Na região dos Lagos, municípios definem estrutura de governos

Prefeitos organizam setores da Prefeitura e criam secretarias.
Cabo Frio aumenta o número de secretarias e Araruama reduz.

As novas administrações municipais de cidades da Região dos Lagos começam a definir suas estruturas de governo. Em Cabo Frio, a maior cidade da região e também a que possui a maior estrutura de governo, possui atualmente 20 secretarias, mas até o fim da reforma administrativa contará com 31.

Em Araruama, a prefeitura quer economizar gastos. O  salário dos secretários já foi reduzido de R$ 12 mil para R$ 9 mil, e a quantidade de secretarias também diminuiu:  passou de 22, para 12. Com as duas medidas, a prefeitura espera reduzir os gastos em cerca de R$ 1,8 milhões por ano.
do G1

Comentários