Búzios presente ao lançamento da campanha “Rio Contra a Dengue”

Prefeito André Granado esteve na solenidade do evento na terça-feira
 


 Foi realizado nesta terça-feira, dia 15, no Palácio da Guanabara, sede do Governo do Estado do Rio de Janeiro, o lançamento das ações “Rio Contra Dengue 2013”, com o objetivo de sensibilizar os gestores em relação ao problema da doença. O evento contou com a presença de diversos gestores municipais e de autoridades estaduais, dentre elas o Governador Sérgio Cabral. O Prefeito de Búzios, André Granado, participou do encontro, acompanhado pela Secretária Municipal de Saúde, Luiza Elizabete, e considerou o evento de fundamental importância para que os gestores recebam orientações sobre procedimentos e programas da Secretaria de Estado de Saúde e do Ministério da Saúde:  
 “A dengue é, hoje, um problema de saúde publica em todo o país e que exige máxima atenção das autoridades. Este encontro nos trouxe um panorama mais aprofundado sobre os recursos disponíveis para a prevenção à doença em nossa cidade. Contudo, é importante ressaltar que, para combater a dengue de forma vitoriosa, vamos precisar da ajuda da população, com ações preventivas em seus lares e atuando como fiscalizadora de possíveis focos da doença em nosso município. A responsabilidade em manter a doença bem longe é de todos, governo e cidadãos”, afirmou o prefeito.
De acordo com a Secretária de Saúde, o município estuda parcerias com os outros órgãos para reforço no combate a dengue em Búzios:
“Estamos fazendo um levantamento da situação da doença no município e já iniciamos a análise de estratégias para conter focos e monitorar as áreas mais afetadas pela dengue em Búzios. Dentro do planejamento de prevenção e combate, vamos sugerir parcerias com a Defesa Civil Municipal e com o Corpo de Bombeiros, aumentando as ferramentas de fiscalização e controle da doença”, disse Luiza Elizabete.  
Durante o evento, foi apresentado, ainda, o Projeto “Monitora Dengue”, que tem como meta garantir que os municípios consigam acompanhar em tempo real o trabalho dos agentes de endemia na busca por focos do mosquito transmissor da doença. O Monitora Dengue consiste na distribuição de smartphones aos agentes municipais para fazer o preenchimento de informações sobre os locais visitados e a situação dos domicílios e, assim, georreferenciá-los.
Segundo dados apresentados pela Secretaria de Saúde do Estado, o Rio de Janeiro é o primeiro local do país a utilizar em escala estadual um sistema de captação de dados em tempo real no combate à dengue. A tecnologia vai agilizar a elaboração dos relatórios com os dados coletados e permitir que o tempo de resposta para implementação de ações de combate à dengue e atendimento aos pacientes seja feito mais rápido nos pontos onde houver necessidade.
“O nosso principal objetivo é salvar vidas. De 2012 pra 2011 o número de óbitos despencou. Estamos dando todo o suporte aos prefeitos, principalmente nesse momento em que estão assumindo as prefeituras. Na área de capacitação, levamos equipes até os municípios, ensinando como proceder em casos de suspeita de dengue. E agora estamos dando inteligência às visitas, com os smartphones, ao atendimento, com a informatização da ficha do paciente”, disse o secretário de Estado de Saúde, Sérgio Côrtes, destacando que a previsão é que sejam distribuídos 10 mil smartphones aos municípios que fizerem adesão e disponibilizarem seus agentes de saúde para capacitação.
Casos de dengue - Durante a 1ª semana epidemiológica de 2013 (de 1º a 7 de janeiro), foram notificados 26 casos suspeitos de dengue no estado do Rio de Janeiro. Nesse período, nenhum óbito foi registrado. No mesmo período da semana anterior, foram 36 casos notificados. Durante todo o ano passado, foram notificados 184.123 casos suspeitos de dengue no estado, com 41 óbitos. Na comparação entre 2012 e 2011, apesar do aumento de 9,34% nas notificações por dengue, a quantidade de óbitos caiu 70% no mesmo período.

Crédito da foto: Beto Jordão
Sugestão de legenda: Da esquerda para a direita, Secretário de Saúde de Rio das Ostras, Gilson Viana; Subsecretária de Saúde, Ana Cristina; o Prefeito André Granado, e a Secretária de Saúde de Búzios, Luiza Elizabete.

Comentários