Em Búzios, Zé Márcio encontra cerca de 8 mil livros jogados na secretaria de Turismo


Por Guilherme Barcellos
293090
 Coleções completas de Machado de Assis e Euclides da Cunha fazem parte dos cerca de 8 mil livros que foram ‘deixados’ na secretaria de Turismo pela administração anterior, todos etiquetados em nome da Ong Pró-Vida, que tem a frente o presidente Antonio Carlos Lyra.
- Esses livros faziam parte das bibliotecas públicas quando tínhamos um projeto com a prefeitura. Uma biblioteca em Cem Braças (Euclides da Cunha), outra no Cruzeiro (Machado de Assis) e uma terceira em José Gonçalves (Clarice Lispector). Como a prefeitura na administração anterior não honrou os repasses da subvenção, os pontos de leitura tiveram que fechar e os livros foram ‘jogados’ na secretaria de Turismo. Fiquei sabendo através de uma funcionária que me ligou – disse Lyra
de acordo com o secretário os livros já foram limpos e encaixotados e serão doados para as Escolas Eulina de Assis Marques (São José), Lidia Shermam (Baia Formosa) e Eliete Mureb (José Gonçalves). Uma parte vai para o CRAS  no Bairro de José Gonçalves. 

Comentários