Frase do dia

“O amor é tudo”
(Jesus Cristo)







sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Bom dia! Veja as manchetes dos jornais desta sexta-feira, 21 de fevereiro. Cabofriense vence Bonsucesso, segue em boa fase e assume 3º lugar. Resultado faz a equipe da Região dos Lagos chegar a 19 pontos no Campeonato Carioca


A Cabofriense confirmou o favoritismo e derrotou o Bonsucesso por 1 a 0,em partida disputada na noite desta quinta-feira, no Estádio Alair Corrêa, em Cabo Frio, pela nona rodada do primeiro turno do Campeonato Carioca.
O resultado fez a equipe da Região dos Lagos assumir a terceira posição, com 19 pontos ganhos, enquanto o Bonsucesso segue com cinco pontos e agora ocupa a última posição.

A presença da torcida foi fundamental para empurrar a Cabofriense em direção a mais um resultado positivo na competição. O Bonsucesso lutou muito, principalmente no segundo tempo, mas a limitação técnica da equipe de Teixeira de Castro impediu um melhor resultado.

O único gol da partida foi marcado por Bruno Veiga, aos 19 minutos, do primeiro tempo. Nill, do Bonsucesso, recebeu cartão vermelho, por reclamar do árbitro, após o apito final.

Na próxima rodada, a Cabofriense visita o Vasco da Gama, em São Januário. O Bonsucesso recebe o Macaé, no Estádio Leônidas da Silva, em Teixeira de Castro.


----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Jornais nacionais
 

Folha de S.Paulo
Veja a versão digital da Folha
À beira de guerra civil, Ucrânia enfrenta dia mais sangrento
Agora S.Paulo
capa
Governo adia pagamento dos atrasados acima de R$ 37.320
O Estado de S.Paulo
Governo corta R$ 44 bi e mercado reage com cautela
O Globo
Ucrânia sofre sanções após massacre nas ruas
Correio Braziliense
Da loucura que mata
Estado de Minas
Caça aos boateiros
Zero Hora
Em busca de credibilidade: Planalto corta R$ 44 bilhões
*
Jornais internacionais
The New York Times (EUA)
Governo da Ucrânia intensifica ataques contra protestos
The Guardian (Reino Unido)
Dia mais sangrento da Ucrânia
El País (Espanha)
O governo ucraniano responde a oposição com derramamento de sangue
Fonte: Folha Online


--------------------------------------------------------------------------------
Correio Braziliense

Manchete: Da loucura que mata...
A trégua anunciada na quarta-feira à noite, na Ucrânia, durou poucas horas. Segundo números oficiais, 75 pessoas morreram desde a terça-feira. Mas a oposição fala em pelo menos 100 mortos e 500 feridos somente nos confrontos de ontem, o dia mais violento desde que o país se tornou independente do então império soviético, em 1991. Do alto de prédios, franco-atiradores atacaram manifestantes. Há, também, relatos de radicais armados disparando contra a polícia. Os protestos começaram depois que o governo optou por um pacto com a Rússia, em vez de uma aliança com a União Europeia. Em repúdio ao banho de sangue, o prefeito da capital ucraniana deixou o partido do presidente Viktor Yanukovich. E o bloco europeu anunciou sanções ao país. (Págs. 1 e 14)


...A loucura que liberta

Quem vai ao CCBB e se vê diante da Obsessão infinita, de Yayoi Kusama (E), dificilmente relaciona a instalação à dor. O mais comum é o visitante se encantar com a delicadeza da estética bem-humorada dessa japonesa. No entanto, é da dor e da loucura que nasce a inspiração da artista plástica, de 87 anos. Diagnosticada com desordem de personalidade e transtorno obsessivo-compulsivo, ela optou por viver em um hospital psiquiátrico. Durante alucinações, ela costuma ver as bolinhas coloridas que permeiam sua obra e a tomaram conhecida no mundo inteiro. A exposição em cartaz em Brasília é uma retrospectiva de seus trabalhos, que transita entre o universo pop, a vanguarda dos anos 1970 e a autobiografia. (Págs. 1 e divirta-se mais, 22 e 23)

Venezuela: Maduro ameaça com estado de exceção
Além de sangrenta repressão aos protestos governo quer militarizar e isolar cidades comandadas pela oposição. (Págs. 1 e 15)
Diplomata na geladeira critica Itamaraty. (Págs. 1 e 2)


Orçamento terá corte de R$ 44 bi. (Págs. 1 e 8 e 9)


------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas

Manchete: Caça aos boateiros 
Polícia vai atrás de quem provoca o pânico ao espalhar falsas notícias de crimes pela internet.

O mais recente boato que se irradiou com força e rapidamente pelas redes sociais, no fim da tarde de quarta-feira, foi o de um suposto arrastão de assaltantes a carros presos no trânsito na Avenida Nossa Senhora do Carmo, no trevo do Belvedere, Região Centro-Sul da capital. Ontem, as cúpulas das polícias Militar e Civil se reuniram para investigar o caso e traçar estratégias para evitar que casos assim se repitam.

