Ambiente de Arraial do Cabo faz apreensão de Rinha de Galo no Morro da Cabocla


 
Ontem (21), a Secretaria Municipal do Ambiente apreendeu nove galos que estavam sendo utilizados em rinhas, no Morro da Cabocla. A operação foi resultado de uma denúncia feita a Polícia Militar. Além da captura, a estrutura também foi desmontada. O local foi encontrado em estado precário  repleto de roedores, baratas e outros tipos de vetores.
De acordo com a Secretaria do Ambiente, os animais capturados estavam com muitas feridas ocasionadas pela disputa nas rinhas, e foram enviados a uma fazenda no município iguabense, onde serão tratados e reabilitados.
O caso foi registrado na 132º Delegacia de Polícia Civil, porém, como não havia nenhum responsável no local, não foi possível o enquadramento no crime de maus tratos a animais e demais sanções administrativas. A Legislação Brasileira define como crime a promoção da atividade de Rinha de Galo, promoção de embate entre os animais e apostas, com pena de três meses a um ano de prisão para os autores.


A Secretaria do Ambiente de Arraial do Cabo informou que não tolera essa prática e em conjunto com Polícia Militar estará sempre a postos para reprimir esses crimes.

Comentários