira-Rio: 224 dias sem obras

Com o estádio enredado em negociação com construtora, cresce temor de Porto Alegre perder a Copa. (Págs. 1, 4 e 5)

Vitória no STF: CNJ retoma o poder de vigiar juízes

Por seis votos a cinco, Supremo derruba liminar que limitava fiscalização de magistrados. (Págs. 1 e 12)
------------------------------------------------------------------------------------
Edição Impressa do Económico de 2012-02-01
Brasil Econômico
Manchete: Privatização de aeroportos atrai 11 grupos: ágio alto e retorno baixo

Nunca tantos consórcios foram montados para disputar um processo de concessão. Os leilões dos aeroportos de Guarulhos, Campinas e Brasília devem alcançar preço bem acima do estipulado, o que reduzirá o retorno a cerca de 4% do investimento. (Págs. 1 e 4)
Que beleza!!!!

O Brasil supera o Japão e se torna o segundo maior mercado de cosméticos do mundo. Só perde para os EUA. (Págs. 1 e 18)

Bateu uma saudade

Sam Zell, o megainvestidor americano, se une ao GP para retomar o controle da Gafisa. (Págs. 1 e 23)

Blindada, Dilma demite Negromonte, mas PP fica

Pela sétima vez no atual governo, um ministro sai cercado por denúncias. Desta vez foi Mário Negromonte, das Cidades, que será substituído pelo deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB). (Págs. 1 e 10)
Europa receberá ajuda da China

Primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, diz que solução para crise europeia é “urgente”. (Págs. 1 e 36)

Supremo concede poderes ao CNJ

Numa decisão apertada (6 a 5), STF assegurou direito do Conselho de investigar juízes. (Págs. 1 e 12)
Redecard dobra investimentos no país em 2012

O presidente da empresa, Cláudio Yamaguti, anunciou que vai investir R$ 500 milhões para expandir sua rede credenciada. (Págs. 1 e 32)
Até que o divórcio os una para sempre

Consultores dão dicas de como planejar financeiramente uma possível dissolução do casamento, ganhar dinheiro com isso e ainda continuar amigos. (Págs. 1 e 34)
EBC Serviços