Fotógrafo registra aurora boreal no Ártico russo


Aurora em vilarejo russo
Um fotógrafo russo viajou ao vilarejo de Teriberka, na região de Murmansk, no norte da Rússia a fim de documentar uma aurora boreal. Ivan Dementievskiy esperou três noites em busca das melhores condições para registrar o fenômeno, segundo a BBC.


Localizado no Círculo Polar Ártico, o vilarejo fica na escuridão por quase 24h diárias. Especialmente neste mês, o Sol costuma aparecer pouco e se pôr muito cedo.
Mesmo após passar três dias sem dormir, na escuridão e sob temperaturas extremamente baixas, o fotógrafo afirma que todo esforço valeu apena.
Redação O POVO Online

Comentários