Lançamento da Casa Artesanal abre mais espaço para divulgação do artesanato de Cabo Frio

Palestra sobre o artesanato com professor Chicão reúne artistas locais

Foto: Telma Flora

Na última quinta feira (26/9), foi realizada a palestra “O artesanato nas sociedades antigas” no auditório da Prefeitura de Cabo Frio. Ministrada pelo professor de História José Francisco de Moura, o Chicão, a palestra foi a primeira de um ciclo de três etapas que marca o lançamento da Casa Artesanal.
Na palestra, o professor Chicão falou sobre o preconceito da elite em relação ao artesanato desde o passado.
– No Egito Antigo, só os artesãos oficiais do Faraó tinham espaço para o comércio de seus produtos. O mesmo acontecia em Roma e na Grécia Antiga, percorrendo com essa problemática em toda a Idade Média – explicou o professor.
Aproveitando o momento de reunião com os artesãos locais, foram abordados diversos assuntos, tais como a valorização dos artistas na cidade e a melhoria nas condições de trabalho.
A Prefeitura vai apoiar os artistas da cidade e, por meio da Secretaria de Turismo, criou a Casa Artesanal, que vai apresentar diversos tipos de artesanatos decorativos para interiores e com isso dar visibilidade à cidade e acesso ao mercado. Segundo a turismóloga Vanina Navega, da Secretaria de Turismo de Cabo Frio, a Casa Artesanal é um produto turístico que fortalece ainda mais a imagem da nossa cidade.
A abertura oficial da Casa Artesanal acontece no dia 24 de outubro, às 20h, na Rua Carlos Mendes, s/nº, no Jardim Caiçara. Já no dia 25 e 26 de outubro, a casa estará aberta ao público para visitação das 14h às 22h.
Entrevista concedida a jornalista Telma Flora
O que é a Casa Artesanal?
A Casa Artesanal consiste em apresentar o artesanato de Cabo Frio nessa nova etapa onde o governo Alair Corrêa cria uma coordenadoria setorial só para organizar o segmento. Assim sendo, a Casa Artesanal apresentará para a sociedade as diversas faces desse novo estilo de artesanato onde pretendemos criar uma relação intima entre produto e cliente além de fomentar o turismo de negócios.

Qual a finalidade da casa artesanal?
È mostrar como nosso artesanato tem beleza e qualidade e pode representar Cabo Frio através de trabalhos maravilhosos em qualquer circunstância. Temos como objetivos principais o reconhecimento dessa arte tão milenar que há muito vem sendo confundida com os produtos industrializados, vendidos atualmente nas feirinhas, assim como mostrar que nosso artesanato tem um grande preço de mercado, podendo ser explorado por empresários do ramo de decoração, moda, utilitários e no atrativo turístico.

Como será apresentado o artesanato dentro da Casa Artesanal?
A Coordenadoria Setorial de Artesanato com o apoio da SECTUR resolveu trazer a experiência da decoradora Rita Suzano para distribuir de maneira harmoniosa todos os trabalhos de nossos artistas na decoração de vários ambientes de uma casa, no caso, escolhemos a Pousada Maria Mariá para acomodar as peças dos 40 artesãos participantes em vários cômodos da pousada. Serão peças que vão desde luminárias, quadros, enfeites de todos os tipos, porta toalhas, caixas decorativas, almofadas, tapetes, colchas, centros de mesa, e até material de uso pessoal como: bijuterias, chinelos, acessórios, enfim todo o trabalho do nosso artesanato distribuído em vários ambientes que vão desde área externa, até banheiros, salas, quartos e cozinha

O que a Coordenadoria de Artesanato pretende com isso?
- Primeiro desmitificar o trabalho do artesão como sendo um trabalho rudimentar, feio e grosseiro, hoje as novas técnicas transformam até lixo em luxo, por isso é necessário criar um evento glamoroso para dar valor ao trabalho desses guerreiros.
-Depois criar uma mentalidade de que artesanato pode trazer bons lucros e que o mercado consumidor procura cada vez mais essa arte milenar a fim de diferenciar e personalizar cada aquisição. Sendo assim, o comércio de Cabo Frio pode adquirir peças do nosso artesanato ao invés de procurar produtos fora do nosso município
-Tornar o artesanato de Cabo Frio o produto ideal para a fomentação da nossa economia e atrativo turístico, e assim criar uma grande feira de artesanato com esses verdadeiros valores a fim de agregarmos a cidade mais um polo do turismo de entretenimento e negócios.

Programação das palestras no auditório da Prefeitura de Cabo Frio:
Dia 3/10 – às 10 horas - Empreendedorismo – com a gerente Regional do SEBRAE, Ana Cláudia Mello Vieira e o publicitário da Quatro em um, André Roque;
Dia 10/10 - Motivação Psicopedagógica – palestrantes ainda a ser confirmados;
0