Em Cabo Frio, prefeito Alair Corrêa trabalha 17 horas


Alair Corrêa - 17 Horas Proveitosas

Graças a Deus, trabalhei muito, mas aproveitei bem aquelas 17 horas
Ontem trabalhei das 6 às 23 horas, dezessete horas em que apenas por 15 minutos parei para almoçar e o restante foi só trabalhando. Despachei nas primeiras duas horas, em seguida participei da reunião de oração dentro da prefeitura com o palestrante pastor Fabrício, tendo como tema a HUMILDADE. Logo depois fui a uma entrevista na Rádio Sucesso, voltei à prefeitura para importantíssima reunião com os presidentes dos sindicatos dos funcionários efetivos (reunião de trabalho bem proveitosa). Voltei aos despachos e em seguida aconteceram as audiências marcadas com empresários e secretários.


Já noite entrei no carro e me dirigi a Tamoios para a primeira reunião com seus munícipes, autoridades e integrantes do governo. Ao chegar, me surpreendi com a multidão do lado de fora do ginásio, perguntei ao Vicente por que não abriram as portas tendo o mesmo respondido que já tinham sido abertas “é que tem muita gente te esperando”, rompi a multidão e quando entrei no ginásio o mesmo já estava lotado e é claro que isso me deixou imensamente feliz pois estava ali, para falar da cidade que iremos construir pra eles e quantos mais me ouvissem, melhor seria. Cantamos o Hino Nacional com todos muito emocionados e com razão, afinal de contas esse povo de Tamoio luta por sua emancipação há tanto tempo e, se ela chega ainda que seja de forma indireta, os tamoienses têm direito de comemorar a chegada de sua parcial liberdade financeira.
Dois momentos para eu guardar com carinho: o primeiro quando anunciei, agora oficialmente, os 400 milhões para obras, com a entrega do primeiro cheque no dia 22/02. O segundo quando me dirigi aos membros da CODESTAM e aos meus companheiros e disse” a eleição já passou, agora não existem mais alairsistas, janistas etc, agora temos um só povo para, sem brigas, sem picuinhas, com um único propósito: construir a cidade de Tamoios e, para isso, é preciso união, vontade e harmonia”.
Não vou esquecer jamais essa reunião que representou pra mim a virada política e o reinício de uma jornada junto a quem há algum tempo me amava e recentemente me rejeitava. Já para o povo, a reunião representou a chegada do seu direito trazido em forma de presente exatamente por alguém que lá atrás agiu contra o seu sonho. Encerrada a reunião, retornei a Cabo Frio no carro do vereador Taylor, quando conversamos sobre o sucesso da reunião. Chegando em casa, o relógio marcava 23 horas foi quando fiz as contas e concluí que havia trabalhado 17 horas em um dia, que tem apenas vinte e quatro, e que nelas havia me alegrado com reunião de oração, havia alegrado os funcionários com a decisão de lhes pagar o Plano de Cargos e Salários e de como havia alegrado a população de Tamoio anunciando a entrega do dinheiro que lhe pertence.
Graças a Deus, trabalhei muito, mas aproveitei bem aquelas 17 horas.
Até amanhã!
Alair Corrêa
http://blogdoalaircorrea.com.br

Comentários