Após reação alérgica a remédios, jovem tatua alerta no braço


alergia

Lauanne Araujo, uma estudante de 23 anos, tatuou no braço esquerdo um alerta com os componentes aos quais é alérgica. “Fiquei pensando onde eu poderia colocar a lista e encontrei uma menina, na internet, que tinha tatuado que era diabética. Achei sensacional”, diz Lauanne explicando como teve a ideia. A tattoo é composta de uma cruz vermelha seguida dos dizeres “Alérgica, não use” e a lista com as substâncias  que podem lhe causar reações adversas: “dipirona sódica, ainh, ácido acetilsalicílico, pirazolona e melubrina“. Ela diz que carrega na bolsa uma lista com esses produtos, mas a medida foi tomada para o caso de estar inconsciente, visto que já teve problemas com remédios errados.


“Eu pensei em vários lugares, pensei em fazer na costela, mas não é visível. O braço é o primeiro lugar que eles pegam para aplicar a medicação”explicou Lauanne sobre o local escolhido para a tatuagem. A jovem conta ainda sobre as diferentes reações a sua tattoo: “Alguns amigos próximos, que já me viram tendo reação alérgica, acharam sensacional, mas ficaram com receio de ficar feio. Algumas pessoas acharam ridículo, mas com o resultado falaram que é diferente, adoraram”.
Lauanne Araujo divulgou foto da tattoo em suas redes sociais há dez dias e acabou conhecendo outras pessoas com problema semelhante. “Fui descobrir agora que muitas pessoas têm alergia e muita gente me falou que a ideia era legal e que poderiam fazer também”. Em seu instagram postou a foto com a seguinte mensagem: “Não é brincadeira! #tattoo #ink #alérgica #girl“.
0