Bom dia! veja as manchetes dos jornais desta segunda-feira, 24 de fevereiro. 8 órgãos abrem hoje inscrições para 3,7 mil vagas. Salários chegam a R$ 10.883,32 na Secretaria de Fazenda do MS. Só na Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares são 1,9 mil vagas.


Pelo menos 8 órgãos abrem inscrições nesta segunda-feira (24) para 3.738 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 10.883,32 na Secretaria de Fazenda do Mato Grosso do Sul. Somente na Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares são 1.919 vagas.
Câmara Municipal do Pontal do Paraná (PR)A Câmara Municipal do Pontal do Paraná (PR) abriu concurso para 11 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários vão de R$ 700 a R$ 2.200. Os candidatos podem se inscrever entre os dias 24 de fevereiro de 2014 e 13 de março pelo site www.concursocec.com.br. A prova será aplicada no dia 27 de abril (veja o edital no site da organizadora).
Empresa Brasileira de Serviços HospitalaresA Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares divulgou seis editais de concurso público, em um total de 1.919 vagas, em cargos de nível médio e superior. As oportunidades são para o Hospital Edgard Santos (HUPES) e para a Maternidade Climério de Oliveira (COM), da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Os salários vão de R$ 1.630 a R$ 7.774. As inscrições devem ser feitas entre 24 de fevereiro e 4 de abril pelo site www.iades.com.br. As provas objetivas estão previstas para o dia 4 de maio (veja os editais no site da organizadora).
PetrobrasA Petrobras abriu processo seletivo para o total de 1.232 vagas em cargos de nível médio e superior, sendo 100 imediatas e 1.132 para cadastro de reserva, incluindo as vagas reservadas para portadores de deficiência. O salário para cargos de nível médio é de R$ 3.400,47. Para engenheiro a remuneração mínima é de R$ 8.081,98. Para médico, é de R$ 7.501,06. As inscrições devem ser feitas de 24 de fevereiro a 17 de março pelo site www.cesgranrio.org.br. As provas objetivas serão realizadas em 18 de maio (veja a matéria completa).
Polícia Civil de São PauloA Polícia Civil do Estado de São Paulo divulgou edital de concurso público para 140 vagas de médico legista. O salário é de R$ 7.516,02. Do total das vagas, 5% são reservadas para pessoas com deficiência. As inscrições podem ser feitas no período de 24 de fevereiro de 2014 a 26 de março de 2014 pelo site www.vunesp.com.br. A aplicação da prova objetiva está prevista para o dia 27 de abril (veja a matéria completa).
Prefeitura de Itapuca (RS)A Prefeitura de Itapuca (RS) abriu concurso para 25 vagas em cargos de nível fundamental, médio e superior. Os salários vão de R$ 773,45 a R$ 4.279,88. As inscrições devem ser feitas no período de 24 de fevereiro a 7 de março, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h, na Prefeitura de Itapuca, localizada na Avenida Julio Cardoso, 953. A prova objetiva será aplicada na data provável de 22 de março (veja o edital no site da organizadora).
Secretaria da Fazenda do Mato Grosso do SulA Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz) de Mato Grosso do Sul reabriu as inscrições do concurso para 60 vagas de agente tributário e fiscal de rendas (nível superior). Os salários vão de R$ 6.661,57 a R$ 10.883,32. As inscrições devem ser feitas de 24 de fevereiro até 17 de março pelo site www.concurso.ms.gov.br. A nova data da prova não foi informada(veja a matéria completa).
Secretaria do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável de Minas GeraisA Secretaria de Estado do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais abriu processo seletivo para 330 vagas para brigadistas (nível fundamental). Os salários variam de R$ 724 a R$ 1.158,40. As inscrições podem ser feitas entre 24 de fevereiro e 11 de março pelo site www.meioambiente.mg.gov.br (veja a matéria completa).
Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região, no MaranhãoO Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região, no Maranhão, abriu concurso para 21 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de nível médio e superior. As inscrições poderão ser feitas entre os dias 24 de fevereiro e 18 de março pelo site www.concursosfcc.com.br. A aplicação das provas objetivas e discursivas está prevista para o dia 4 de maio (veja a matéria completa).



