Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Bom dia! Vamos com as principais notícias dos jornais desta quinta-feira, 21 de novembro. Grande final da Liga Nacional Feminina de Handebol acontece hoje em Cabo Frio. Decisão no Ginásio Poliesportivo Alfredo Barreto terá transmissão do canal SporTV


Exibindo concordia handebol.jpg

Supergasbras/UNC/Concórdia (SC) e Metodista/São Bernardo (SP) farão a grande decisão da Liga Nacional Feminina de Handebol, nesta quinta-feira (21), às 19h, no Ginásio Poliesportivo Alfredo Barreto, com transmissão, ao vivo, do canal SporTV. O evento conta com apoio da Prefeitura de Cabo Frio, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. 
Na noite da última terça-feira (19), a equipe de São Bernardo do Campo (SP) assegurou a vaga, após vencer o Blumenau/FURB (SC), por 22 a 19 (12 a 8 no primeiro tempo). No primeiro encontro entre as equipes, a vantagem também foi das paulistas, que passaram pelas catarinenses por 35 a 25. 
Antes da vitória da Metodista/São Bernardo (SP), foi a vez do Supergasbras/UNC/Concórdia (SC) garantir a vaga, já que superou o Santo André (SP) por 23 a 20, na terça-feira (19), e por 26 a 22, na segunda-feira (18). 
A decisão será nesta quinta-feira (21), às 19h. A troca de ingressos será feita no ginásio da competição, hoje (21), das 9h às 18h, por um quilo de alimento não perecível.


------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O Dia
-----------------------------------------------------------------------
-----------------------------------------------------------------------
O Globo
Manchete: Mensalão - Câmara começa a discutir cassação de Genoino
----------------------------------------------------------------------------------------------

O Estado de S. Paulo
Manchete: Câmara quer levar cassação de Genoino ao plenário
-----------------------------------------------------------------------------------------------------

Correio Braziliense
Manchete: Pressão livra Brasília de ameaça ao tombamento
-----------------------------------------------------------------------------------------------

Estado de Minas
Manchete: Estamos preparados?
--------------------------------------------------------------------------------------------------

Jornal do Commercio
Manchete: Reforma de Eduardo mexe na aposentadoria
-------------------------------------------------------------------------------------------------

Zero Hora
Manchete: Câmara confronta STF e leva futuro de Genoino a plenário
--------------------------------------------------------------------------------------------------

Brasil Econômico
Manchete: BNDES corta recursos para os estados e negocia com a indústria

------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O Globo

Manchete: Mensalão - Câmara começa a discutir cassação de Genoino
Dilma manifesta ‘preocupação humanitária’ com saúde de petista preso

Presidente diz que tem convicções, mas que não comentará sentenças do STF enquanto estiver no cargo

A Mesa da Câmara começa a analisar hoje se abre processo de cassação do deputado licenciado José Genoino (PT-SP), condenado no mensalão e preso na Papuda. O STF condenou os mensaleiros à perda automática de mandato, mas mudou de ideia ao julgar outros parlamentares. A presidente Dilma disse ontem ter "preocupação humanitária" com a saúde de Genoino e que ficou presa com a mulher dele. (Págs. 1 e 3 a 8)

Apartamento de Pizzolato é QG para tentar limpar’ imagem de fugitivo

Três amigos de Henrique Pizzolato, procurado pela Interpol, usam sua cobertura em Copacabana como base para tentar difundir nas redes dossiê em favor dele. Pizzolato pode ter entrado na Europa pela Espanha. (Págs. 1 e 6)

