Cabo Frio entra para a 'Semana de Museus' com exposições variadas


Cidade é única da Região dos Lagos oficialmente inserida no cronograma.
Evento começa nesta terça-feira (14) e termina no dia 17 de maio.
João Phelipe SoaresDo G1 Região dos Lagos
Museu de ArteReligiosa e Tradicional de Cabo Frio com exposição e ações educativas. (Foto: G1)
Museu de ArteReligiosa e Tradicional de Cabo Frio com exposição e ações educativas. (Foto: G1)

Já se tornou uma tradição. Todo o mês de maio a cultura entra em evidência nas cidades com a chegada da "Semana de Museus". A cidade de Cabo Frio é única da Região dos Lagos oficialmente inserida no cronograma , mas outros municípios da região também ofecerem atrativos em museus que abordam assuntos e temas variados.


Em Cabo Frio, dois museus entraram para a programação oficial do evento. Um deles é o Museu de Arte Religiosa e Tradicional (Mart). Com 30 anos de funcionamento, o prédio que abriga as artes sacras data de 1686 e foi tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).
O Mart funciona no antigo Convento Nossa Senhora dos Anjos e abre as portas para o público com uma programação que começa nesta terça-feira (14), com visita guiada pela igreja. Haverá distribuição de jogos educativos para alunos que estão com a visita agendada das 10h às 16h.
Já na quarta-feira (15), haverá uma mini oficina de capoeira com aulas teóricas e práticas ministrada pelo Mestre William, do Centro Cultural Geribá Capoeira. A oficina vai das 14h30 às 16h30. Encerrando as atividades da '11ª Semana de Museus', na sexta-feira (17), será realizada mais um workshop de capoeira, desta vez com o Grupo de Capoeira Vozes D'África com o Mestre Pingo. A entrada é gratuita.
A diretora do museu, Sônia Maria Duarte, informou que, apesar das ações educativas previstas na programação serem para crianças das escolas do município, todo o público está convidado."É muito importante que a comunidade visitem o Mart para ter contato com a cultura e para que possamos mostrar que o local é importante para a cidade. Dessa forma, o museu jamais ficará esquecido, abandonado", disse.
Casa Scliar com exposição até dezembro de 2013 (Foto: Divulgação)Casa Scliar com exposição até dezembro de 2013.(Foto: Divulgação)
Em Arraial do Cabo, o Museu Oceanográfrico apresenta ao público uma diversidade de espécies marinhas, com destaque para o esqueleto de uma baleia Orca com seis metros de comprimento, que encalhou na Ilha do Cabo Frio, em 1981. Os visitantes podem conhecer o local de terça-feira à sexta-feira, das 9h às 17h. Nos fins de semana e feriados, o horário é das 13h às 18h. O endereço é Praça Daniel Barreto, s/nº, na Praia dos Anjos.

Também em Cabo Frio, a Casa Scliar, entrou para a programação da "Semana dos Museus" . O sobrado, do século XIX, abriga um acervo com 150 peças de diversos autores, incluindo as de Carlos Scilar. A exposição "Pão e Rosas para Todos- a trajetória do pintor companheiro da humanidade"  pode ser visitada de quarta a domingo, das 14h às 18h. A visita é gratuita. Quem tiver interesse em conhecer toda a casa, deverá pagar o valor de R$ 4,00 pela visita guiada com duração de 1h.
Segundo a coordenadora interina de Promoção e Gestão da Imagem Institucional do Insituto Brasileiro de Museus (Ibram), Ana Lourdes Costa, o evento anual é importante também para a economia das cidades onde as instituições estão inseridas. "Além do grande objetivo que é mobilizar o setor e atrair um grande número de visitantes, a Semana de Museus atrai turistas, que movimentam a economia, e ainda gera emprego temporário. Em 2012, em todo o Brasil, 504 profissionais foram contratados para desempenhar diversos serviços", avaliou.
Região dos Lagos conta com outros museus
A aviação é a grande atração no museu de São Pedro da Aldeia. Localizado na Base Aérea Naval da cidade. O espaço foi criado em 2000 para resgatar e manter o acervo histórico da Aviação Naval. Outro objetivo é a integração das Organizações Militares, o Comando da Força Aeronaval e a Marinha do Brasil como um todo, alcançando a comunidade civil e ampliando a sua mentalidade marítima. O museu atende ao público de terça-feira à quinta-feira, sábado e domingo das 8h às 16h30h. Visitações escolares poderão ser solicitadas pelo telefone (22) 2621-4133. 
Já em Araruama, a cultura das populações pré coloniais é contada por meio da exposição do  Museu Arqueológico. Fundado em abril de 2006, o prédio do século 19 em estilo Neoclássico data de 1862. Os visitantes terão acessos aos paineis e imagens que ilustram a cultura da região com o auxílio de um monitor. O endereço é Rodovia RJ 124, Km 27, na Fazenda Aurora. O funcionamento acontece de terça à domingo e feriados, das 9h às 17h, com estacionamento próprio e entrada gratuita.
No paraíso do surfe, outro esporte também tem vez. Localizado em Saquarema, o Museu do Vôlei preserva a memória da modalidade esportiva com a exposição de diversos troféus, fotos e objetos que fizeram parte das conquistas históricas do esporte. As visitas podem ser feitas das 8h às 16h nos dias úteis, e das 8h às 15h nos finais de semana.

Comentários