-------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Correio Braziliense
Manchete: Manual de uma tragédia
Junte 11 pessoas para passeio em canoa com capacidade para cinco.

Permita que, no grupo embarcado, 10 não usem o colete salva-vidas.
Coloque na embarcação nove integrantes que não saibam nadar.
Convoque para pilotar o veículo alguém que não tenha habilitação.
Resultado: sete mortos, incluindo quatro crianças, da mesma família.

Esse roteiro de desleixos provocou o afogamento de quatro crianças, uma adolescente e dois adultos no Rio Corumbá, em Luziânia, na tarde de sábado. Os 10 passageiros eram parentes, a maioria morava em Santa Maria e visitava a chácara da matriarca da família. Pedro Henrique, 6 anos, o único com colete, salvou a mãe, Joseane, que não sabia nadar. Piloto e sobreviventes têm versões distintas para as causas. A Polícia Civil de Luziânia começa a apurar o episódio e trabalha com a hipótese de homicídio culposo. (Págs. 1 e 17 e 18)







O cerco feito por uma força-tarefa policial a um bando de ladrões de banco em Itamonte, que amanheceu marcada pelo tiroteio, como a fachada de um hotel, e a morte de nove suspeitos são mais um registro das incursões de criminosos oriundos de São Paulo aos municípios sul-mineiros. Segundo levantamento da Secretaria de Defesa Social (Seds), houve em 2013 pelo menos 53 ataques com uso de explosivos a agências bancárias na região. Mas fontes não oficiais informam que foram quase 80 ações. Investigações apontam que os grupos são ligados a poderosas organizações criminosas do país, com forte ramificação no território paulista. Ontem à tarde, dois bandidos que fugiram ao cerco em Itamonte sequestraram um comerciante na BR-354. No fim da noite, a polícia matou um deles e libertou o refém. (Págs. 1 e 17)
O cerco feito por uma força-tarefa policial a um bando de ladrões de banco em Itamonte, que amanheceu marcada pelo tiroteio, como a fachada de um hotel, e a morte de nove suspeitos são mais um registro das incursões de criminosos oriundos de São Paulo aos municípios sul-mineiros. Segundo levantamento da Secretaria de Defesa Social (Seds), houve em 2013 pelo menos 53 ataques com uso de explosivos a agências bancárias na região. Mas fontes não oficiais informam que foram quase 80 ações. Investigações apontam que os grupos são ligados a poderosas organizações criminosas do país, com forte ramificação no território paulista. Ontem à tarde, dois bandidos que fugiram ao cerco em Itamonte sequestraram um comerciante na BR-354. No fim da noite, a polícia matou um deles e libertou o refém. (Págs. 1 e 17)




















Trabalhador paga o triplo em 10 anos
Volume de tributação retida na fonte subiu devido ao aumento da remuneração, às oportunidades de emprego e à defasagem da tabela de declaração. Especialistas criticam a relação entre a pesada carga paga pelos trabalhadores e a péssima qualidade dos serviços públicos. (Págs. 1 e 7)
Rumo à prisão
O ex-deputado federal Roberto Jefferson (PTB-RJ), que denunciou o esquema do mensalão, aproveita os últimos instantes de liberdade. Ele deverá ser detido hoje. (Págs. 1 e 3) 
Dinheiro: PF gasta R$5,4 mi com remoção de servidores
Ajudas de custo individuais, motivadas por transferências administrativas pelas regiões do país, pesam no bolso do contribuinte. (Págs. 1 e 2)
Eleições 2014: Agnelo é indicado à reeleição
0 diretório regional do Partido dos Trabalhadores confirmou, por unanimidade, a candidatura do atual chefe do executivo do DF. (Págs. 1 e 20)
Presidente interino da Ucrânia flerta com a UE (Págs. 1 e 12)