Romaria petista continua na Papuda

Núcleo político do esquema, abrigado em ala especial, recebeu a visita de 26 deputados. (Págs. 1 e 6)
Feriado de sol e assaltos na orla
Guardas municipais revidam ataque de gangue na Praia do Arpoador. O feriado de ontem foi de sol forte, assaltos e pancadaria na orla da Zona Sul, onde bandos atacaram na areia e no calçadão. O reforço do policiamento não inibiu a ação dos bandidos. Uma turista argentina foi agredida com um soco no olho. (Págs. 1 e 11)
Retrocesso à vista: Comissão limita direito de gays
A Comissão de Direitos Humanos da Câmara, presidida por Marco Feliciano (PSC-SP), aprovou projetos suspendendo a resolução do CNJ que autoriza cartórios a realizar casamentos de homossexuais e marcando plebiscito sobre o tema. Os projetos vão a outras comissões e ao plenário. Foi rejeitada proposta que dá a companheiros de homossexuais direito a receber pensão do INSS. (Págs. 1 e 10)
Contas públicas: Congresso aprova esforço fiscal menor
Parlamentares aprovaram à noite texto que permite abater investimentos de estados e municípios da meta fiscal deste ano, reduzindo o esforço de controle de gastos. A União não precisa mais compensar o que governos regionais não economizarem. (Págs. 1 e 25)
Livre do cárcere: Ativista brasileira é libertada na Rússia
A bióloga brasileira Ana Paula Maciel, que ficou presa por dois meses com outros ativistas do Greenpeace, foi libertada ontem após pagar fiança, mas não pode deixar a Rússia. (Págs. 1 e 10)
Violência no trânsito: Motociclistas são principais vítimas
Dados do Mapa da Violência mostram que o número de motociclistas mortos em acidentes cresceu 932% de 1996 a 2011. Eles são hoje as maiores vítimas no trânsito. (Págs. 1 e 10)
Audiência das biografias: De 17 ouvidos, 15 defenderão mudança
Marcada para hoje no STF, audiência para discutir a mudança na lei que prevê autorização prévia para publicação de biografias vai ter ampla maioria favorável à liberação. (Págs. 1 e Segundo Caderno)
Colunistas: Mario Sergio Conti
Se tivesse 15 anos menos, FH seria candidato. (Págs. 1 e Segundo Caderno)
Panorama Político: Assessor de Mantega deve cair (Págs. 1 e 2)

------------------------------------------------------------------------------------
O Estado de S. Paulo

Manchete: Câmara quer levar cassação de Genoino ao plenário
Decisão desafia STF, que havia determinado perda automática do mandato; deputado quer aposentadoria

Mensalão – O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), desafiou o Supremo Tribunal Federal (STF) e convocou para hoje reunião da Mesa Diretora para levar ao plenário a decisão sobre a cassação do mandato do deputado José Genoino (PT-SP), preso desde sexta-feira por sua condenação no processo do mensalão. O STF havia decidido que a Câmara deveria apenas decretar a perda de mandato dos condenados, mas o comunicado oficial da Corte não trouxe a ordem expressa e o tema será debatido novamente pelo tribunal. Apesar da convocação de Alves, é preciso que a maioria da Mesa Diretora vote a favor da proposta para que o processo seja iniciado. Para deputados do PT, a medida poderia ser tomada apenas após o julgamento dos embargos infringentes. Genoino, que está em licença médica por ter se submetido a uma cirurgia cardíaca, requereu aposentadoria por invalidez em setembro. Se concedida, o processo será encerrado. (Págs. 1 e Política A8 a A10)

Itália resiste a procurar Pizzolato

O Ministério da Justiça e a PF pediram um mandado contra Henrique Pizzolato, ex-diretor do Banco do Brasil condenado a 12 anos de prisão por envolvimento no mensalão, mas a Itália disse que ele não cometeu nenhum crime na Europa. (Págs. 1 e A10)
Ex-diretor da Siemens envolve 6 políticos com cartel
O ex-diretor da Siemens Everton Rheinheimer disse, em relatório entregue ao Cade e à PF, que o secretário da Casa Civil de São Paulo, Edson Aparecido (PSDB), foi apontado pelo lobista Arthur Teixeira como um dos recebedores de propina das empresas acusadas de participar do cartel metroferroviário. Rheinheimer, que trabalhou 22 anos na Siemens, prestou depoimento à PF em troca de eventual redução de pena ou perdão judicial. Segundo ele, outros 5 políticos teriam envolvimento com a Procint, a consultoria de Teixeira apontada como pagadora de propina: o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP); os secretários estaduais José Aníbal (Energia), Jurandir Fernandes (Transportes Metropolitanos) e Rodrigo Garcia (Desenvolvimento Econômico); e o deputado Arnaldo Jardim (PPS-SP). Esse é o primeiro documento que faz referência a supostas propinas pagas a políticos. (Págs. 1 e Política A4 e A5)

