Bom dia! Greve de garis entra no 6º dia com proposta de suspensão de demissões. Movimento volta a se reunir hoje para discutir rumos da paralisação

Do R7
O grupo de garis do Rio de Janeiro que decidiu paralisar por um maior reajuste salarial deve voltar a se reunir nesta quinta (6) para discutir os rumos da greve. A Defensoria Pública do Rio de Janeiro intermediou negociação dos trabalhadores grevistas com a prefeitura, que aceitou suspender as demissões, caso os trabalhadores retornem nesta quinta a seus turnos.
A proposta dos grevistas incluía, além da suspensão da demissão dos cerca de 300 garis que receberam carta da Comlurb, reajuste salarial acima dos termos firmados entre sindicato e prefeitura. Entretanto, como a prefeitura não aceitou o aumento salarial proposto, os garis decidiram manter o movimento, segundo Alexandre Pais, gari que integra o movimento.
Enquanto isso, a cidade do Rio de Janeiro pós-Carnaval continua a sofrer com o lixo que se acumula nas ruas. Na pressa para limpar o aterro do Flamengo, garis que não aderiram à greve saíram na quarta (5) sem luvas ou botas — equipamentos fundamentais para garantir a segurança e a saúde deles. No centro, um cinegrafista amador gravou garis sendo escoltados por guardas e PMs a fim de garantir a coleta de lixo.  
O vice-presidente do Sindicato dos Empregados em Asseio e Conservação do Município do Rio de Janeiro, Antônio Carlos Silva, disse que trabalhadores que decidiram paralisar chegaram a "sabotar" a coleta de lixo, depejando lixo na avenida Presidente Vargas.  
Enquanto o movimento composto por dissidentes do sindicato estima que cerca de mil trabalhadores aderiram à greve, o sindicato minimiza a situação e estima a adesão em cerca de 200 homens.   
O acordo do sindicato prevê aumento do piso salarial de R$ 802,51 para R$ 874,79. Com o complemento de 40% de insalubridade, a remuenração chega a R$ 1.224,72. Já os grevistas exigem que o piso suba para R$ 1.200, mais os 40% de insalubridade.  
Lojistas da Saara (Sociedade de Amigos da Rua da Alfândega e Adjacências) arregaçaram as mangas e decidiram recolher o lixo por conta própria. De acordo com Ênio Bittencourt, presidente da Saara, maior shopping center a céu aberto do estado, todas as 11 ruas da região ficaram limpas após o trabalho dos funcionários.  
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Valor
image
- Crédito de longo prazo à exportação tem forte alta.
- Automóveis ditam ritmo da indústria.
- Carrefour vai investir R$ 1,6 bilhão.
- Um general preocupado com a Olimpíada.
- Ucrânia e Brasil puxam alta geral das commodities.
Folha de S.Paulo
- Governo vai mudar leilão de celular para fazer caixa.
- União Europeia oferece auxílio de US$ 15 bi para a Ucrânia.
- Cubanos ocupam 4 de cada 5 vagas do Mais Médicos.
- No Rio, Paes chama de 'marginal' gari que impede limpeza.
- Venezuela prende 16 pessoas no dia de um ano sem Chávez.
O Globo
- Unidos da Tijuca vence a corrida pelo título.
- Greve de garis vira caso de polícia.
- UE oferece 11 bilhões de euros em ajuda à Ucrânia.
- Reservatórios no nível de 2001.
- Seleção goleia no teste final.
O Estado de S.Paulo
- Rússia e EUA fracassam em acordo sobre Ucrânia.
- Alstom e Siemens usaram firmas de fachada.
- Tesouro prepara captação em euro e iene.
- Com 37 mortes, estrada tem pior feriado em 4 anos.
- Brasil faz 5 a 0, com 3 de Neymar.
0