------------------------------------------------------------------------------------
Estado de Minas
Manchete: Crime sem fronteiras
Quadrilhas paulistas fizeram quase 80 ataques a bancos em cidades do Sul de Minas no ano passado.
Diretas Já: Comício que entrou para a história de BH
Em 24 de fevereiro de 1984 cerca de 400 mil pessoas lotaram a Praça Rio Branco, também conhecida como Praça da Rodoviária, em apoio a campanha Diretas Já. No palanque, artistas e políticos, entre os quais Lula, Leonel Brizola, Ulysses Guimarães e Tancredo Neves. Foi o terceiro maior comício do país pela volta do direito de eleger o presidente da República. Os mais concorridos foram no Rio (1 milhão) e São Paulo (1,5 milhão), ambos em abril daquele ano. (Págs. 1 e 6)
Mensalão: Jefferson curte de moto o domingo de liberdade ( Págs. 1 e 2)

Ucrânia: Novo presidente promete aproximação com ocidente (Págs. 1 e 14) 

------------------------------------------------------------------------------------
Jornal do Commercio
Manchete: Ousadia e fôlego na rua
Domingo pré-carnavalesco mostrou que o folião está disposto a se jogar de cabeça na festa. Multidão curtiu a irreverência das Virgens do Bairro Novo, pela manhã e à tarde. Recife Antigo e o Olinda Beer ficaram lotados até a noite. (Págs. 1 e capa dois e página 8)
Serviços vão fazer a inflação subir na Copa
Especialistas acreditam que a aceleração vai se dar apenas entre junho e julho. (Págs. 1 e 7)
Expectativa para anúncio de Paulo Câmara
Presença de João Lyra ainda é incerta no ato para lançamento da chapa governista. (Págs. 1 e 3)
------------------------------------------------------------------------------------
Zero Hora
Manchete: Peso no prato: Dentro e fora de casa, comida eleva a inflação
Preço de alimentos, como frutas, legumes e carnes, subiu 79,1% nos últimos sete anos, enquanto a média geral do IPCA aumentou 45,9% no período. (Págs. 1 e 4 e 5)
Antes da prisão, um passeio
Delator do mensalão, Jefferson, vigiado pela PF, aproveitou ontem "momentos finais de liberdade" e deve ser levado hoje a penitenciária. (Págs. 1 e 8)
Negócios suspeitos: FBI está no rastro de advogado gaúcho
Na conta de Maurício Dal Agnol, que está no Exterior, teriam passado R$ 480 milhões em quatro anos. (Págs. 1 e 38)
------------------------------------------------------------------------------------
Brasil Econômico
Manchete: "Ainda e cedo pra cravar a vitória de Dilma"
Com o aval de quem se tornou conhecido por antecipar o golpe de 1964 em artigo escrito em 1962, o cientista político Wanderley Guilherme dos Santos não nega o favoritismo da presidenta para a reeleição, mas alerta que muita coisa pode acontecer. Fundador do Iuperj e escritor reconhecido internacionalmente, ele não vê nas manifestações de rua uma ameaça à democracia. "Ao contrário, demonstram que as instituições democráticas do país estão fortes". Ele diz ainda que a vida da oposição ao governo federal não está fácil: toda crítica tem, como resposta, a elaboração de um programa social. (Págs. 1 e P4 a 7)
Balcão: Bovespa e Cetip brigam por renda fixa
As duas instituições disputam um mercado de R$ 1 trilhão em títulos privados. Operadores esperam que a concorrência reduza os preços do registro de papéis, a partir de março. (Págs. 1 e P20 e 21)
Sustentabilidade: Clima muda e projetos levam choque de realidade
Fenômenos climáticos atípicos já fazem parte do planejamento estratégico de empresas, que buscam soluções para manter a produtividade em situações adversas. (Págs. 1 e P12)
Infraestrutura: Com os projetos para Copa e Olimpíada, o faturamento da brasileira Elevadores Villarta cresceu 15% em 2013. (Págs. 1 e P15)


Olhar do Planalto: AGU, BC e Caixa preparam relatório para convencer o STF que é impossível alterar a correção do FGTS. (Págs. 1 e P9)


Contas externas: Janeiro fechou com déficit de US$ 11,59 bilhões. Brasileiros gastam menos no exterior com alta do dólar e IOF. (Págs. 1 e P8)


--------------------------------------------------------------------
Radiobrás
0