Citados negam

Os políticos negaram ter ligação com o caso. A maioria disse que não conhecia Teixeira ou Rheinheimer. (Págs. 1 e A4)
PSD se antecipa e declara apoio a Dilma
O presidente do PSD, Gilberto Kassab, cumprimenta o petista Ruy Falcão após fazer o primeiro anúncio oficial de apoio de um partido à reeleição de Dilma. Apesar do embate com seu sucessor na Prefeitura, Kassab enalteceu aliança para 2014. (Págs. 1 e Política A11)
Haddad é vaiado em evento em SP
O prefeito Fernando Haddad (PT) foi vaiado ontem quando subiu no palco do Anhangabaú para discursar no evento do Dia da Consciência Negra. Pessoas próximas foram atingidas por objetos. (Págs. 1 e Metrópole A25)
Para Abin, agente ‘quebrou confiança’
O diretor-geral da Abin, Wilson Trezza, disse que o agente suspeito de passar dados para um funcionário da CIA perdeu o cargo por “quebra de confiança”, desmentindo o general José Elito. (Págs. 1 e Internacional A20)
Cai presidente da conferência do clima (Págs. 1 e Metrópole A31)

Dilma encomenda superávit ‘factível’
Preocupada com o risco de rebaixamento da nota de crédito do País, a presidente Dilma ordenou à equipe econômica que o número do superávit primário seja “alcançável e factível” até o fim de seu mandato. (Págs. 1 e Economia B1 e B3)
Fóruns Estadão: Brasil Competitivo
Uma nova era para a educação

A educação, vista no passado como um direito, é hoje encarada como prioridade estratégica. (Págs. 1 e Especial)
João C. de Figueiredo Ferraz
Fragilidade da atividade cultural

Deveríamos pensar em ações que estimulem as pessoas a abrir suas coleções, não assustá-las com a possibilidade de tomá-las de interesse nacional. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)
Notas & Informações
O que trama o PT?

Ao investir contra o Poder Judiciário, o PT deixa claro o modelo de “democracia” que almeja. (Págs. 1 e A3)
------------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense

Manchete: Pressão livra Brasília de ameaça ao tombamento
Criticado por arquitetos e urbanistas e sob desconfiança dos brasilienses — mais de 90% dos participantes de enquete no site do Correio se posicionaram contra o projeto -, o Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília (PPCub) será modificado na Câmara Legislativa. Após reunião com distritais, o governador Agnelo anunciou a retirada de temas polêmicos, como a quadra 500 do Sudoeste, a concessão de áreas públicas no Plano, o novo bairro na Epia e os hotéis na orla oeste do Lago. O loteamento do Eixo Monumental e a nova destinação para a 901 Norte também foram descartados. Mesmo com as modificações, especialistas querem que o PPCub seja mais discutido com a população. (Págs. 1, 33 e 34)
Aumento da TR deixa casa própria mais cara (Págs. 1 e 16)

Fotolegenda: Mais cedo na Papuda
Pessoas que têm parentes detidos receberam senha para vê-los às 5h30, uma hora antes do habitual. A mudança no tratamento ocorreu um dia depois de reclamarem da regalia de condenados ilustres. Para as visitas de Dirceu, Genoino e Delúbio, não há necessidade de dormir na fila nem de pegar senhas. (Págs. 1 e 6)
Mensalão faz Câmara contrariar Supremo
O presidente da Casa afirma que não cumprirá determinação de cassar o mandato de Genoino. Como no caso Donadon, a decisão será do plenário. "Eu não consigo imaginar que um deputado tenha de negociar com seu carcereiro”, reagiu o ministro Gilmar Mendes, do STF. (Págs. 1 e 2)
STJ mantém pena de Luiz Estevão
Tribunal julga recurso e confirma condenação que aplicou multa e suspendeu os direitos políticos do ex-senador Luiz Estevão. (Págs. 1 e 39)
Feliciano quer plebiscito para casamento gay
Além de submeter a união homossexual a decisão popular, comissão que deputado preside aprovou projeto que desobriga cartórios de celebrar casamento gay. Na CCJ, proposta garante a transexuais o direito de mudar de nome. (Págs. 1 e 13)
O olhar da lei sobre as biografias
Ex-presidente do STF, Carlos Ayres Britto fala ao Correio de liberdade de expressão e privacidade, a polêmica da vez no tribunal. (Págs. 1 e Diversão&Arte)
------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas

Manchete: Estamos preparados?
Projeto de bicicletas compartilhadas e ampliação de ciclovias aceleram debate sobre a disseminação desse transporte em BH.

