Pular para o conteúdo principal

No Rio, estradas e aeroportos começam a ter movimento intenso


Enquanto blocos ainda reúnem foliões no Rio de Janeiro, as estradas e os aeroportos da cidade começam nesta quarta-feira a enfrentar o movimento pós-Carnaval, com a volta de muitos cariocas para casa e a saída de turistas que passaram o feriado na cidade. Para fiscalizar as estradas, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) aumentou o efetivo em 30% e manterá os esforços até domingo, dia que, como hoje, terá pico de circulação.


A PRF recomenda que as pessoas tentem evitar esses dois dias, e que o critério para escolher a hora de viajar priorize o estado físico e emocional do motorista, que deve estar o mais descansado e tranquilo possível. Na ponte Rio-Niterói, a movimentação deve ser maior no sentido Rio, com a volta de quem passou o carnaval na Região dos Lagos. A rodovia deve receber 87 mil veículos nesta quarta-feira e mais 86 mil amanhã. Na sexta, o tráfego cai, mas no sábado e no domingo a circulação deve ser intensa.
A BR-040, que liga o Rio a Juiz de Fora (MG), apresentava movimentação intensa nos dois sentidos, no trecho que cruza a Região Serrana, na divisa com Minas e na parte que segue depois de Juiz de Fora. A previsão da Concer, que administra a via é que, em todo o Carnaval, 354 mil veículos tenham passado pela BR.
Na Rodovia Presidente Dutra, o tráfego já era intenso ontem, no sentido Rio de Janeiro, com um fluxo de 5,5 mil veículos por hora. A previsão é que haverá ainda mais movimento, com 5,8 mil veículos por hora. De acordo com a assessoria de imprensa da CCR Nova Dutra, concessionária responsável pela BR-116, o horário de pico foi a manhã dos dois dias, das 6h às 12h.
Na Rodoviária Novo Rio, 1.420 ônibus deverão chegar à capital fluminense com cerca de 50 mil passageiros nesta quarta, enquanto 1.060 deixarão a cidade com 33,7 mil pessoas. A expectativa para todo o carnaval é uma movimentação próxima de 411 mil passageiros, demanda que levou quase 4 mil ônibus extras para o terminal.
Os aeroportos terão fluxo equilibrado de quem entra e sai da cidade, segundo as assessorias de imprensa do Santos Dumont e do Galeão. No aeroporto internacional, que deve ter um carnaval 16,% mais movimentado que em 2012, os cariocas estarão voltando principalmente do Nordeste e dos Estados Unidos, mantendo a proporção de 25% a 30% de voos internacionais e 75% a 70% nacionais. No Santos Dumont, onde a movimentação deve chegar a 150 mil passageiros, o número de voos não foi acrescido para a volta do feriado.
Até o momento, apenas uma viagem saiu depois do horário marcado no Galeão e outra no Santos Dumont até as 13h. Já os cancelamentos chegam a 10,5% no aeroporto internacional e a 10,3% no Santos Dumont. Entre os 23 voos internacionais do Galeão, foram registrados atrasos em 17,4% dos voos e 13% foram cancelados. Ao todo, 99 voos estavam programados para o Galeão até as 13h, e 78 para o Santos Dumont.
Agência Brasil

Comentários