Caberá à delegacia de Crimes Cibernéticos fazer as apurações. Os responsáveis poderão responder por falsa comunicação de crime, com pena de até seis meses de prisão e multa. Apesar de não haver registro do arrastão de quarta-feira, comerciantes da Nossa Senhora do Carmo e motoristas que passam pelo trevo do Belvedere relatam que os assaltos ali são constantes. Ontem a PM reforçou o policiamento no local. (Págs. 1 e 17 e 18)

A guerra em Kiev
O confronto mais violento entre forças do governo e oposição desde o início dos protestos na Ucrânia, em novembro, deixou dezenas de mortos e transformou as ruas da capital (acima) num campo de batalha. Militares dizem que desde terça-feira ao menos 75 pessoas morreram. Porém, manifestantes afirmam que foram quase 100 somente ontem. Banho de sangue manchou acordo de trégua firmado no dia anterior e o governo agora fala em antecipar as eleições para este ano. (Págs. 1 e 14)
Eleições 2014: Aécio chama aliados para a batalha
No lançamento de Pimenta da Veiga como candidato tucano ao Palácio da Liberdade, o senador Aécio Neves pediu aos aliados mineiros que cuidem de sua campanha à Presidência no estado, enquanto ele estiver percorrendo o país expondo suas propostas. (Págs. 1 e 3)
Azeredo:"Tenho que retomar a vida"(Págs. 1 e 4)


Protestos: Projeto proíbe máscaras em manifestações de rua
Proposta que deputados federais pretendem votar antes da Copa do Mundo impõe outras regras para protestos, como exigência de comunicação prévia do evento. (Págs. 1 e 2)
Pacote fiscal: Governo corta R$ 44 bilhões do Orçamento
Num esforço para tentar resgatar a credibilidade no controle das contas públicas, o governo federal anunciou ontem cortes em áreas como segurança e obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Medidas incluem redução da meta de superávit primário. (Págs. 1 e 10)
------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio

Manchete: Acaba o mistério. O escolhido é Câmara
Em vez de candidato com perfil político, Eduardo Campos optou por técnico para disputar a sua candidato Paulo câmara sucessão. Paulo Câmara é secretário da Fazenda e anúncio oficial será na segunda-feira. (Págs. 1 e 3 a 6)
Dinheiro é liberado e dragagem recomeça no Rio Capibaribe
Obras do projeto de mobilidade do Rio Capibaribe foram retomadas após paralisação provocada por demora no repasse de recursos do governo federal. Dragagem do canal de navegação voltou a todo vapor (foto). Operação com os barcos deve começar em dezembro. (Págs. 1 e cidades 6)
Fifa ameaça processar o Recife
Irritada com a decisão de Geraldo Julio de não bancar a Fan Fest com recursos públicos, entidade máxima do futebol lembrou que realização da festa na Copa é prevista em contrato e pode acionar a prefeitura. (Págs. 1 e esportes 3)
Caio e Fábio ficam presos até julgamento
A Justiça do Rio acatou denúncia contra acusados de matar cinegrafista. (Págs. 1 e 10)

Outros médicos devem apoiar os radiologistas
Angiologistas, cardiologistas e cirurgiões vasculares ameaçam também suspender atendimento ao plano Camed. (Págs. 1 e economia 1)
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora

Manchete: Em busca de credibilidade: Planalto corta R$ 44 bilhões
Valor a ser economizado do orçamento deste ano para pagar dívida é considerado modesto por analistas. (Págs. 1 e 16 (Editorial) e 20)
Da trégua ao caos: Acordo deu lugar a violência extrema na Ucrânia, com dezenas de mortos e feridos. (Págs. 1 e 30)


------------------------------------------------------------------------------------
Brasil Econômico

Manchete: Corte bom para imagem, mas de eficácia duvidosa
Sem contar com o esforço dos estados e municípios em ano eleitoral, caberá ao governo federal a maior parcela do corte de R$ 44 bilhões no orçamento, para alcançar a meta de superávit de 1,9% do PIB. A redução de 70% nas emendas parlamentares levou à previsão de maior dificuldade para aprovar projetos de interesse do Planalto. A indústria está cética, assim como os economistas.Comércio e serviço creem ser factível. (Págs. 1 e P3 a 5 e 32)
Emprego: Ocupação no Rio sobe com o calor
A região metropolitana do Rio de Janeiro registrou em janeiro uma taxa de desocupação de 3,6%, uma das menores do país. No Brasil, o desemprego subiu para 4,8% no mês passado. (Págs. 1 e P6)
Tecnologia: Avell aposta no mercado dos EUA
A fabricante brasileira de notebooks para jogos começará a produzir ainda este semestre na Flórida, em parceria com a americana Best Solution, que ficará responsável pela logística. (Págs. 1 e P12)
Gooc, reciclagem na própria história
O empresário Thai Quang Nghiã, dois anos após o incêndio que destruiu sua fábrica em SP, retoma planos de expansão e venda de sandálias de pneu no exterior. (Págs. 1 e 16)
Eficiência energética: Potencial de economia equivale a meia Itaipu
Incentivos ao uso racional de eletricidade podem liberar para o consumo 46 TWh por ano, volume que representa metade da produção da maior hidrelétrica brasileira. O tema, entretanto, só é lembrado em situações de crise, dizem especialistas. (Págs. 1 e P8 e 9)
OI: Operação de fusão com PT incluirá debêntures conversíveis. (Págs. 1 e P10 e 11)


Alibaba: Site chinês usa Brasil para alcançar mercado sul-americano. (Págs. 1 e P13)


Agenda cultural: Exposição de Eikoh Hosoe chega dia 26 ao Sesc Consolação. (Págs. 1 e P24 e 25)


------------------------------------------------------------------------------------
EBC Serviços
Postar um comentário