Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Ponto facultativo no aniversário de emancipação de São Pedro da Aldeia

Exibindo praça.jpg
Por decreto do prefeito Cláudio Chumbinho, o dia 17 de dezembro, data em que se comemora o 121º aniversário de emancipação político-administrativa de São Pedro da Aldeia, será ponto facultativo. O funcionamento dos setores essenciais da administração pública obedecerá à determinações dos secretários municipais.


Fundada em 1617,  o município de São Pedro da Aldeia passou boa parte de sua existência vinculado ao vizinho Cabo Frio. Pelo decreto de 10 de setembro de 1890, foi criada a Vila deSapiatiba (abundante em sapê, conforme em Tupi), com sede na Freguesia da Aldeia de São Pedro, abrangendo seus limites. O Município de Sapiatiba foi desanexado de Cabo Frio, ainda que permanecesse fazendo parte da comarca do mesmo. O decreto foi assinado pelo então governador do Estado do Rio de Janeiro, Francisco Portella.
Quase dois anos depois, em  28 de Maio de 1892, o então presidente do Estado do Rio de Janeiro, José Thomaz da Porciúncula, declarou extinto o município de Sapiatiba, voltando a integrar o de Cabo Frio. Para esta medida, ele alegou que a vila não tinha população necessária (10 mil habitantes) para ser independente.
A situação econômica, social e política dos habitantes da Freguesia da Aldeia de São Pedro não podia aceitar passivamente essa regressão política e administrativa, e suas reivindicações justas e clamorosas, resultaram na lei de 17 de dezembro de 1892 que restaurou o Município de Sapiatiba, atribuindo-lhe desta vez, o histórico e antigo nome do padroeiro da aldeia e da freguesia: São Pedro da Aldeia.

Fonte: wikipedia
Postar um comentário