A abertura de licitação pela BHTrans para a implantação de 30 estações para aluguel de bicicletas e o investimento cada vez maior em faixas exclusivas para as bikes – que devem saltar dos atuais 50 para 380 quilômetro sem 2020 – demonstram a firme disposição da prefeitura em incentivar a ampliação do uso desse meio de transporte. Especialistas alertam para problemas como a disputa de espaço com carros, motos e ônibus, a falta de educação de motoristas e motociclistas em relação às magrelas, e o relevo, leia-se os morros,em várias regiões da cidade. Já os ciclistas consideram as bicicletas totalmente viáveis, mas pedem padronização das ciclovias e campanhas educativas para prevenir acidentes, as quais a BHTrans promete intensificar. (Págs. 1, 21 e 22)
Câmara contraria ordem do Supremo
Em postura de confronto entre poderes, o presidente da Câmara, Henrique Alves (PMDB-RN), afirmou que não cumprirá a determinação do STF de cassar automaticamente o mandato de José Genoino (PT-SP). A cassação será submetida ao plenário. A votação ainda pode ser secreta, já que o Senado adiou análise da PEC que acaba como voto fechado. (Págs. 1, 3 e 4)
BH falará espanhol na Copa
Capital será sede de dois rivais sul-americanos: a Argentina treinará na Cidade do Galo e o Chile, na Toca II, como antecipou o EM. A Austrália quer fazer pré-temporada no CT do América ou em Uberlândia. (Págs. 1 e Capa)
Eleições 2014: Minirreforma branda vai a sanção da presidente (Págs. 1 e 9)

------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio

Manchete: Reforma de Eduardo mexe na aposentadoria
Governador enviou à Assembleia projetos de lei que alteram a estrutura do Estado. Reforma na Previdência é a principal mudança, com fundo de capitalização para novos servidores e opção de plano complementar para quem recebe acima do teto.

Estancando a sangria
O atual regime de previdência do Estado, o Funafin, tem rombo mensal de R$ 76,8 milhões. O déficit anual pode chegar a R$ 1,7 bilhão somente em 2013.

Máquina mais enxuta
Projeto reduz número de secretarias de 29 para 22, com uma economia de R$ 25 milhões por ano. Nomes dos secretários só serão conhecidos em janeiro.

Cultura segue forte
Eduardo Campos disse ontem que não passou de especulação a informação de que a pasta de Cultura seria extinta. Vejas todas as mudanças. (Págs. 1 e 3 a 5)
Ontem faltou luz pela manhã, tarde e noite
Pequenos apagões mostram a fragilidade do setor elétrico. (Págs. 1, Capa Dois e Economia 6)
Câmara bate de frente com o Supremo
Processo normal de cassação de Genoino contraria decisão do STF. (Págs. 1, 7 e 8)
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora

Manchete: Câmara confronta STF e leva futuro de Genoino a plenário
Supremo determinou perda automática de mandato, mas Legislativo diz que a decisão será dos deputados. (Págs. 1 e 8)
Fotolegenda: O Beira-Rio se farda
Quinze alpinistas trabalham na colocação das 65 membranas que recobrirão o estádio. O trabalho iniciado ontem deverá ser concluído até 31 de dezembro. (Págs. 1 e Esportes)
Sobra dinheiro: 30% da verba para a aids não é aplicada
Apesar de liderar casos da doença no país, RS não utiliza total de recursos para prevenção. (Págs. 1, 4 e 5)
No polo de Rio Grande: Grupo japonês indica diretor de estaleiro
Associação de cinco empresas liderada pela Mitsubishi vai acelerar projeto. (Págs. 1 e 30)
------------------------------------------------------------------------------------
Brasil Econômico

Manchete: BNDES corta recursos para os estados e negocia com a indústria
A redução de R$ 40 bilhões no desembolso do banco anunciada por Guido Mantega vai resultar na interrupção de programa e aumento de juros para financiamentos ao poder público. Empresas privadas de setores considerados não prioritários querem garantir fatia de empréstimos. (Págs. 1, 4 e 5)
Crivella aposta em modéstia na disputa pelo Rio
Pré-candidato pelo PRB ao governo do Rio de Janeiro, o atual ministro da Pesca e Aquicultura, Marcelo Crivella acredita na bandeira “do idealismo e da renúncia às vaidades pessoais” para atrair eleitores, especialmente, os mais jovens. (Págs. 1, 8 e 9)
Mensalão: Câmara inicia processo de cassação de Genoíno
Henrique Eduardo Alves (PMDB), presidente da Casa, convocou reunião para hoje. Decisão será em plenário. (Págs. 1 e 7)
Greenpeace: A brasileira Ana Paula Maciel deixou ontem a prisão na Rússia (Pág. 1)

Mobilidade: Eletra lança primeiro ônibus elétrico produzido no Brasil (Págs. 1 e 16)

------------------------------------------------------------------------------------
EBC Serviços

Postar um comentário