Equipe da Rede Globo é expulsa durante protestos no Rio de Janeiro

Mesmo sem identificação, o carro de reportagem da Globo foi chutado durante o protesto contra gastos públicos na realização de grandes eventos esportivos no país, realizado no Rio de Janeiro. O caso aconteceu quando um grupo viu o jornalista Vandrey Pereira cobrindo a manifestação.
protestorio0107
Manifestação aconteceu nesse domingo, 30, no RJ
(Imagem: Monica Garcia)
Segundo informações do Terra, policiais escoltaram a equipe da Globo, que foi obrigada a se retirar do local. Outros jornalistas também tiveram que abandonar a cobertura após ameaças dos participantes, que gritavam palavras de ordem.

Esse não foi o primeiro caso. Em outras ocasiões, jornalistas foram hostilizados durante a cobertura. Rita Lisauskas, da Band, Caco Barcellos e Honório Jacometto, da Globo, estão na lista dos que sofreram agressão.


Para o representante da Comissão de Direitos Humanos da OAB-RJ, André Borges, a atitude dos manifestantes está correta. "Eles têm o direito a se manifestar contra a mídia. A mídia mente sobre as manifestações. Ela também precisa fazer uma autocrítica, a revolta é contra o sistema", afirmou. "Eles não podem agredir, mas podem expulsar, sim", acrescentou.
O protesto desse domingo, 30, reuniu milhares de pessoas na Praça Saens Peña, na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro.
do Comunique-se
0