Amy Winehouse morreu por excesso de álcool, confirma juiz


Resultado de segundo inquérito foi anunciado nesta terça-feira
Cantora morreu em 23 de julho de 2011 aos 27 anos.
Em 30 de maio de 2008, Amy Winehouse toma um drinque durante apresentação no Rock in Rio Lisboa (Foto: Steven Governo/AP)Em 30 de maio de 2008, Amy Winehouse toma um
drinque durante apresentação no Rock in Rio
Lisboa (Foto: Steven Governo/AP)
Um tribunal britânico confirmou que Amy Winehouse morreu acidentalmente por abusar de álcool. A cantora britânica foi encontrada morta em sua casa no dia 23 de julho de 2011. Ela tinha 27 anos.
O novo inquérito sobre a causa da morte foi pedido depois que a legista Suzanne Greenaway, que trabalhava no caso, pediu demissão após uma investigação revelar que ela não era qualificada para o trabalho. Greenway também havia dito que a morte de Winehouse foi acidental.




Comentários